Portal O Debate
Grupo WhatsApp

A sabedoria dos mineiros em ajudar os menos favorecidos

A sabedoria dos mineiros em ajudar os menos favorecidos

04/06/2019 Cristiano Trindade de Angelis

Há quatro organizações não governamentais de assistência social situadas em Belo Horizonte que estão fazendo um trabalho maravilhoso para ajudar os menos favorecidos.

Pensando em investir em pessoas que desejam sair da situação de rua e vencer a dependência química, o Instituto de Apoio e Orientação a Pessoas em Situação de Rua – INAPER, lançou, em janeiro de 2016, o projeto de apoio aos moradores de rua que visa o acolhimento, atendimento a questões básicas e reinserção social, espiritual e profissional. Aproximadamente 40 pessoas chegam ao local todas as manhãs para tomar banho e café. Eles estão querendo construir salas de atendimento médico e de psicologia, e aguardam voluntários nessas áreas, mas primeiramente necessitam de engenheiro civil e arquiteto para o projeto da utilização da área útil que é enorme. Ademais precisam de apoio financeiro e por isso organizam um Brechó com muitas roupas selecionadas. Esse brechó funciona no segundo sábado do mês de 09:00 às 12:00h na sede da INAPER que fica em Belo Horizonte, na rua sete Lagoas 236, bairro Bom Fim.

O núcleo assistencial Caminhos para Jesus, bem mais antigo e já estruturado, iniciou seus trabalhos em 1º de Março de 1969 com a distribuição de sopa aos pobres.

Hoje a Instituição Caminhos para Jesus conta com três grandes Unidades: Casa do Caminho (crianças), Casa da Esperança (idosos) e Socialização Inclusiva (Escola, Clínica Médica, Clínica Odontológica).

A casa do Caminho, que fica na rua Rua José Ferreira Magalhães, 341, tem capacidade para amparar 100 crianças deficientes, carentes e com paralisia cerebral, avaliadas criteriosamente pelo Serviço Social em um trabalho de parceria com o Juizado da Infância e Juventude, Promotorias e Conselhos Tutelares (proteção especial de alta complexidade). O Núcleo Caminhos para Jesus só consegue realizar seu importante trabalho junto à sociedade por meio da ajuda de terceiros. Doações de pessoas físicas (que representam aproximadamente 97% da receita), são essenciais para que o trabalho continue sendo realizado. O Bazar de roupas funciona todos os dias entre 10:00 e 11:40 e entre 12 e 16h e o bazar de móveis e eletrodomésticos funciona todos os dias das 14:00 as 16:00h. A Casa da Esperança iniciou suas atividades em 1991 e abriga, no momento, 61 idosos em regime de acolhimento de longa permanência, pois encontram-se em situação de vulnerabilidade clínica e social. Todos os assistidos passam por um processo avaliativo de uma equipe interdisciplinar e são encaminhados posteriormente às terapias indicadas. As famílias também recebem atendimento visando favorecer o desenvolvimento de potencialidades e autonomia das mesmas. Diversas metodologias são aplicadas no sentido de prover a interação dos assistidos com o meio em que vivem, dessa forma, durante todo o ano, participam de atividades como: Palestras, Encontros, Artesanato, Computação, Dança, Horta , Jardinagem etc.

A FUNDAMIGO é uma instituição espírita de caráter filantrópico que desde 1993 presta assistência social, moral e material, às crianças, adolescentes e suas famílias, dentro das possibilidades de seus recursos, sem distinção de sexo, raça, religião, crença, posição social ou nacionalidade. Atualmente a fundação atende à cerca de 400 famílias, distribuindo cestas básicas, roupas, medicamentos, próteses dentárias, enxovais de bebê para gestantes, aulas de informática. Todo esse trabalho é realizado através da boa vontade de voluntários que simpatizam com os objetivos da entidade. A Fundamigo se mantém através de doações e eventos organizados pelos seus voluntários. A atividade principal é assistência as 360 mães cadastradas, em situação de pobreza, e a moradores de rua que os procuram aos sábados para café da manhã, sopão, distribuição de roupas, cestas de auxílio alimento, etc. A instituição fica na Av. dos Esportes, 777 – Padre Eustáquio, BH, próximo a estação estação gameleira.

