Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Proteger os animais é compreender suas necessidades

Proteger os animais é compreender suas necessidades

29/04/2023 Vininha F. Carvalho

É preciso educar as pessoas para que não ocorra o abandono, tornando cada cidadão responsável pelo seu animal.

Proteger os animais é compreender suas necessidades

É o que afirmam cientistas da Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos. Em uma reportagem da revista "New Scientist", os pesquisadores afirmam que o melhor amigo do homem sabe contar e que tenta passar mensagens usando diferentes tipos de latidos.

Em geral, os cães latem alto quando são separados de seus donos. Já quando estranhos se aproximam ou a campainha toca, emitem latidos baixos e secos, explica a especialista em comportamento animal da universidade, Sophia Yin. Quando brincam, os sons são altos e espaçados.

Por isto, segundo Vininha F. Carvalho, editora da Revista Ecotour News, não existem raças "problemas" e sim humanos que cuidam de cães, de raças ou não, de forma inadequada. Numa sociedade cada vez mais urbana e distante da natureza, poucas pessoas conseguem compreender a "linguagem" do seu animal e, por isto, acabam abandonando-o a própria sorte.

O grande desafio da causa dos animais é construir uma nova mentalidade, conduzindo as ações para que haja um amadurecimento no relacionamento entre as pessoas e os animais. Para que isto se torne possível, se faz necessário diferenciar responsabilidade social de caridade.

A responsabilidade social enfoca a busca da solução do problema, agindo diretamente na causa. A caridade investe na consequência, dificultando que o problema seja resolvido, pois não estimula a união de esforços para descobrir a verdadeira causa do problema. O assistencialismo é imediatista. A responsabilidade social é uma atitude que envolve determinação e persistência, que garante um futuro muito melhor.

Para Vininha F. Carvalho, o ideal não é apenas lutar para tirar os animais da rua. É preciso educar as pessoas para que não ocorra o abandono, tornando cada cidadão responsável pelo seu animal. “Precisamos dar futuro aos animais, e isto com certeza, não se faz através de esmolas, e sim, com conscientização de seus direitos, incidindo no adestramento adequado, que propiciará um convívio harmonioso”, conclui.

Despertar a criatividade, através de novas ideias, ecoando nos corações sensíveis, conseguindo instalar nas mentes o desejo de amar e respeitar os animais é a meta a ser atingida. Agindo assim, formaremos uma legião de educadores, capazes de promover a posse responsável e o controle de natalidade.

* Vininha F. Carvalho, editora da Revista Ecotour News,

Fonte: Ecotour News



No envelhecimento de cães e gatos, a alimentação faz total diferença

Especialista veterinária destaca a nutrição como ponto-chave na preservação e tratamento da saúde renal dos pets.

Autor: Divulgação

No envelhecimento de cães e gatos, a alimentação faz total diferença

As maiores preocupações dos tutores de animais no mundo moderno

Entendendo os desafios e responsabilidades na tutela de pets.

Autor: Divulgação

As maiores preocupações dos tutores de animais no mundo moderno

Moda bilionária: os pets seguiram em alta em 2023

Os números do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) colocam o Brasil na 3ª posição no ranking mundial do segmento de pets.

Autor: Simone Cordeiro

Moda bilionária: os pets seguiram em alta em 2023

Aplicativo facilita compra e venda de gado

Plataforma CompreGados permite negociações sem a necessidade de submeter animais ao desgaste de feiras e leilões.

Autor: Divulgação

Aplicativo facilita compra e venda de gado

Especialidades veterinárias em alta

Descubra as áreas mais promissoras e inovadoras na medicina veterinária.

Autor: Divulgação

Especialidades veterinárias em alta

Pets, carinho e a demência

Se você queria mais um motivo para adotar um cachorrinho, aqui vai.

Autor: Simone Cordeiro

Pets, carinho e a demência

Cias áreas têm autonomia para negar pets em voos

Resolução da Anac, que reforça tese, passou a valer no início de outubro.

Autor: Rafael Verdant

Cias áreas têm autonomia para negar pets em voos

Latidos e miados no condomínio

Ter um cachorro ou um gato no apartamento costuma trazer mais do que um relacionamento saudável com o pet.

Autor: Pedro Xavier

Latidos e miados no condomínio

Seu pet também sente mais fome no frio!

Além de desmistificar sobre a alimentação, médica-veterinária orienta sobre os principais cuidados com os animais no inverno.

Autor: Mariana Fragoso Rentas

Seu pet também sente mais fome no frio!

Cachorro pode comer maçã?

Fonte de fibras e vitaminas, alimento pode ser oferecido aos cães, mas exige cuidados especiais.

Autor: Divulgação

Cachorro pode comer maçã?

Principais cuidados com os pets durante o inverno

Atenção com alimentação, hidratação e passeios estão entre as dicas da especialista para evitar doenças no pet.

Autor: Isabella Morales

Principais cuidados com os pets durante o inverno

Fogos e estalinhos: como proteger os animais nas festas juninas

Especialista explica as possíveis reações dos pets e o que pode ser feito para amenizar o pânico e transtornos causados pelas explosões.

Autor: Bruno Alvarenga

Fogos e estalinhos: como proteger os animais nas festas juninas