Portal O Debate
Grupo WhatsApp

A pandemia psicológica na Bolsa

A pandemia psicológica na Bolsa

25/03/2020 Fernando Cabral

O mundo parece estar à beira do colapso, mas o que desperta curiosidade é como o investidor reagiu mediante a pandemia do Coronavírus.

Aqui e no resto do mundo, as grandes instituições estão migrando para ouro e dólar com a intenção de se proteger de futuras desvalorizações (que poderão ser ainda maiores).

As ações pertencentes ao índice Ibovespa, por exemplo, perderam 31,44% nos últimos 45 dias com base na fonte de dados Comdinheiro.

Justifica? Pois bem, vamos refletir! Na teoria, o valor de uma empresa é estimado com base em seus fundamentos econômicos.

Se esses fundamentos não são de curto prazo, por que estamos vivenciando a deterioração no valor das empresas na Bolsa?

Poderíamos buscar essas respostas nos setores que foram afetados positivamente e negativamente, mas nota-se que mesmo setorialmente, todas perderam valor. Até mesmo os setores de consumo cíclico e saúde, que despontam em vendas, perderam valor.

A resposta parece estar no efeito manada, em que todos seguem investidores de peso. Eles atuam como influenciadores e, em situações como essa, se desfazem da posição de países emergentes, desprezando as condições reais da empresa.

Pessoa física, investidor estrangeiro e instituições estão se desfazendo das posições mais do que firmando. Então a lei de oferta e demanda, regida pela pandemia psicológica, derruba o valor das empresas independentemente dos seus fundamentos econômicos.

O circuit breaker, nome dado para o mecanismo das bolsas que visa protegê-las de fortes volatilidades, não será capaz de frear a pandemia do mercado.

Sabendo disso, acredito ser este o melhor momento para as empresas recomprarem ações, principalmente as que estão sendo negociadas com preço abaixo do valor patrimonial.

Resta saber quando o mercado saíra da pandemia psicológica, na tentativa de entender o que de fato implica no mundo real das empresas e seus reflexos no valor.

* Fernando Cabral é especialista em Controladoria e Finanças, consultor, avaliador de empresas na Gordon Valuations e autor do Livro Avaliação de empresas – e os desafios que vão além do Fair Value.

Fonte: LC Agência de Comunicação



Desafios empresariais

Empreender envolve correr riscos e encontrar soluções para os problemas das pessoas.

Autor: Leonardo Chucrute

Desafios empresariais

Um líder de verdade ensina o que sabe

Não são incomuns as histórias de profissionais que, voluntariamente, trocam de emprego para ganhar menos do que em suas posições anteriores.

Autor: Yuri Trafane

Um líder de verdade ensina o que sabe

Luciano Hang apoia manifesto isenção de impostos nas compras até US$50

Na noite de sexta-feira, 17, o dono da Havan, Luciano Hang, participou do jantar de encerramento do 39º Congresso Nacional de Sindicatos Empresariais (CNSE), em Balneário Camboriú (SC).

Autor: Divulgação


Como usar a inteligência emocional para lidar com os negócios?

Ser um empreendedor em um negócio altamente estressante é como estar em uma montanha-russa emocional.

Autor: João Roncati

Como usar a inteligência emocional para lidar com os negócios?

Azul cria fundo social para captação de recursos para desastres nacionais

Itaú Unibanco se torna o primeiro apoiador após doação de R$ 5 milhões.

Autor: Divulgação


Ultrapassei o limite do MEI e agora?

Entenda como funciona a transição para Microempresa.

Autor: Divulgação

Ultrapassei o limite do MEI e agora?

Por que tantas recuperações judiciais?

Nas últimas semanas, a imprensa reproduziu amplamente o indicador de recuperações judiciais produzido e monitorado pela Serasa Experian, a concorrente britânica do histórico SPC, este desenvolvido pela Câmara dos Dirigentes Logistas, que oferece serviços de proteção ao crédito.

Autor: Carlos Gomes


Empreendedorismo com propósito

Nasci em Nova Iguaçu, cidade do estado do Rio de Janeiro, e comecei a empreender desde muito cedo.

Autor: Leonardo Chucrute

Empreendedorismo com propósito

Reforma tributária: os desafios para impulsionar o crescimento econômico

“A simplificação do sistema tributário pode resultar em um catalisador para a criação de empregos, impulsionando a economia do país”, diz especialista.

Autor: Divulgação

Reforma tributária: os desafios para impulsionar o crescimento econômico

Empresário, você precisa sair do operacional

As estatísticas não são animadoras.

Autor: Paulo de Vilhena

Empresário, você precisa sair do operacional

Por que as PMEs são as mais vulneráveis à cibersegurança?

Embora elas possam enfrentar restrições orçamentárias, estão disponíveis soluções tecnológicas acessíveis e eficazes.

Autor: Denis Furtado

Por que as PMEs são as mais vulneráveis à cibersegurança?

A união entre marketing digital e comercial para o sucesso dos negócios

Até parece mentira, mas, nos tempos atuais, há quem ainda acredite que seu lugar não seja nas redes sociais.

Autor: Gustavo Alonge

A união entre marketing digital e comercial para o sucesso dos negócios