O movimento de Promoção e Assistência Social Sopão Mineiro surgiu em 1980 e está localizado na Rua Serpentina 62, Bairro Carlos Prates em BH. Hoje conta com um pequeno número de voluntários para atender mais de 150 mendigos por semana. A sopa é trazida pelos voluntários, pois a Sede não tem estrutura para o preparo. A Kombi sai todas as sextas-feiras, distribuindo sopa, pães e cobertores, procedimento este, que acontece há 38 anos. Também são ministradas palestras educativas às gestantes para que as conscientizassem do papel de mãe. Após as palestras, as gestantes recebem o enxoval completo do bebê. As palestras são realizadas sempre no último sábado de cada mês, de 13:30 as 17:00hrs, onde a gestante apresenta a documentação necessária (identidade, CPF, comprovante de endereço e cartão da gestante) e preenche uma ficha de inscrição. Além das palestras serem ministradas por profissionais da área de psicologia, fisioterapia e saúde, os projetos, tanto do Kit Bebe, quanto da distribuição da Sopa e cobertores contam com o apoio dos próprios comerciantes da cidade, pois a Instituição não tem ajuda nenhuma do governo.

Esses quatro lindo trabalhos mostram que a espiritualidade pode vencer a história e a cultura.

* Cristiano Trindade De Angelis é analista do Ministério da Economia desde 2004 e pesquisador da Skema Business School, França desde 2013. 



Entre o barril de petróleo e o de pólvora

O mundo começou a semana preocupado com o Oriente Médio.

Autor: Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves


Nome comum pode ser bom, mas às vezes complica!

O nosso nome, primeira terceirização que fazemos na vida, é uma escolha que pode trazer as consequências mais diversas.

Autor: Antônio Marcos Ferreira


A Cilada do Narcisista

Nelson Rodrigues descrevia em suas crônicas as pessoas enamoradas de si mesmas com o termo: “Ele está em furioso enamoramento de si mesmo”.

Autor: Marco Antonio Spinelli


Brasil, amado pelo povo e dividido pelos governantes

As autoridades vivem bem protegidas, enquanto o restante da população sofre os efeitos da insegurança urbana.

Autor: Samuel Hanan


Custos da saúde aumentam e não existe uma perspectiva que possa diminuir

Recente levantamento realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) indica que os brasileiros estão gastando menos com serviços de saúde privada, como consultas e planos de saúde, mas desembolsando mais com medicamentos.

Autor: Mara Machado


O Renascimento

Hoje completa 2 anos que venci uma cirurgia complexa e perigosa que me devolveu a vida quase plena. Este depoimento são lembranças que gostaria que ficasse registrado em agradecimento a Deus, a minha família e a vários amigos que ficaram ao meu lado.

Autor: Eduardo Carvalhaes Nobre


Argentina e Venezuela são alertas para países que ainda são ricos hoje

No meu novo livro How Nations Escape Poverty, mostro como as nações escapam da pobreza, mas também tenho alguns comentários sobre como países que antes eram muito ricos se tornaram pobres.

Autor: Rainer Zitelmann


Marcas de um passado ainda presente

Há quem diga que a infância é esquecida, que nada daquele nosso passado importa. Será mesmo?

Autor: Paula Toyneti Benalia


Quais são os problemas que o perfeccionismo causa?

No mundo complexo e exigente em que vivemos, é fácil se deparar com um padrão implacável de perfeição.

Autor: Thereza Cristina Moraes


De quem é a América?

Meu filho tinha oito anos de idade quando veio me perguntar: “papai, por que os americanos dizem que só eles vivem na América?”.

Autor: Leonardo de Moraes


Como lidar com a dura realidade

Se olharmos para os acontecimentos apresentados nos telejornais veremos imagens de ações terríveis praticadas por pessoas que jamais se poderia imaginar que fossem capazes de decair tanto.

Autor: Benedicto Ismael Camargo Dutra


O aumento da corrupção no país: Brasil, que país é este?

Recentemente, a revista The Economist, talvez a mais importante publicação sobre a economia do mundo, mostrou, um retrato vergonhoso para o Brasil no que diz respeito ao aumento da corrupção no país, avaliação feita pela Transparência Internacional, que mede a corrupção em todos os países do mundo.

Autor: Ives Gandra da Silva Martins