Portal O Debate
Grupo WhatsApp

A tecnologia a serviço do mercado pet

A tecnologia a serviço do mercado pet

09/07/2022 Tom Ricetti

Não é novidade que a tecnologia já é uma grande aliada no nosso dia a dia, seja na vida pessoal ou profissional.

A tecnologia a serviço do mercado pet

Afinal, o que seria de nós hoje sem as facilidades proporcionadas pelas soluções tecnológicas? Conseguem lembrar da época em que tínhamos que ligar para uma companhia de táxi para pedir um carro? Ou ainda, você ainda guarda na memória a época que usávamos fichas para telefonar a partir de um orelhão? Pois é, agora os tempos são outros, ainda bem!

A cada dia que passa vemos novas tecnologias surgindo e sendo empregadas em diversos setores. Inclusive, é comum você ou algum conhecido já ter uma Alexa à disposição integrada com a iluminação ou com o sistema de som, por exemplo. É engraçado pensar que isso era considerado algo futurista há dez anos!

A tendência é que, em um futuro não muito distante, a tecnologia esteja totalmente integrada em todos os segmentos. Afinal, o emprego de ferramentas tecnológicas deixou de ser um diferencial competitivo para se tornar uma necessidade buscada pelos consumidores. E um dos setores que vem se atualizando de acordo com essa perspectiva é o mercado pet, uma vez que é um dos que mais tem lucrado e tem os clientes mais exigentes. 

Segundo o último levantamento divulgado pelo Instituto Pet Brasil, o setor de produtos, serviços e comércio de animais de estimação registrou alta de 27% no faturamento em 2021 em comparação a 2020, sendo que a venda de produtos de higiene e bem-estar animal, chamados de pet care, foram os responsáveis por 19,5% desse crescimento, abocanhando cerca de R$ 2,8 bilhões desse lucro.  

E isso se explica, principalmente, pela alta no número de tutores de animais de estimação com a pandemia. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), os cães já estão presentes em 33,8 milhões de domicílios e os gatos, em 14,1 milhões, totalizando 47,9 milhões de lares, um número bastante expressivo e que mostra o tamanho desse mercado. 

A questão é que, com esse crescimento acelerado, ter a tecnologia como aliada se tornará imprescindível em breve. Hoje, já podemos contar com algumas facilidades, que vão desde banho e tosa em domicílio, entrega expressa de produtos por meio de aplicativos, e táxi dog, até creches e convênios médicos especializados. Porém, ainda há muito a ser desenvolvido e criado pensando em facilitar a vida dos donos de animais de estimação. 

Autonomia para os pais de pet é o que vai ditar o emprego da tecnologia nesse setor. Em breve, veremos a cada esquina, lojas cada vez mais tecnológicas e automatizadas, que funcionarão 24 horas por dia, possibilitando que esses consumidores possam recorrer a esses estabelecimentos sempre que precisarem. Também veremos o número de empresas e startups focadas nesse público se multiplicando cada vez mais, as possibilidades são infinitas e possíveis.

Se você, assim como eu, também é apaixonado por pets, vai ser muito beneficiado com essas novas iniciativas. Vale a pena ficar ligado nas novidades e usufruir delas sem moderação!

* Tom Ricetti é Sócio Fundador da ONII Soluções Autônomas, empresa parceira da Pet to Go, primeira marca de lojas autônomas de pet shop no mundo.

Para mais informações sobre Pets clique aqui...

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Fonte: Bird Comunicação



Saiba como trabalhar com os animais sem precisar abrir um negócio

Com a alta procura por serviços de bem-estar animal, área pet gera oportunidades de trabalho autônomo com baixo investimento.

Saiba como trabalhar com os animais sem precisar abrir um negócio

Terminação dos bovinos em confinamento pode aumentar a produção das fazendas de forma rentável

Planejamento é essencial para os pecuaristas que buscam adesão a esse sistema.

Terminação dos bovinos em confinamento pode aumentar a produção das fazendas de forma rentável

Gasto anual com gatos chega a ser 178% menor que com cachorros

Atualmente, os pets fazem parte da vida de mais de 80 milhões de lares brasileiros.

Gasto anual com gatos chega a ser 178% menor que com cachorros

Páscoa: Chocolates são altamente prejudiciais à saúde dos pets

Além do símbolo da data, veterinária alerta para que tutores evitem oferecer outros alimentos típicos das celebrações familiares.

Páscoa: Chocolates são altamente prejudiciais à saúde dos pets

Uso de farelos contribui para corrigir a nutrição de bovinos

Suplementação é necessária em casos de déficit protéico e energético na dieta dos animais.

Uso de farelos contribui para corrigir a nutrição de bovinos

Dores em gatos: saiba como identificar

O hábito dos felinos esconderem sinais clínicos pode atrasar a detecção de doenças e comprometer o tratamento.

Dores em gatos: saiba como identificar

MEI representa 78% dos negócios ligados ao mercado pet

Levantamento realizado pelo Sebrae detectou que crescimento do setor tem ocorrido desde 2012.

MEI representa 78% dos negócios ligados ao mercado pet

Morte de pets reforça urgência de rever normas para transporte aéreo

No último mês dois cães morreram durante voos nacionais; transporte requer cuidados e preparação prévia.

Morte de pets reforça urgência de rever normas para transporte aéreo

Abandono de animais cresce 61%, e plataforma busca aumentar adoções

Crises financeira, econômica e sanitária após a pandemia do novo coronavírus deram luz à falta de responsabilidade das pessoas com animais de estimação.

Abandono de animais cresce 61%, e plataforma busca aumentar adoções

Saiba quais são os Direitos dos pets em caso de separação do casal

Como fica o animal numa situação de separação ou de falecimento do dono?

Saiba quais são os Direitos dos pets em caso de separação do casal

Pet Society investe R$ 35 milhões em nova fábrica e gera 200 empregos

Indústria de produtos e cosméticos para higiene e bem estar Pet constrói a fábrica mais moderna do segmento em toda América Latina.

Pet Society investe R$ 35 milhões em nova fábrica e gera 200 empregos

Como evitar que as micotoxinas interfiram na saúde e no desenvolvimento do seu cavalo

Os equinos são animais que, apesar de serem grandes e robustos, são sensíveis como qualquer outro, principalmente, às contaminações por fungos, como a micotoxina.

Como evitar que as micotoxinas interfiram na saúde e no desenvolvimento do seu cavalo