Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Os desafios para se ter relacionamentos duradouros

Os desafios para se ter relacionamentos duradouros

10/06/2017 Dijanira Silva

Construir um relacionamento feliz e duradouro é uma das principais buscas de um casal que se ama.

Os desafios para se ter relacionamentos duradouros

Afinal, cada vez mais está claro que a nobreza de um relacionamento não está em começar a amar alguém, mas em cultivar esse amor por toda vida. Mesmo vivendo em uma época onde parece que o amor “saiu da moda”, a verdade é que o relacionamento amoroso continua a ser uma fonte segura de felicidade e uma oportunidade de crescimento pessoal, já que, por sua própria natureza, o amor coloca em movimento a vida de quem decide amar.

No entanto, para manter acesa a centelha do amor é preciso estar atento a alguns aspectos importantes, que apesar de simples e corriqueiros podem fazer toda a diferença na relação. Respeitar a individualidade do outro, por exemplo, creio que seja a base para uma relação saudável. Para isso é essencial não confundir amor com apego.

Cada pessoa é única neste mundo e precisa continuar sendo quando encontra o amor de sua vida. E quanto mais nos apegamos a uma pessoa, menos chances temos de amá-la verdadeiramente, já que apego é egoísmo e não tem nada a ver com amor.

Além disso, experiências comprovam que quando tentamos preencher os espaços vazios da nossa alma com a presença exclusiva de uma pessoa, é muito fácil nos decepcionarmos com ela e mais vazios nos tornarmos, já que ninguém, a não ser Deus que é o próprio amor, pode preencher totalmente nossa alma.

O afeto é bom e o carinho é benéfico, desde que submetidos a essa verdade. Outro aspecto que merece destaque na relação é a honestidade. É por meio dela que a confiança se estabelece entre o casal e o amor cresce e se fortalece a cada dia.

Por isso, conhecer-se e fazer as pazes com a própria história, com suas fraquezas e virtudes, é um grande passo para poder dividi-la com a pessoa amada. Aqui também vale a regra: não se pode dar o que não se possui.

Se existem dúvidas, suposições, “achismos”, a melhor saída é uma partilha tranquila, mas objetiva, para que a desconfiança não roube o brilho da verdade que deve prevalecer na relação. Pode ser uma tarefa difícil, mas, uma vez que a honestidade se torna referência, fica mais fácil superar as dificuldades e elevar o relacionamento a um patamar maior.

Além disso, nunca se descuide da pessoa que você ama. Penso que cuidar do amor é como cultivar uma planta: você a recebe linda e cheia de vida e, se continuar cuidando dela da maneira adequada, certamente vai viver bem e florescer diante dos seus olhos. Se não cuidar, ela vai gradativamente murchar e morrer.

Então, se você deseja ter um relacionamento duradouro e feliz, não tenha medo de expressar seu amor. Lembre-se que os pequenos gestos fazem toda a diferença! Um telefonema só para dizer “eu te amo”, uma flor ao voltar para casa, um bilhetinho apaixonado, um presente fora de datas comemorativas, elogios espontâneos e muitas coisas simples, mas oferecidas com amor.

Mas, atenção! Apesar dessas dicas serem importantes, não serão úteis se não houver a atitude de fazer valer o primeiro objetivo do relacionamento: tornar a pessoa amada feliz e ser feliz com ela.

E para isso, o casal não precisa de grandes coisas além de dar e receber atenção, dedicar-se e cuidar um do outro, rompendo com a rotina no relacionamento todos os dias como se fosse a primeira vez. Portanto, priorize o amor em sua vida e verá que não é tão difícil assim ter um relacionamento duradouro e feliz!

* Dijanira Silva é missionária da Comunidade Canção Nova e locutora da Rádio América 1410 AM.



O casamento e a política relacional

Uma amiga querida vem relatando nas mesas de boteco a saga de seu filho, que vem tendo anos de relação estável com uma moça, um pouco mais velha, que tem uma espécie de agenda relacional bastante diferente do rapaz.

Autor: Marco Antonio Spinelli


O que esperar do mercado imobiliálio em 2024

Após uma forte queda em 2022, o mercado imobiliário brasileiro vem se recuperando e o ano de 2023 mostrou este avanço de forma consistente.

Autor: Claudia Frazão


Brasileiros unidos por um sentimento: a descrença nacional

Um sentimento – que já perdura algum tempo, a propósito - toma conta de muitos brasileiros: a descrença com o seu próprio país.

Autor: Samuel Hanan


Procurando o infinito

Vocês conhecem a história do dragãozinho que procurava sem parar o infinito? Não? Então vou te contar. Era uma vez….

Autor: Eduardo Carvalhaes Nobre


A reforma tributária é mesmo Robin Hood?

O texto da reforma tributária aprovado no Congresso Nacional no fim de dezembro encerrou uma novela iniciada há mais de 40 anos.

Autor: Igor Montalvão


Administrar as cheias, obrigação de Governo

A revolução climática que vemos enfrentando é assustadora e mundial. Incêndios de grandes proporções, secas devastadoras, tempestades não vistas durante décadas e uma série de desarranjos que fazem a população sofrer.

Autor: Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves


Escravidão Voluntária

Nossa única revolução possível é a da Consciência. Comer com consciência. Respirar com consciência. Consumir com consciência.

Autor: Marco Antonio Spinelli


Viver desequilibrado

Na Criação, somos todos peregrinos com a oportunidade de evoluir. Os homens criaram o dinheiro e a civilização do dinheiro, sem ele nada se faz.

Autor: Benedicto Ismael Camargo Dutra


Mar Vermelho: o cenário atual do frete marítimo e seus reflexos globais

Como bem sabemos, a crise bélica no Mar Vermelho trouxe consigo uma onda de mudanças significativas no mercado de frete marítimo nesse início de 2024.

Autor: Larry Carvalho


O suposto golpe. É preciso provas…

Somos contrários a toda e qualquer solução de força, especialmente ao rompimento da ordem constitucional e dos parâmetros da democracia.

Autor: Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves


Oportunidade de marketing ou marketing oportunista?

No carnaval de 2024, foi postada a notícia sobre o "Brahma Phone" onde serão distribuídas 800 unidades de celulares antigos para os participantes das festas de carnaval.

Autor: Patricia Punder


O gato que caiu dentro das latas de tinta

Todas as histórias começam com Era uma Vez… A minha não vai ser diferente.

Autor: Eduardo Carvalhaes Nobre