Portal O Debate
Grupo WhatsApp

A dor de cabeça de Lula, Dilma, Temer e Aécio

A dor de cabeça de Lula, Dilma, Temer e Aécio

25/05/2017 Julio César Cardoso

Palocci volta atrás e recontrata advogado para negociar delação.

Lula se ferrará, mais uma vez, caso o “Italiano” conte toda a patifaria mantida com o “chefão”. Diante do juiz Sérgio Moro, Lula, irrequieto e nervoso, quis transferir à sua falecida esposa a responsabilidade pelo tríplex de Guarujá, com evasivas de que o imóvel tinha quinhentos defeitos, era pequeno demais para uma família numerosa (como se todos fossem morar sob o mesmo teto) e que a falecida não gostava de praia, mas Lula e Marisa já foram fotografados inúmeras vezes em praia.

Por outro lado, os marqueteiros João Santana e Mônica Moura - que não têm por que blindar Lula e Dilma, pois a atuação deles era apenas de prestação de serviços profissionais e, portanto, tinham que ser remunerados pelos trabalhos prestados, não importando a fonte e nem o local dos pagamentos – se somam a Odebrecht, OAS, Delcídio do Amaral, Renato Duque e a Joesley Batista/JBS, para desnudar a vestal, a pureza, o fingimento de Lula e Dilma, que sempre afirmaram que não havia corrupção em seus governos e que não participavam de falcatruas na macrodelinquência governamental.

Mônica Moura revelou que recebia de Dilma informações sigilosas da Lava-Jato. Elaborou até senha secreta para se comunicar com Dilma. Enfim, com a maior naturalidade Mônica contou o submundo corrupto da presidente cassada e do chefão Lula e disse mais: que Dilma Rousseff mandou Mônica Moura pagar o cabeleireiro Celso Kamura porque ela “não tinha rubrica” para isso.

Foram 40 mil reais em dinheiro para tratar da cabeleira da “presidenta inocenta”. E para completar o quadro emoldurado de denúncias de corrupção, eis que o empresário Joesley Batista, da JBS, vem botar mais combustível na fogueira ao divulgar gravações que comprometem o comportamento do presidente Michel Temer, como também do senador Aécio Neves.

Como sói acontecer, todos os denunciados negam a veracidade das acusações. Só que é muita coincidência haver uma conspiração de todos para prejudicar Lula, Dilma, Temer e Aécio. Somente ingênuos brasileiros podem acreditar na santa inocência dos personagens aqui abordados. E quanto à honradez de Lula e Dilma, especialmente diante das confissões de gentes de sua relação, a vestal deles fica desnudada.

A história do Brasil não pode continuar sendo desmoralizada por políticos ou grupos empresariais corruptos mais interessados em saquear os cofres públicos, enquanto continuamos tendo bolsão de miseráveis acentuados nos estados, por exemplo, de Alagoas, Ceará, Maranhão, Amazonas, como também nas demais unidades da federação.

* Júlio César Cardoso é Bacharel em Direito e servidor federal aposentado.



Gentileza na política é possível?

Promover a gentileza na política é um desafio, até porque Maquiavel entendia que tal virtude não cabe nas discussões políticas.

Autor: Domingos Sávio Telles


Biden, Haley e Trump: as prévias das eleições nos EUA

Os estadunidenses vão às urnas neste ano para eleger – ou reeleger – aquele que comandará a nação mais poderosa do planeta pelos próximos quatro anos.

Autor: João Alfredo Lopes Nyegray


Trabalhadores de aplicativos: necessidades e vulnerabilidades diferentes

A tecnologia é uma realidade cotidiana irreversível. As plataformas, potencializadas pelos reflexos da pandemia da Covid-19, estão inseridas nas principais atividades da vida humana.

Autor: Ricardo Pereira de Freitas Guimarães


O que é direita? O que é esquerda?

O Brasil sofreu uma enorme polarização política nos últimos anos; mas afinal, o que é esquerda ou direita na política?

Autor: Leonardo de Moraes


Reparação mecânica e as tendências para 2024

No agitado mundo automotivo, as tendências e expectativas para 2024 prometem transformar o mercado de reparação de veículos.

Autor: Paulo Miranda


Política não evoluiu no período pós-redemocratização

O que preocupa é a impressão de que no Brasil não mais existem pessoas dedicadas, honestas e com boas intenções dispostas a entrar na política.

Autor: Luiz Carlos Borges da Silveira


Manifestação da paulista: exemplo de civilidade e democracia

Vivenciamos no último domingo, 25/02/2024, um dos maiores espetáculos da democracia.

Autor: Bady Curi Neto


Rio 459 anos: batalhas deram origem à capital carioca

Diversas lutas e conquistas deram origem à capital carioca. Começo pelo dia em que Estácio de Sá venceu uma grande batalha contra os nativos que viviam no território da atual cidade do Rio de Janeiro.

Autor: Víktor Waewell


Números da economia no governo Lula

Déficit de 231 bilhões de reais: um furo extraordinário.

Autor: Ives Gandra da Silva Martins


Lá vai Maria

Lata d’água na cabeça Lá vai Maria Lá vai Maria

Autor: Osvaldo Luiz Silva


O combate ao etarismo em favor da dignidade da pessoa idosa

É fundamental compreender que o envelhecimento é um processo natural e que todos nós, se tivermos a sorte de viver tempo suficiente, nos tornaremos idosos.

Autor: André Naves


Qual é o futuro do ser humano?

No planeta Terra a vida tem sido, em grande parte, moldada por materialistas que examinam a situação, planejam, estabelecem os objetivos e os põem em execução.

Autor: Benedicto Ismael Camargo Dutra