Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Obesidade pode complicar a saúde do seu gato

Obesidade pode complicar a saúde do seu gato

22/06/2016 Ana Paula Morais

A obesidade felina pode reduzir a qualidade e o tempo de vida do seu pet

Obesidade pode complicar a saúde do seu gato

Se o seu gatinho começou a engordar, ficando cada dia mais redondinho. Melhor cuidar do deu bichano. A obesidade felina pode trazer vários problemas para a saúde, além de comprometer a qualidade e o tempo de vida.

Os gatos acima do peso podem desenvolver problemas metabólicos como a obesidade e a diabetes. A médica-veterinária e coordenadora técnica da Farmina Pet Foods, Patrícia Padovez (foto), explica que a obesidade é a porta de entrada para o surgimento de diversas complicações: doenças respiratórias, cardiovasculares, dermatológicas, ortopédicas, renais e hepáticas são algumas delas. “A obesidade aumenta as chances de o animal desenvolver diabetes, que acarreta vários transtornos ao animal podendo levar à morte”.

Se você suspeita que seu gato esteja acima do peso, o ideal é leva-lo ao veterinário para uma avaliação. “Alguns truques podem ajudar a identificar se o pet está acima do peso ou não: ao olhar o gato de cima, ele deve ter uma cintura visível, e ao apalpar a região do tórax do animal, deve ser possível sentir as costelas”, ensina Padovez. O ideal é leva-lo ao veterinário para que seja examinado. Segundo a veterinária, o gato será considerado obeso quando apresentar um sobrepeso a partir de 30% do seu peso estimado.

Nutrição
Padovez explica que o desequilíbrio de nutrientes afeta, primeiramente, a pele e os pelos do animal. “Provavelmente, esse animal irá apresentar pelos opacos, quebradiços e com queda acentuada, podendo eventualmente apresentar áreas com falhas de pelos e alterações na pele – ressecada e com “casquinhas”,” ressalta. Outras anormalidades podem ser encontradas por meio do exame clínico do animal.

Os gatos têm algumas exigências nutricionais específicas que os diferem de outras espécies. “Enquanto, os cães são capazes de transformar e metabolizar alguns nutrientes vitais para o seu organismo por meio de outros fornecidos na alimentação, para os gatos, esses nutrientes necessitam ser adicionados”, explica a veterinária.

Dentre esses nutrientes está a taurina, um aminoácido essencial para o gato, porém não para o cão. Em situações de falta ou quantidade inadequada na ração, o gato irá apresentar problemas relacionados à visão, ao coração, vindo a óbito caso o problema não seja solucionado rapidamente.

Gatos castrados

Os gatos castrados diminuem as saídas para a rua, ficando mais em casa e, consequentemente, acabam gastando menos energia. Por esse motivo, a castração pode ser associada ao ganho de peso, devendo o proprietário adequar a alimentação a partir da cirurgia.

De acordo com Padovez, o ideal é que se adeque a alimentação de acordo com o peso e grau de atividade do animal, sempre respeitando a quantidade de alimento sugerida na embalagem pelo fabricante. Ela sugere como alternativa a introdução de alimentos úmidos na rotina, que por terem um alto teor de água na composição, são de baixa densidade calórica. “Além de auxiliar na manutenção do peso, os alimentos úmidos são fundamentais para um manejo hídrico adequado, já que a maioria dos gatos não bebe a quantidade diária de água suficiente” ressalta.

Controle de peso
Gatos obesos devem receber uma dieta para emagrecimento com acompanhamento de um veterinário, além da perda de peso, deve ser feito o acompanhamento do score corporal. Nesse caso, ele irá receber um alimento coadjuvante, que são de prescrição exclusiva de médicos veterinários.

No caso do gato castrado, na maioria das vezes, não há necessidade de perda de peso, mas sim de se evitar que o gato ganhe peso. Nesse caso, a veterinária indica o alimento light, que irá auxiliar na manutenção do peso corporal do animal prevenindo o ganho de peso. Alimentos específicos para gatos castrados também são considerados light, já que têm redução de gordura na mesma proporção.

