Portal O Debate
Grupo WhatsApp

A importância do marketing sustentável e o poder da criatividade

A importância do marketing sustentável e o poder da criatividade

03/03/2021 Achiles Batista Ferreira Junior

Para abordar o marketing sustentável, começo destacando sobre esta prática do ponto de vista da sustentabilidade.

Refiro-me ao "upcycling", ou seja, a reciclagem de materiais (para cima). Em ordem de contextualizar a sua aplicação, voltamos no tempo para evidenciar o maior exemplo desta nobre e inteligente prática sustentável no setor têxtil, nos idos de 1929.

Neste período, os Estados Unidos amarguraram os anos da Grande Depressão, também conhecida como a Crise de 1929, que persistiu ao longo da década de 1930.

Este episódio mergulhou as famílias tradicionais norte-americanas em um estado de pobreza inimaginável, a ponto de as pessoas mal conseguirem alimentos devido ao terrível momento econômico.

Desta forma, solucionar a crise tornou-se prioridade absoluta dos Estados Unidos para a compra e fornecimento de alimentação básica à população.

Foi então que a mágica da solidariedade e criatividade foram evidenciadas, quando os produtores de farinha decidiram auxiliar os cidadãos americanos de maneira a dar-lhes um pouco de alento e alegria, e assim atenuar o sofrimento das famílias na época.

Neste período de escassez, as indústrias de farinha embalaram seus produtos em sacos coloridos, elaborados com tecidos estampados para que as pessoas pudessem reutilizar.

As mulheres usavam estes mesmos sacos de farinhas de trigo que compravam para atender a criação bem como suas famílias, para confecção de roupas, cobertores, capas, toalhas, cortinas e até bonecas de pano. Em tempos difíceis, a criatividade é a nossa melhor arma.

Vale lembrar que, antes da crise, os EUA desfrutaram de um período de riqueza, com prosperidade e desenvolvimento incomum em sua história, e nem poderiam imaginar que chegariam ao fundo do poço – prova de que um plano B sempre é interessante.

Após a enorme crise econômica e graças à recuperação econômica causada pela reconstrução europeia durante o período pós-guerra, a população americana não precisou mais resolver os problemas do vestuário recorrendo aos sacos de algodão.

Os vestidos feitos com eles se tornaram parte do passado e hoje servem como inspiração sobre sustentabilidade e empatia ao próximo.

Ficou provado, desde 1929, que ambas as situações podem e devem estar alinhadas e a criatividade sempre fará o ser humano ainda mais especial.

* Achiles Batista Ferreira Junior é coordenador dos cursos de Marketing Digital, Marketing e Gestão de Mídias Sociais do Centro Universitário Internacional Uninter.

Para mais informações sobre sustentabilidade clique aqui…

Fonte: Página 1 Comunicação



A tragédia já foi. E agora?

Impossível não se sensibilizar e chocar com a situação do Rio Grande do Sul, atingido por chuvas sem precedentes que causaram inundações em grande parte do estado, da capital ao interior.

Autor: Janguiê Diniz


O preconceito que condena

O programa Fantástico da Rede Globo trouxe mais uma história de injustiça cometida pelo Poder Judiciário brasileiro contra um jovem preto e periférico.

Autor: Marcelo Aith


O risco de politização da tragédia no RS

O Brasil todo tem assistido, consternado, ao desastre ambiental que se abateu sobre o Rio Grande do Sul nos últimos dias.

Autor: Wilson Pedroso


Cavalo Caramelo e quando a água baixar

O final de Abril e o começo de Maio foram marcados pelo pior desastre ecológico da história do Rio Grande do Sul, com inundações, mortes e milhares de desabrigados e de pessoas ilhadas.

Autor: Marco Antonio Spinelli

Cavalo Caramelo e quando a água baixar

O fim da reeleição de governantes

Está tramitando pelo Congresso Nacional mais um projeto que revoga a reeleição de Presidente da República, Governador de Estado e Prefeito Municipal.

Autor: Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves


PEC das drogas

O que esperar com a sua aprovação?

Autor: Marcelo Aith


PEC do Quinquênio simboliza a metástase dos privilégios no Brasil

Aprovar a PEC significará premiar, sem justificativa plausível, uma determinada categoria.

Autor: Samuel Hanan


O jovem e o voto

Encerrou-se no dia 8 de maio o prazo para que jovens de 16 e 17 anos pudessem se habilitar como eleitores para as eleições municipais deste ano.

Autor: Daniel Medeiros


Um mundo fragmentado

Em fevereiro deste ano completaram-se dois anos desde a invasão russa à Ucrânia.

Autor: João Alfredo Lopes Nyegray


Leitores em extinção

Ontem, finalmente, tive um dia inteiro de atendimento on-line, na minha casa.

Autor: Marco Antonio Spinelli


Solidariedade: a Luz de uma tragédia

Todos nós, ou melhor dizendo, a grande maioria de nós, está muito sensibilizado com o que está sendo vivido pela população do Rio Grande do Sul.

Autor: Renata Nascimento


Os fios da liberdade e o resistir da vida

A inferioridade do racismo é observada até nos comentários sobre os cabelos.

Autor: Livia Marques