Portal O Debate
Grupo WhatsApp

O e-termômetro da economia no ano novo

O e-termômetro da economia no ano novo

11/01/2018 Alessandra Giner

Há mesmo sintomas de recuperação do País.

O e-termômetro da economia no ano novo

O faturamento de R$ 8,7 bilhões do e-commerce no período de vendas do Natal, com crescimento nominal de 13% na comparação com os R$ 7,7 bilhões registrados no mesmo período do ano passado, é um indicador consistente sobre a tendência de recuperação da economia brasileira.

Definitivamente, os resultados, constantes de levantamento da Ebit, que abrangem o movimento de 15 de novembro a 24 de dezembro, não podem ser atribuídos somente à euforia da Black Friday ou à generosidade do Natal. Há mesmo sintomas de recuperação do País.

É importante entender que, embora virtual, o e-commerce, como todos os segmentos, está absolutamente atrelado à economia real, e o desempenho do setor no Natal de 2017 sinaliza um ano novo melhor para os brasileiros. É, literalmente, um e-termômetro das possibilidades, agora mais concretas, de retomada do crescimento.

Há, de fato, oportunidades para todos os segmentos em 2018: a inflação está abaixo da meta, os juros mais baixos; o desemprego, embora alto, começa a diminuir, e a recessão - tecnicamente - está debelada, com crescimento do PIB em torno de 1% em 2017.

Para o e-commerce, em particular, são importantes as novas perspectivas criadas por um mundo cada vez menos dependente das cédulas de papel e mais adepto à digitalização dos pagamentos, além da aderência de setores menores ou mais tradicionais da economia ao ambiente digital.

Exemplo disso é a expansão do pagamento sem contato, que levou Jundiaí a ser pioneira na implantação de um sistema de mobilidade urbana que aceita cartões e celulares com função crédito e débito.

O que falar também da PwC, uma das gigantes globais de contabilidade, que recebeu seu primeiro pagamento em bitcoins este ano? Considerando o quadro otimista acima, o 2018 é - certamente - muito promissor para fomentar novos caminhos para o comércio eletrônico, no Brasil e no mundo.

* Alessandra Giner é CEO do Pagar.me, empresa de tecnologia Provedora de Serviços de Pagamentos.



O casamento e a política relacional

Uma amiga querida vem relatando nas mesas de boteco a saga de seu filho, que vem tendo anos de relação estável com uma moça, um pouco mais velha, que tem uma espécie de agenda relacional bastante diferente do rapaz.

Autor: Marco Antonio Spinelli


O que esperar do mercado imobiliálio em 2024

Após uma forte queda em 2022, o mercado imobiliário brasileiro vem se recuperando e o ano de 2023 mostrou este avanço de forma consistente.

Autor: Claudia Frazão


Brasileiros unidos por um sentimento: a descrença nacional

Um sentimento – que já perdura algum tempo, a propósito - toma conta de muitos brasileiros: a descrença com o seu próprio país.

Autor: Samuel Hanan


Procurando o infinito

Vocês conhecem a história do dragãozinho que procurava sem parar o infinito? Não? Então vou te contar. Era uma vez….

Autor: Eduardo Carvalhaes Nobre


A reforma tributária é mesmo Robin Hood?

O texto da reforma tributária aprovado no Congresso Nacional no fim de dezembro encerrou uma novela iniciada há mais de 40 anos.

Autor: Igor Montalvão


Administrar as cheias, obrigação de Governo

A revolução climática que vemos enfrentando é assustadora e mundial. Incêndios de grandes proporções, secas devastadoras, tempestades não vistas durante décadas e uma série de desarranjos que fazem a população sofrer.

Autor: Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves


Escravidão Voluntária

Nossa única revolução possível é a da Consciência. Comer com consciência. Respirar com consciência. Consumir com consciência.

Autor: Marco Antonio Spinelli


Viver desequilibrado

Na Criação, somos todos peregrinos com a oportunidade de evoluir. Os homens criaram o dinheiro e a civilização do dinheiro, sem ele nada se faz.

Autor: Benedicto Ismael Camargo Dutra


Mar Vermelho: o cenário atual do frete marítimo e seus reflexos globais

Como bem sabemos, a crise bélica no Mar Vermelho trouxe consigo uma onda de mudanças significativas no mercado de frete marítimo nesse início de 2024.

Autor: Larry Carvalho


O suposto golpe. É preciso provas…

Somos contrários a toda e qualquer solução de força, especialmente ao rompimento da ordem constitucional e dos parâmetros da democracia.

Autor: Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves


Oportunidade de marketing ou marketing oportunista?

No carnaval de 2024, foi postada a notícia sobre o "Brahma Phone" onde serão distribuídas 800 unidades de celulares antigos para os participantes das festas de carnaval.

Autor: Patricia Punder


O gato que caiu dentro das latas de tinta

Todas as histórias começam com Era uma Vez… A minha não vai ser diferente.

Autor: Eduardo Carvalhaes Nobre