Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Como o ChatGPT pode ser um aliado no trabalho?

Como o ChatGPT pode ser um aliado no trabalho?

17/04/2023 Leonardo dos Reis

Novas funcionalidades do robô podem auxiliar profissionais de diversos setores.

Como o ChatGPT pode ser um aliado no trabalho?

A nova versão do já famoso ChatGPT - a GPT-4 - voltou a preocupar muita gente com a evolução das habilidades do robô. Porém, é preciso avaliar a situação: essa preocupação é realmente necessária? Neste momento, não. O ChatGPT é de fato uma ferramenta muito inteligente, mas é isso: uma ferramenta. Ele não vai atuar sem receber uma instrução ou permissão de um operador - que via de regra, é um humano. Mas, além de receber e cumprir orientações, o ChatGPT pode ser um aliado no trabalho - e não um inimigo. 

Tendo em mente que o GPT é um modelo de linguagem - ou seja, o objetivo dele é gerar textos de maneira autônoma, é possível prever que ele será uma ferramenta útil para profissionais de áreas de produção de conteúdo como jornalistas, roteiristas, escritores - mas, no fim das contas, qualquer profissional precisa produzir textos. E por isso o robô pode ajudar profissionais de muitas áreas a alavancarem suas carreiras, basta entender o funcionamento dele. 

Além dos produtores de conteúdo, na área de Tecnologia da Informação o Chat GPT pode ser um aliado na produtividade. Por exemplo: uma função muito corriqueira em Desenvolvimento de Softwares é pesquisar soluções para os problemas que aparecem e muitas vezes, essa tarefa demanda muito tempo. Este é um caso em que a tecnologia do GPT pode encurtar o tempo na busca por essa solução - como encontrar o erro em uma linha de código - o que melhora a produtividade. E conforme temos mais experiência, essa busca vai se tornando mais rápida ainda. 

Outras áreas também podem se aproveitar dos conhecimentos do ChatGPT. Nutricionistas, por exemplo, podem pedir a elaboração de uma tabela nutricional de acordo com as orientações fornecidas ao robô. Além disso, ele é capaz de fazer revisões e correções de acordo com a estrutura gramatical do idioma selecionado, e até mesmo traduções muito confiáveis. O grande segredo é saber explicar o que se quer para o robô - quanto melhor o usuário sobre o que precisa, melhores serão os resultados. 

Mesmo com todas essas funções - e com as atualizações que devem melhorar significativamente a atuação - o ChatGPT ainda não pode substituir um bom profissional porque ele não tem compreensão de negócio. Um jornalista ainda precisará revisar o texto escrito pelo robô. Um nutricionista terá que validar a tabela nutricional sugerida. Um desenvolvedor terá que verificar se o código obedece a todas as necessidades. Ou seja, a compreensão do que é necessário ainda é feita pelo ser humano. O que o chat faz é facilitar a parte operacional - e é desta que precisamos saber tirar proveito. A evolução da Inteligência Artificial é uma realidade e o ChatGPT é apenas um dos vários aplicativos que já existem com esse tipo de tecnologia, o que precisamos é entender como obter os melhores resultados e aplicar aos negócios. 

Para mais informações sobre Tecnologia da Informação clique aqui...

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Entre para o nosso grupo de notícias no WhatsApp

Fonte: Presse Comunicação



Logística e Inteligência Artificial: 5 maneiras para mudar o setor

A jornada de uma encomenda do centro de distribuição até a casa dos consumidores é mais longa do que apenas o trajeto em rua.

Autor: Marcos Villela Hochreiter

Logística e Inteligência Artificial: 5 maneiras para mudar o setor

IA quer resolver os seus problemas e “prever” o que você deseja

Imagine-se buscando em uma loja virtual uma roupa nova para um jantar.

Autor: Jonatas Leandro

IA quer resolver os seus problemas e “prever” o que você deseja

Agilidade na era da IA impulsiona respostas mais rápidas a favor dos clientes

Ser ágil, inovador e com foco no cliente é o que diferencia os líderes dos demais no mundo corporativo atual.

Autor: Viviani Barcellos

Agilidade na era da IA impulsiona respostas mais rápidas a favor dos clientes

A IA e os perigos da robotização

É importante fugir da robotização, pois ela reduz a amplitude do ser humano.

Autor: Benedicto Ismael Camargo Dutra

A IA e os perigos da robotização

O papel de soluções tecnológicas e inteligências artificiais na medicina

A evolução tecnológica tem desempenhado um papel fundamental em diversos setores, e a área da saúde não é exceção.

Autor: Marco Aulicino

O papel de soluções tecnológicas e inteligências artificiais na medicina

Inteligência Artificial Generativa e o investimento em pesquisa no Brasil

Nos últimos meses, temos testemunhado avanços significativos na área da inteligência artificial (IA), especialmente com o surgimento da inteligência artificial generativa.

Autor: Celso Hartmann


O papel da Inteligência Artificial na abordagem da crise climática

As mudanças climáticas têm sido um desafio para especialistas que buscam fórmulas de mitigação desta emergência global.

Autor: Marcos Pinotti

O papel da Inteligência Artificial na abordagem da crise climática

IA no Social Media: economia de tempo e aumento do engajamento

Cada vez mais a Inteligência Artificial se torna uma ferramenta essencial para profissionais de Social Media.

Autor: Vinícus Taddone

IA no Social Media: economia de tempo e aumento do engajamento

A importância da inteligência artificial para o TI em 2024

Em 2024, a ênfase na implementação de várias camadas de proteção, como antivírus corporativos, firewalls e backups em nuvem.

Autor: Osmir Mormito

A importância da inteligência artificial para o TI em 2024

O uso da inteligência artificial para ajudar o produtor de leite

Processo que chegava a demorar 15 dias foi encurtado para 24h. Agilidade proporciona a redução de 30% a 50% a utilização de antibióticos.

Autor: Divulgação

O uso da inteligência artificial para ajudar o produtor de leite

Os próximos passos da Inteligência Artificial

É necessário tomar medidas para gerenciar riscos, compreender a complexidade e dimensionar o impacto da IA nos negócios.

Autor: Cesar Ripari

Os próximos passos da Inteligência Artificial

Quando deve usar a IA no local de trabalho?

Um impressionante 80% das empresas planejam integrar chatbots até 2020.

Autor: Divulgação

Quando deve usar a IA no local de trabalho?