Portal O Debate
Grupo WhatsApp

As lições que as primaveras nos deixam

As lições que as primaveras nos deixam

10/05/2012 Erika de Souza Bueno

A cada ano vivido, a cada estação, descobrimos a importância de podar defeitos para renascer mais completos.

“Aprendi com as Primaveras a me deixar cortar para poder voltar sempre inteira”. São palavras de Cecília Meireles, que hoje parecem esquecidas, desconsideradas. Entre uma estação e outra, muita coisa acontece, muita gente deixa de existir, muitas pessoas reaprendem a viver. Há poesia, há beleza, há sentimento em quaisquer momentos, e cada um deles tem muito a nos ensinar.

A sabedoria, contudo, pode não ser evidente, principalmente quando nossos olhos estão voltados apenas para o nosso próprio bem-estar, ao desconsiderarmos a importância do outro para sermos, de fato, completos. É claro que, às vezes, os fatos só nos são claros dentro de muitos anos, após termos vivido o suficiente para atribuirmos valores justos ao que realmente é importante.

Às vezes, a vida nos tira alguém sem nos permitir um último abraço, um pedido de desculpas, um sincero “eu te amo”. São fatores importantes da vida que podem acontecer com todo mundo, mas nem todo mundo pensa em tais aspectos. Como nos versos acima, a primavera nos ensina a importância de nos permitir cortar para, depois, termos chances de voltarmos mais inteiros, mais completos.

Assim como as flores são cortadas na primavera, é importante cortar nossa vez de falar, de agir impulsivamente, de alimentar possibilidades insanas. Deixar passar aquele momento de ira para depois pensar melhor no que fazer é uma boa dica de sabedoria que a primavera nos dá, pois ela é a passagem entre o frio do inverno e o calor do verão, ensinando que nem tudo precisa ser tratado a “ferro e fogo”.

O perfume das flores não as protege da ação do homem que as corta para seu próprio deleite. O perfume faz com que as desejemos por perto e daí uma das necessidades do corte, tal como uma dor necessária que nos faz crescer e amadurecer. A cada primavera que alguém completa, felicitações lhe são desejadas.

A cada novo ano, uma nova oportunidade que é construída no passar dos dias e dos meses. Mesmo se não estivermos “na primavera da vida”, em anos de juventude e maior vitalidade, eles precisam deixar em nós, ao longo do tempo, impressões de sabedoria e conhecimento, conquistados com o observar da beleza de cada estação de nossas vidas.

*Erika de Souza Bueno é Editora do Portal Planeta Educação e Coordenadora Pedagógica da Planeta Educação. Professora e consultora de Língua Portuguesa pela Universidade Metodista de São Paulo. Articulista sobre assuntos de língua portuguesa, educação e família.



As histórias que o padre conta

“Até a metade vai parecer que irá dar errado, mas depois dá certo!”

Autor: Dimas Künsch


Vulnerabilidades masculinas: o tema proibido

É desafiador para mim escrever sobre este tema, já que sou um gênero feminino ainda que com certa energia masculina dentro de mim, aliás como todos os seres, que tem ambas as energias dentro de si, feminina e masculina.

Autor: Viviane Gago


Entre o barril de petróleo e o de pólvora

O mundo começou a semana preocupado com o Oriente Médio.

Autor: Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves


Nome comum pode ser bom, mas às vezes complica!

O nosso nome, primeira terceirização que fazemos na vida, é uma escolha que pode trazer as consequências mais diversas.

Autor: Antônio Marcos Ferreira


A Cilada do Narcisista

Nelson Rodrigues descrevia em suas crônicas as pessoas enamoradas de si mesmas com o termo: “Ele está em furioso enamoramento de si mesmo”.

Autor: Marco Antonio Spinelli


Brasil, amado pelo povo e dividido pelos governantes

As autoridades vivem bem protegidas, enquanto o restante da população sofre os efeitos da insegurança urbana.

Autor: Samuel Hanan


Custos da saúde aumentam e não existe uma perspectiva que possa diminuir

Recente levantamento realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) indica que os brasileiros estão gastando menos com serviços de saúde privada, como consultas e planos de saúde, mas desembolsando mais com medicamentos.

Autor: Mara Machado


O Renascimento

Hoje completa 2 anos que venci uma cirurgia complexa e perigosa que me devolveu a vida quase plena. Este depoimento são lembranças que gostaria que ficasse registrado em agradecimento a Deus, a minha família e a vários amigos que ficaram ao meu lado.

Autor: Eduardo Carvalhaes Nobre


Argentina e Venezuela são alertas para países que ainda são ricos hoje

No meu novo livro How Nations Escape Poverty, mostro como as nações escapam da pobreza, mas também tenho alguns comentários sobre como países que antes eram muito ricos se tornaram pobres.

Autor: Rainer Zitelmann


Marcas de um passado ainda presente

Há quem diga que a infância é esquecida, que nada daquele nosso passado importa. Será mesmo?

Autor: Paula Toyneti Benalia


Quais são os problemas que o perfeccionismo causa?

No mundo complexo e exigente em que vivemos, é fácil se deparar com um padrão implacável de perfeição.

Autor: Thereza Cristina Moraes


De quem é a América?

Meu filho tinha oito anos de idade quando veio me perguntar: “papai, por que os americanos dizem que só eles vivem na América?”.

Autor: Leonardo de Moraes