Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Dicas para ser admirado pelo chefe

Dicas para ser admirado pelo chefe

19/07/2012

Entre os diversos membros de uma equipe de trabalho sob a mesma chefia, é comum os subordinados depararem com situações de aparente ou evidente preferência pessoal por um ou mais profissionais.

Excluindo situações específicas de amizade, parentesco ou qualquer outro tipo de relação que aparente privilégio, os demais casos refletem situações que, se analisadas friamente pelos funcionários subordinados, podem sugerir o que o chefe gosta de ver na atuação do empregado.

Se você também quer ser admirado (e até mesmo preferido) pelo seu superior, saiba o que ele espera do “profissional ideal”:

- Meu subordinado não fica com dúvidas com relação ao que é esperado dele, seja em relação à área pela qual ele é responsável ou no tocante a trabalhos ou projetos especiais. Ao final de cada tarefa, ele me deixa bastante seguro quanto a ter entendido perfeitamente o que deve ser feito, como deve ser feito e para quando.

- Meu subordinado não falha (ou falha muito raramente) no preparo do material para nossas resoluções diárias ou periódicas. Ele revisa o seu material e se prepara para a nossa reunião, valorizando nosso tempo e focando nos assuntos mais relevantes.

- Meu subordinado não me traz problemas ou justificativas, só opções de soluções para eu decidir. Quando, apesar de tentar, ele não consegue gerar as opções de solução, ele me avisa com antecedência para que eu analise, decida e ordene as correções de rumo em relação ao traçado.

- Meu subordinado absorveu e se adaptou adequadamente ao meu estilo de gestão, percebendo claramente quando deve tomar a iniciativa sozinho e quando deve me consultar. Além disso, me satisfaz muito a maneira como ele reage em situações inesperadas ou urgentes, principalmente na minha ausência. É como se ele refletisse: “Como meu chefe agiria nesta situação?”

- Meu subordinado trata a sua área como uma empresa, sempre pensando no melhor resultado e na satisfação plena do cliente interno. Ele me passa a impressão clara de estar sempre concentrado e focado em se desenvolver profissionalmente. É como se ele trabalhasse para ele, ou seja, trabalhasse para estar cada vez mais preparado para uma oportunidade de promoção.

- Meu subordinado tem sempre uma postura motivada e isto reflete na facilidade que eu tenho de me comunicar com ele, o qual sempre se mostra colaborativo e prestativo, além de realizar ótimas sugestões. Além disso, ele demonstra sensibilidade para saber quando deve alongar uma discussão sobre pontos divergentes comigo e quando o assunto (ou o momento) não permite tal coisa. Acima de tudo, ele sempre fala comigo sobre suas insatisfações.

- Meu subordinado lidera muito bem a sua equipe, não permitindo que discórdias e insatisfações do grupo cresçam para fora do mesmo. Tem sempre uma palavra de apoio, além da confiança dos subordinados. O chefe gosta de quem acredita que a vida profissional trará oportunidades para todos que se dedicarem e se prepararem para as oportunidades futuras, sejam eles chefias ou subordinados.

Bom trabalho!

José Carlos Ignácio é sócio-fundador da JCI Acquistion, formado em Administração de Empresas, e possui MBA e Pós Graduação.



As histórias que o padre conta

“Até a metade vai parecer que irá dar errado, mas depois dá certo!”

Autor: Dimas Künsch


Vulnerabilidades masculinas: o tema proibido

É desafiador para mim escrever sobre este tema, já que sou um gênero feminino ainda que com certa energia masculina dentro de mim, aliás como todos os seres, que tem ambas as energias dentro de si, feminina e masculina.

Autor: Viviane Gago


Entre o barril de petróleo e o de pólvora

O mundo começou a semana preocupado com o Oriente Médio.

Autor: Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves


Nome comum pode ser bom, mas às vezes complica!

O nosso nome, primeira terceirização que fazemos na vida, é uma escolha que pode trazer as consequências mais diversas.

Autor: Antônio Marcos Ferreira


A Cilada do Narcisista

Nelson Rodrigues descrevia em suas crônicas as pessoas enamoradas de si mesmas com o termo: “Ele está em furioso enamoramento de si mesmo”.

Autor: Marco Antonio Spinelli


Brasil, amado pelo povo e dividido pelos governantes

As autoridades vivem bem protegidas, enquanto o restante da população sofre os efeitos da insegurança urbana.

Autor: Samuel Hanan


Custos da saúde aumentam e não existe uma perspectiva que possa diminuir

Recente levantamento realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) indica que os brasileiros estão gastando menos com serviços de saúde privada, como consultas e planos de saúde, mas desembolsando mais com medicamentos.

Autor: Mara Machado


O Renascimento

Hoje completa 2 anos que venci uma cirurgia complexa e perigosa que me devolveu a vida quase plena. Este depoimento são lembranças que gostaria que ficasse registrado em agradecimento a Deus, a minha família e a vários amigos que ficaram ao meu lado.

Autor: Eduardo Carvalhaes Nobre


Argentina e Venezuela são alertas para países que ainda são ricos hoje

No meu novo livro How Nations Escape Poverty, mostro como as nações escapam da pobreza, mas também tenho alguns comentários sobre como países que antes eram muito ricos se tornaram pobres.

Autor: Rainer Zitelmann


Marcas de um passado ainda presente

Há quem diga que a infância é esquecida, que nada daquele nosso passado importa. Será mesmo?

Autor: Paula Toyneti Benalia


Quais são os problemas que o perfeccionismo causa?

No mundo complexo e exigente em que vivemos, é fácil se deparar com um padrão implacável de perfeição.

Autor: Thereza Cristina Moraes


De quem é a América?

Meu filho tinha oito anos de idade quando veio me perguntar: “papai, por que os americanos dizem que só eles vivem na América?”.

Autor: Leonardo de Moraes