Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Como organizar um intercâmbio para menores de idade?

Como organizar um intercâmbio para menores de idade?

16/12/2015 Maurício Marques

Viver uma experiência no exterior fazendo um intercâmbio cultural traz grandes benefícios.

Contudo, será que existe uma idade mínima para o intercâmbio? A resposta é: sim! Mas ao contrário do que muitos pensam, não é preciso ser maior de 16 anos para embarcar nessa.

Existem escolas que oferecem programas específicos para crianças a partir de oito anos, como os conhecidos Summer/Winter Camps, acampamentos de inverno ou verão.

No entanto, será que dá pra confiar e enviar uma criança para o exterior sozinha? Para tranquilizar os pais, afirmo que sim. As escolas que recebem esses alunos são totalmente preparadas para este tipo de programa.

A segurança é total desde o momento em que o aluno entra no avião até estar de volta ao Brasil. O intercâmbio de férias pode ser de uma a oito semanas, dependendo da instituição e da época do ano.

A escola organiza toda a programação. Além das aulas de inglês, as crianças e adolescentes tem atividades à tarde, festas, passeios, pequenas excursões, etc. Ou seja, uma experiência completa.

Existem dois tipos de acomodação disponível: casa de família e residência estudantil. Na casa de família, as crianças são recebidas por moradores locais, e após o período de aulas e atividades voltam para casa “dos pais adotivos” e para o convívio com a cultura do país.

Já na residência estudantil, as crianças ficam juntas em instalações controladas pelo colégio, sempre supervisionadas por monitores treinados. Além de toda a segurança que as escolas dão aos alunos, é importante uma agência de intercâmbio para dar todo o suporte necessário aqui no Brasil.

Desta forma, a viagem pode acontecer com mais tranquilidade. Os preços variam conforme o destino, período do curso, escola escolhida. Os pacotes são sempre completos, incluindo curso, refeições, acomodação e atividades.

Os detalhes variam conforme a instituição escolhida. Esses programas podem ser para a língua inglesa ou espanhola. Os países mais procurados são Canadá, Estados Unidos, Inglaterra e Espanha.

Esse tipo de programa tem sido cada vez mais procurado. Os pais estão apostando nestes formatos, pois é uma excelente forma para que os filhos aprendam e conheçam uma nova cultura.

Mesmo com pouca idade, um acampamento de verão ou inverno é muito bem aproveitado pelas crianças e adolescentes. Essa experiência vai auxiliar no amadurecimento pessoal e profissional e, com certeza, trará lembranças especiais para toda a vida.

Para os mais preocupados, há ainda a possibilidade do intercâmbio em família. Durante o período de férias, as crianças passam o dia nas aulas e atividades, enquanto os pais podem fazer cursos de idiomas.

À noite, pais e filhos podem dividir a mesma acomodação. Ainda há a vantagem de poder passear durante os finais de semana. Uma excelente opção para férias.

* Maurício Marques é diretor comercial da Global Study, franquia de intercâmbios.



Cavalo Caramelo e quando a água baixar

O final de Abril e o começo de Maio foram marcados pelo pior desastre ecológico da história do Rio Grande do Sul, com inundações, mortes e milhares de desabrigados e de pessoas ilhadas.

Autor: Marco Antonio Spinelli

Cavalo Caramelo e quando a água baixar

O fim da reeleição de governantes

Está tramitando pelo Congresso Nacional mais um projeto que revoga a reeleição de Presidente da República, Governador de Estado e Prefeito Municipal.

Autor: Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves


PEC das drogas

O que esperar com a sua aprovação?

Autor: Marcelo Aith


PEC do Quinquênio simboliza a metástase dos privilégios no Brasil

Aprovar a PEC significará premiar, sem justificativa plausível, uma determinada categoria.

Autor: Samuel Hanan


O jovem e o voto

Encerrou-se no dia 8 de maio o prazo para que jovens de 16 e 17 anos pudessem se habilitar como eleitores para as eleições municipais deste ano.

Autor: Daniel Medeiros


Um mundo fragmentado

Em fevereiro deste ano completaram-se dois anos desde a invasão russa à Ucrânia.

Autor: João Alfredo Lopes Nyegray


Leitores em extinção

Ontem, finalmente, tive um dia inteiro de atendimento on-line, na minha casa.

Autor: Marco Antonio Spinelli


Solidariedade: a Luz de uma tragédia

Todos nós, ou melhor dizendo, a grande maioria de nós, está muito sensibilizado com o que está sendo vivido pela população do Rio Grande do Sul.

Autor: Renata Nascimento


Os fios da liberdade e o resistir da vida

A inferioridade do racismo é observada até nos comentários sobre os cabelos.

Autor: Livia Marques


Violência urbana no Brasil, uma guerra desprezada

Reportagem recente do jornal O Estado de S. Paulo, publicada no dia 3 de março, revela que existem pelo menos 72 facções criminosas nas prisões brasileiras.

Autor: Samuel Hanan


Mundo de mentiras

O ser humano se afastou daquilo que devia ser e criou um mundo de mentiras. Em geral o viver passou a ser artificial.

Autor: Benedicto Ismael Camargo Dutra


Um País em busca de equilíbrio e paz

O ambiente político-institucional brasileiro não poderia passar por um tempo mais complicado do que o atual.

Autor: Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves