Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Marca é atributo vital para sucesso das empresas

Marca é atributo vital para sucesso das empresas

15/08/2012 Sandro Ari Pinto

Em tempos de bombardeio de estímulos visuais a construção de uma marca parece algo simples.

Implica a frequente e por vezes obsessiva repetição de uma afirmação simples, expressa por meio de uma frase atrativa “slogan”, algumas cores e uma logomarca diferenciada, colocado mais ou menos ao acaso por todo o lado. Na verdade, se você olhar com atenção vai perceber que o processo de construção não é tão simples.
Todas as ações são planejadas e exaustivamente discutidas e cada detalhe pode influenciar. Por exemplo, as cores têm uma importância enorme na percepção da marca. Estudo realizado pela Seoul International Color Expo aponta que 84,7% dos pesquisados afirmavam que a cor representava mais da metade do critério utilizado em sua decisão de escolha da marca consumida.
Os produtos e serviços se tornaram muito semelhantes e a marca é a chave para a diferenciação. Quando bem construídas, elas geram uma ligação do consumidor com a empresa que dificilmente consegue ser abalada. Claro que apenas uma boa marca não significará o sucesso da empresa, pois todos os componentes como preço, produto, comunicação, distribuição deverão estar alinhados, mas ela é fundamental.
Para se manter nesse mercado onde existem marcas de todos os tipos o empreendedor precisa se questionar: Quem somos?

Estamos adequados as necessidades de nossos clientes? O consumidor nos enxerga e reconhece todo o nosso potencial? Com essas respostas devemos comunicar de forma adequada o nosso público e passar a mensagem de maneira eficiente.
É importante agregar a marca amplitude e gerar um sentido para ela. Muni-las de marcadores somáticos que são atalhos em torno dos produtos/serviços para trazer as experiências (boas ou ruins) que tivemos em toda nossa vida e que nos ajudam a tomar decisões relativas às compras. Por exemplo, ao escolher uma câmera digital, o consumidor de forma inconsciente costuma pensar nos produtos desenvolvidos no Japão. Isso acontece porque a sua mente faz uma ligação entre o país e sua excelência tecnológica que faz com que você saia da loja com uma câmera japonesa debaixo do braço.
Gerar bons resultados requer tempo, pois tudo vai depender da estratégia adotada, de qual investimento se tem disponível, qual público estamos falando e quais concorrentes vamos enfrentar. Outro agravante é que na era da internet, marcas aparecem instantaneamente para milhões de pessoas sem muita informação a que vieram. Esse é um desafio e um estímulo para nós que estudamos o comportamento humano e suas reações.
Com a evolução do mercado e tantos estudos sobre o consumidor, ainda não existe nenhuma formula mágica que garanta o sucesso da marca, mas algo relevante a se destacar é que ela é um atributo vital para o sucesso das empresas no século XXI. Sem o investimento adequado nesse quesito, a empresa esta fadada ao esquecimento e ao desaparecimento.   * Sandro Ari Pinto é vice-presidente de comunicação e estratégia da CIAGROUP
Fonte: Germinare Comunicação



Nome comum pode ser bom, mas às vezes complica!

O nosso nome, primeira terceirização que fazemos na vida, é uma escolha que pode trazer as consequências mais diversas.

Autor: Antônio Marcos Ferreira


A Cilada do Narcisista

Nelson Rodrigues descrevia em suas crônicas as pessoas enamoradas de si mesmas com o termo: “Ele está em furioso enamoramento de si mesmo”.

Autor: Marco Antonio Spinelli


Brasil, amado pelo povo e dividido pelos governantes

As autoridades vivem bem protegidas, enquanto o restante da população sofre os efeitos da insegurança urbana.

Autor: Samuel Hanan


Custos da saúde aumentam e não existe uma perspectiva que possa diminuir

Recente levantamento realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) indica que os brasileiros estão gastando menos com serviços de saúde privada, como consultas e planos de saúde, mas desembolsando mais com medicamentos.

Autor: Mara Machado


O Renascimento

Hoje completa 2 anos que venci uma cirurgia complexa e perigosa que me devolveu a vida quase plena. Este depoimento são lembranças que gostaria que ficasse registrado em agradecimento a Deus, a minha família e a vários amigos que ficaram ao meu lado.

Autor: Eduardo Carvalhaes Nobre


Argentina e Venezuela são alertas para países que ainda são ricos hoje

No meu novo livro How Nations Escape Poverty, mostro como as nações escapam da pobreza, mas também tenho alguns comentários sobre como países que antes eram muito ricos se tornaram pobres.

Autor: Rainer Zitelmann


Marcas de um passado ainda presente

Há quem diga que a infância é esquecida, que nada daquele nosso passado importa. Será mesmo?

Autor: Paula Toyneti Benalia


Quais são os problemas que o perfeccionismo causa?

No mundo complexo e exigente em que vivemos, é fácil se deparar com um padrão implacável de perfeição.

Autor: Thereza Cristina Moraes


De quem é a América?

Meu filho tinha oito anos de idade quando veio me perguntar: “papai, por que os americanos dizem que só eles vivem na América?”.

Autor: Leonardo de Moraes


Como lidar com a dura realidade

Se olharmos para os acontecimentos apresentados nos telejornais veremos imagens de ações terríveis praticadas por pessoas que jamais se poderia imaginar que fossem capazes de decair tanto.

Autor: Benedicto Ismael Camargo Dutra


O aumento da corrupção no país: Brasil, que país é este?

Recentemente, a revista The Economist, talvez a mais importante publicação sobre a economia do mundo, mostrou, um retrato vergonhoso para o Brasil no que diz respeito ao aumento da corrupção no país, avaliação feita pela Transparência Internacional, que mede a corrupção em todos os países do mundo.

Autor: Ives Gandra da Silva Martins


O voto jovem nas eleições de 2024

O voto para menores de 18 anos é opcional no Brasil e um direito de todos os adolescentes com 17 ou 16 anos completos na data da eleição.

Autor: Wilson Pedroso