Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Por que as pessoas ainda estão na sua empresa?

Por que as pessoas ainda estão na sua empresa?

11/05/2017 Gilmar Tamanini

O resultado de um negócio depende, e muito, do time que diariamente está atuando por ele.

Por que as pessoas ainda estão na sua empresa?

Basta uma olhada rápida nas notícias do mundo corporativo para ver que a gestão de pessoas é ainda um grande desafio nos negócios. Porque empresas, acima de tudo, são formadas por gente que busca satisfazer sonhos, é movida por determinados objetivos e precisa estar constantemente motivada.

E então fica a pergunta: o que você faz para manter um time experiente, interessado e que quer, de fato, estar na sua empresa por vontade e não obrigação? Na área de tecnologia da informação, temos ainda na falta de mão de obra qualificada mais um motivo para nos preocuparmos com a gestão de pessoas.

Segundo a consultoria IDC, em 2015 já faltavam 119 mil profissionais qualificados no setor. E não há outra forma de motivar pessoas do que começar pela arte de ouvir e compartilhar.

Afinal, o que faz o seu time estar às 8h da manhã na empresa, pronto para buscar novos resultados? Conhecer as pessoas com quem trabalhamos nos fez perceber que não importa a área de atuação, manter uma boa comunicação interna é essencial.

O que estamos entregando em contrapartida ao trabalho que recebemos todos os dias? Foi-se o tempo em que o contracheque no fim do mês era suficiente para garantir a permanência de um bom profissional. As pessoas querem ser ouvidas, poder falar, conhecer o que acontece em seu local de trabalho.

Em tempos de smartphones e conexão 24 horas, em que a informação está cada vez mais acessível, não se pode mais ignorar a comunicação interna. A tecnologia nos dá excelentes ferramentas para isso e, de quebra, proporciona a gestores e empresários um ganho imensurável: o sentimento de pertencimento da equipe.

Porque quando um profissional está em um ambiente que preza por uma comunicação clara e transparente, sabe que faz parte daquele contexto. Quando participamos de uma pesquisa interna de satisfação com metodologia da Great Place to Work, percebemos que os 81% de aprovação não vieram de graça.

São resultado de um esforço coletivo, que visa criar dentro da nossa empresa um grupo de pessoas profissionalmente motivadas e pessoalmente realizadas. Ouvir, falar e compartilhar é uma tríade que há muito tempo deixou de ser algo exclusivo aos discursos de consultores e coachings.

Precisa, cada vez mais, ser parte de uma cultura interna engajada em motivar para crescer. Porque o resultado de um negócio depende, e muito, do time que diariamente está atuando por ele.

* Gilmar Tamanini é CEO da Teclógica.



Eleições para vereadores merecem mais atenção

Em anos de eleições municipais, como é o caso de 2024, os cidadãos brasileiros vão às urnas para escolher prefeito, vice-prefeito e vereadores.

Autor: Wilson Pedroso


Para escolher o melhor

Tomar boas decisões em um mundo veloz e competitivo como o de hoje é uma necessidade inegável.

Autor: Janguiê Diniz


A desconstrução do mundo

Quando saí do Brasil para morar no exterior, eu sabia que muita coisa iria mudar: mais uma língua, outros costumes, novas paisagens.

Autor: João Filipe da Mata


Por nova (e justa) distribuição tributária

Do bolo dos impostos arrecadados no País, 68% vão para a União, 24% para os Estados e apenas 18% para os municípios.

Autor: Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves


Um debate desastroso e a dúvida Biden

Com a proximidade das eleições presidenciais nos Estados Unidos, marcadas para novembro deste ano, realizou-se, na última semana, o primeiro debate entre os pleiteantes de 2024 à Casa Branca: Donald Trump e Joe Biden.

Autor: João Alfredo Lopes Nyegray


Aquiles e seu calcanhar

O mito do herói grego Aquiles adentrou nosso imaginário e nossa nomenclatura médica: o tendão que se insere em nosso calcanhar foi chamado de tendão de Aquiles em homenagem a esse herói.

Autor: Marco Antonio Spinelli


Falta aos brasileiros a sede de verdade

Sigmund Freud (1856-1939), o famoso psicanalista austríaco, escreveu: “As massas nunca tiveram sede de verdade. Elas querem ilusões e nem sabem viver sem elas”.

Autor: Samuel Hanan


Uma batalha política como a de Caim e Abel

Em meio ao turbilhão global, o caos e a desordem só aumentam, e o Juiz Universal está preparando o lançamento da grande colheita da humanidade.

Autor: Benedicto Ismael Camargo Dutra


De olho na alta e/ou criação de impostos

Trava-se, no Congresso Nacional, a grande batalha tributária, embutida na reforma que realinhou, deu nova nomenclatura aos impostos e agora busca enquadrar os produtos ao apetite do fisco e do governo.

Autor: Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves


O Pronto Atendimento e o desafio do acolhimento na saúde

O trabalho dentro de um hospital é complexo devido a diversas camadas de atendimento que são necessárias para abranger as necessidades de todos os pacientes.

Autor: José Arthur Brasil


Como melhorar a segurança na movimentação de cargas na construção civil?

O setor da construção civil é um dos mais importantes para a economia do país e tem impacto direto na geração de empregos.

Autor: Fernando Fuertes


As restrições eleitorais contra uso da máquina pública

Estamos em contagem regressiva. As eleições municipais de 2024 ocorrerão no dia 6 de outubro, em todas as cidades do país.

Autor: Wilson Pedroso