Portal O Debate
Grupo WhatsApp

O sonho e o planejamento

O sonho e o planejamento

07/01/2016 Flávio Melo Ribeiro

O sonho é o desejo de que algo se realize.

Planejamento é o delineamento de como alcançar esse desejo e concretizar a realização.

Isso explica porque a maior parte das pessoas não realiza os sonhos idealizados no réveillon. Leia o artigo da semana passada, “Os otimistas do ano novo” no blog www.flaviomeloribeiro.com.br.

A maior parte das pessoas não ultrapassa o sonho para o planejamento e, não o escrevendo, a possibilidade de fracasso é enorme.

Todo planejamento se inicia com o desejo de realização de algo, de a pessoa alcançar no futuro o que ela idealizou. Inicialmente se escolhe um objetivo que, uma vez atingido, alcance o sonho.

Mas como chegar no objetivo? Desdobrando-o em metas e ações necessárias e suficientes para alcançá-lo. Alguns cuidados precisam ser tomados: as metas precisam ser quantificadas, preferencialmente em tarefa e tempo.

Por exemplo, ler vinte livros em seis meses. Quantifica-se a meta em pelo menos dois indicadores para poder acompanhar e avaliar se está indo na direção do objetivo e se o que está sendo feito é suficiente.

Uma vez avaliado, pode-se corrigir o que for preciso. Outro cuidado: as ações precisam ser muito bem definidas, com responsável, calendário, metodologia e recursos necessários para realização da mesma.

Mas esses cuidados são tomados? Geralmente não. Comumente as pessoas têm boa vontade, até prometem que vão cumprir o que desejam, mas pouco fazem para manter o foco.

O ano passa e novamente, às vésperas do ano novo, fazem nova reflexão de como foi o ano, fazem críticas do que não fizeram, mal se lembram das promessas do ano anterior e, novamente, listam os novos desejos.

Essa é a grande diferença entre as pessoas que fazem e as que constroem. Ambas podem ter boa vontade e trabalhar muito, mas as que apenas fazem não mantêm o foco, não distinguem o que é importante do que é urgente, vivem “apagando incêndios” em vez de planejarem para não ter retrabalho e conseguir o máximo de eficiência nos seus projetos.

Mas não é apenas a capacidade de montar um planejamento, ou mesmo de visão do querem, que distingue alguém que constrói de alguém que faz. É uma diferença de personalidade.

Mas essa personalidade pode ser aprendida. Procure ajuda caso você queira compreender mais.

* Flávio Melo Ribeiro é Psicólogo.



A tragédia já foi. E agora?

Impossível não se sensibilizar e chocar com a situação do Rio Grande do Sul, atingido por chuvas sem precedentes que causaram inundações em grande parte do estado, da capital ao interior.

Autor: Janguiê Diniz


O preconceito que condena

O programa Fantástico da Rede Globo trouxe mais uma história de injustiça cometida pelo Poder Judiciário brasileiro contra um jovem preto e periférico.

Autor: Marcelo Aith


O risco de politização da tragédia no RS

O Brasil todo tem assistido, consternado, ao desastre ambiental que se abateu sobre o Rio Grande do Sul nos últimos dias.

Autor: Wilson Pedroso


Cavalo Caramelo e quando a água baixar

O final de Abril e o começo de Maio foram marcados pelo pior desastre ecológico da história do Rio Grande do Sul, com inundações, mortes e milhares de desabrigados e de pessoas ilhadas.

Autor: Marco Antonio Spinelli

Cavalo Caramelo e quando a água baixar

O fim da reeleição de governantes

Está tramitando pelo Congresso Nacional mais um projeto que revoga a reeleição de Presidente da República, Governador de Estado e Prefeito Municipal.

Autor: Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves


PEC das drogas

O que esperar com a sua aprovação?

Autor: Marcelo Aith


PEC do Quinquênio simboliza a metástase dos privilégios no Brasil

Aprovar a PEC significará premiar, sem justificativa plausível, uma determinada categoria.

Autor: Samuel Hanan


O jovem e o voto

Encerrou-se no dia 8 de maio o prazo para que jovens de 16 e 17 anos pudessem se habilitar como eleitores para as eleições municipais deste ano.

Autor: Daniel Medeiros


Um mundo fragmentado

Em fevereiro deste ano completaram-se dois anos desde a invasão russa à Ucrânia.

Autor: João Alfredo Lopes Nyegray


Leitores em extinção

Ontem, finalmente, tive um dia inteiro de atendimento on-line, na minha casa.

Autor: Marco Antonio Spinelli


Solidariedade: a Luz de uma tragédia

Todos nós, ou melhor dizendo, a grande maioria de nós, está muito sensibilizado com o que está sendo vivido pela população do Rio Grande do Sul.

Autor: Renata Nascimento


Os fios da liberdade e o resistir da vida

A inferioridade do racismo é observada até nos comentários sobre os cabelos.

Autor: Livia Marques