De acordo com Padovez, a perda de peso estimada para gatos é de 0,5 a 1% de do peso corporal por semana, sendo assim, dependendo de quanto peso o animal tem que perder, o tratamento pode durar vários meses.

“A Farmina possui o Vet Life Natural Feline Obesity em seu portfólio. O alimento é indicado para a redução do excesso de peso corporal em gatos adultos e possui baixa densidade energética e elevado teor de fibras e proteínas de qualidade, além de ser formulado apenas com conservantes naturais e livre de transgênicos” informa Padovez.

Após a perda de peso estimada, o animal deve receber um produto de manutenção light e, preferencialmente, associado a alimentos úmidos. Antes de mudar a alimentação do pet, é importante consultar um veterinário que fará o diagnóstico e as recomendações necessárias para o tratamento. Também é importante trocar gradativamente a ração do animal.



Viajando com segurança com cães e gatos

Veterinário do CEUB ressalta a importância do planejamento prévio e da avaliação da saúde dos animais.

Autor: Divulgação

Viajando com segurança com cães e gatos

Inteligência Artificial aprimora diagnóstico veterinário

Equipamentos e plataformas internacionais oferecem maior qualidade assistencial e produtividade aos médicos-veterinários.

Autor: Divulgação

Inteligência Artificial aprimora diagnóstico veterinário

Cuidados com pets no inverno: veterinário dá dicas para proteger cães e gatos

Os pets podem sofrer com o frio e a baixa umidade do ar. Especialista ensina como proteger os animais nesta temporada.

Autor: Divulgação

Cuidados com pets no inverno: veterinário dá dicas para proteger cães e gatos

Capivaras ajudam a preservar a orla e a qualidade da água do Lago Paranoá

Pesquisa de Medicina Veterinária do CEUB revela que, apesar do aumento desta população durante a pandemia, animais não apresentam riscos de zoonoses.

Autor: Divulgação

Capivaras ajudam a preservar a orla e a qualidade da água do Lago Paranoá

A morte do Joca e a responsabilidade da companhia aérea

A história de amor dos homens pelos animais remonta à antiguidade.

Autor: Bady Curi Neto

A morte do Joca e a responsabilidade da companhia aérea

Mais que amigos: cães desenvolvem instinto protetor com a família

A experiência de ter um pet costuma proporcionar experiências valiosas aos tutores.

Autor: Simone Cordeiro

Mais que amigos: cães desenvolvem instinto protetor com a família

Vai adotar um pet? Veja 5 passos para uma convivência positiva

Médica veterinária explica a futuros pais e mães de pet como se preparar antes de decidir acolher um bichinho.

Autor: Divulgação

Vai adotar um pet? Veja 5 passos para uma convivência positiva

Conte suas histórias com seus pets

Como foi o primeiro dia de seu bichinho de estimação em casa?

Autor: Divulgação

Conte suas histórias com seus pets

Beijo de pet faz mal para a saúde da boca?

Profissional de odontologia e veterinária explicam os riscos e benefícios do carinho conhecido como lambeijo.

Autor: Divulgação

Beijo de pet faz mal para a saúde da boca?

Consumo de chocolate é perigoso para os pets

O consumo desta guloseima por eles pode se transformar em sérios problemas de saúde.

Autor: Divulgação

Consumo de chocolate é perigoso para os pets

Hábito de beber pouca água pode prejudicar a saúde dos felinos

Os alimentos úmidos podem ser utilizados como estratégia para estimular a ingestão hídrica por esses pets.

Autor: Divulgação

Hábito de beber pouca água pode prejudicar a saúde dos felinos

Adoção de animais transforma vida de tutores e inspira negócios

Diversos relatos exemplificam como os animais têm o incrível poder de impactar positivamente o mundo à sua volta.

Autor: Divulgação

Adoção de animais transforma vida de tutores e inspira negócios