Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Lula defende as pedaladas fiscais

Lula defende as pedaladas fiscais

17/10/2015 Julio César Cardoso

Lula é um lunático. É um déspota da democracia, pois, ao se insurgir contra as regras constitucionais, revela que não sabe conviver em perfeita harmonia com o estado democrático de direito.

A democracia de Lula é pautada na corrupção de sua forma de pensar e de ver o país sendo conduzido na marra e sem obediência aos princípios civilizatórios das normas escritas de um país legalmente constituído.

Quando Lula e o seu partido se negaram a chancelar a Constituição de 1988, porque ali não estava alinhavada a ideologia corrupta do PT, foi um indicativo de que ele e seu grupo jamais aceitariam transitar na política se não fosse através de sua forma deformada de agir.

E a sua forma deformada de agir pode ser observada, por exemplo, ao transigir com o primeiro grande escândalo da política nacional, o mensalão, cujos membros da quadrilha foram condenados pelo STF, bem como no desrespeito com que sempre tratou o TCU.

Lula desconheceu a autoridade constitucional do TCU, desde o início de seu governo, ao contestar o tribunal por ter embargado obras nas quais havia irregularidades. E vejam a audácia de um tirano da democracia: "Nem sempre o que o TCU diz que constata é verídico". "A gente vai ter de fazer, do ponto de vista administrativo, uma revisão (no trabalho de fiscalização) do TCU", disse Lula no aeroporto de Maputo, em Moçambique, pouco antes de embarcar para a Coreia do Sul, onde participou da reunião do G-20, que reúne as maiores economias do mundo.

Na visão corrompida de LULA, os fins justificam os meios, mesmo que a lei seja atropelada: "Estou vendo a Dilma ser atacada por conta de umas pedaladas.

Eu não conheço o processo, mas uma coisa, Patrus (Ananias, ministro do Desenvolvimento Agrário, que estava no evento), que vocês têm que falar é que talvez a Dilma, em algum momento, tenha deixado de repassar o Orçamento para a Caixa, porque tinha que pagar coisas que não tinha dinheiro.

Ela fez as pedaladas para pagar o Bolsa Família, ela fez as pedaladas para pagar o Minha Casa Minha Vida", a declaração de Lula foi dada na abertura oficial do 1.º Congresso Nacional do Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA), em São Bernardo do Campo.

* Júlio César Cardoso, Bacharel em Direito e servidor federal aposentado



O fim da reeleição de governantes

Está tramitando pelo Congresso Nacional mais um projeto que revoga a reeleição de Presidente da República, Governador de Estado e Prefeito Municipal.

Autor: Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves


PEC das drogas

O que esperar com a sua aprovação?

Autor: Marcelo Aith


PEC do Quinquênio simboliza a metástase dos privilégios no Brasil

Aprovar a PEC significará premiar, sem justificativa plausível, uma determinada categoria.

Autor: Samuel Hanan


O jovem e o voto

Encerrou-se no dia 8 de maio o prazo para que jovens de 16 e 17 anos pudessem se habilitar como eleitores para as eleições municipais deste ano.

Autor: Daniel Medeiros


Um mundo fragmentado

Em fevereiro deste ano completaram-se dois anos desde a invasão russa à Ucrânia.

Autor: João Alfredo Lopes Nyegray


Leitores em extinção

Ontem, finalmente, tive um dia inteiro de atendimento on-line, na minha casa.

Autor: Marco Antonio Spinelli


Solidariedade: a Luz de uma tragédia

Todos nós, ou melhor dizendo, a grande maioria de nós, está muito sensibilizado com o que está sendo vivido pela população do Rio Grande do Sul.

Autor: Renata Nascimento


Os fios da liberdade e o resistir da vida

A inferioridade do racismo é observada até nos comentários sobre os cabelos.

Autor: Livia Marques


Violência urbana no Brasil, uma guerra desprezada

Reportagem recente do jornal O Estado de S. Paulo, publicada no dia 3 de março, revela que existem pelo menos 72 facções criminosas nas prisões brasileiras.

Autor: Samuel Hanan


Mundo de mentiras

O ser humano se afastou daquilo que devia ser e criou um mundo de mentiras. Em geral o viver passou a ser artificial.

Autor: Benedicto Ismael Camargo Dutra


Um País em busca de equilíbrio e paz

O ambiente político-institucional brasileiro não poderia passar por um tempo mais complicado do que o atual.

Autor: Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves


Nem Nem: retratos do Brasil

Um recente relatório da OCDE coloca o Brasil em segundo lugar entre os países com maior número de jovens que não trabalham e nem estudam.

Autor: Daniel Medeiros