Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Necessidades básicas

Necessidades básicas

21/04/2022 André Naves

As necessidades humanas foram esquematizadas na famosa Pirâmide de Maslow, que vai da fisiologia à realização pessoal.

Ela demonstra que as pessoas só atingem elevados patamares da criatividade e da realização pessoal depois de terem sido satisfeitos os requisitos básicos de sobrevivência, tais como alimentação, abrigo e repouso, entre outros.

Ou seja, as capacidades humanas voltadas para a inovação tecnológica, a criatividade artística, a eficiência no trabalho e o aproveitamento educacional, só podem ser estimuladas por meio de uma rede articulada de iniciativas e políticas públicas que visem ao atendimento das necessidades mais essenciais do ser humano.

A pena de Graciliano Ramos em Vidas Secas e as tintas de Cândido Portinari no quadro Retirantes são ilustrações simbólicas dessas trevas desumanizantes, que tão mal fazem à sociedade.

Personagens que de tão carentes de quaisquer elementos mais fundamentais a uma condição digna confundem-se com a paisagem agreste, com os animais esquálidos e com a vegetação inerte.

Nos centros urbanos, a miséria está estampada a cada esquina, nos sem-teto que invadiram as ruas e, pedintes, desafiam a sensibilidade dos mais abastados.

O único objetivo que os mantêm vivos é a luta pela sobrevivência. Buscam a superação, ainda que inconscientemente, dos primeiros degraus daquela pirâmide… E nessa jornada incessante, toda a energia criativa, inerente à condição humana, é desperdiçada.

Quantas ideias, quantas soluções, quantas inovações não se perderam, e ainda se perdem, nas brumas da exclusão social?

* André Naves é Defensor Público Federal, especialista em Direitos Humanos e Sociais.

Para mais informações sobre necessidades básicas clique aqui…

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Fonte: Ex-Libris Comunicação Integrada



Gentileza na política é possível?

Promover a gentileza na política é um desafio, até porque Maquiavel entendia que tal virtude não cabe nas discussões políticas.

Autor: Domingos Sávio Telles


Biden, Haley e Trump: as prévias das eleições nos EUA

Os estadunidenses vão às urnas neste ano para eleger – ou reeleger – aquele que comandará a nação mais poderosa do planeta pelos próximos quatro anos.

Autor: João Alfredo Lopes Nyegray


Trabalhadores de aplicativos: necessidades e vulnerabilidades diferentes

A tecnologia é uma realidade cotidiana irreversível. As plataformas, potencializadas pelos reflexos da pandemia da Covid-19, estão inseridas nas principais atividades da vida humana.

Autor: Ricardo Pereira de Freitas Guimarães


O que é direita? O que é esquerda?

O Brasil sofreu uma enorme polarização política nos últimos anos; mas afinal, o que é esquerda ou direita na política?

Autor: Leonardo de Moraes


Reparação mecânica e as tendências para 2024

No agitado mundo automotivo, as tendências e expectativas para 2024 prometem transformar o mercado de reparação de veículos.

Autor: Paulo Miranda


Política não evoluiu no período pós-redemocratização

O que preocupa é a impressão de que no Brasil não mais existem pessoas dedicadas, honestas e com boas intenções dispostas a entrar na política.

Autor: Luiz Carlos Borges da Silveira


Manifestação da paulista: exemplo de civilidade e democracia

Vivenciamos no último domingo, 25/02/2024, um dos maiores espetáculos da democracia.

Autor: Bady Curi Neto


Rio 459 anos: batalhas deram origem à capital carioca

Diversas lutas e conquistas deram origem à capital carioca. Começo pelo dia em que Estácio de Sá venceu uma grande batalha contra os nativos que viviam no território da atual cidade do Rio de Janeiro.

Autor: Víktor Waewell


Números da economia no governo Lula

Déficit de 231 bilhões de reais: um furo extraordinário.

Autor: Ives Gandra da Silva Martins


Lá vai Maria

Lata d’água na cabeça Lá vai Maria Lá vai Maria

Autor: Osvaldo Luiz Silva


O combate ao etarismo em favor da dignidade da pessoa idosa

É fundamental compreender que o envelhecimento é um processo natural e que todos nós, se tivermos a sorte de viver tempo suficiente, nos tornaremos idosos.

Autor: André Naves


Qual é o futuro do ser humano?

No planeta Terra a vida tem sido, em grande parte, moldada por materialistas que examinam a situação, planejam, estabelecem os objetivos e os põem em execução.

Autor: Benedicto Ismael Camargo Dutra