Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Já é hora de planejar o pós-pandemia

Já é hora de planejar o pós-pandemia

26/06/2020 Divulgação

As empresas precisam iniciar a segunda etapa da quarentena e buscar os novos caminhos, mesmo diante de um cenário ainda incerto.

A melhoria contínua, seja no âmbito pessoal seja no ambiente empresarial, é fundamental para o crescimento. E uma das lições desse período de isolamento social é que, daqui para a frente, as mudanças serão ainda mais constantes. Novos produtos e serviços, desejos diferentes dos consumidores e um outro tipo de consumismo surgiram e estão se consolidando. Isso exige que as empresas comecem, de imediato, a se remodelar para o pós-pandemia, apesar de ainda não se saber, ao certo, quando será este momento.

Sendo assim, a hora é de iniciar a segunda etapa da quarentena. Em uma primeira fase, foi preciso criar condições para que as empresas seguissem funcionando, como implementar medidas de prevenção ao contágio pelo coronavírus, colocar equipes em home office, ampliar o uso da tecnologia, dar suporte aos colaboradores dentro e fora do ambiente de trabalho, entre outras iniciativas. Para o CEO e headhunter da Prime Talent, David Braga, agora é necessário ir além. “É fundamental inovar e repensar o business. Como será a volta? As lideranças precisarão encontrar um ponto de equilíbrio entre a saúde das pessoas e a economia da empresa. Deve-se pensar no digital, na disrupção do mercado, na eficiência, nos custos, sem falar na importância de ampliar o foco no empreendedorismo social, entre outros aspectos”, destaca.

Braga argumenta ainda que, além de revisar os planos estratégicos e as estruturas organizacionais, as lideranças precisam criar ações para os funcionários que retornarem do isolamento social. “Muitos estarão ansiosos, angustiados ou mesmo depressivos. Há, ainda, aqueles que já se acostumaram às novas rotinas do home office, o que impactará diretamente na performance”, observa o executivo. Também serão atitudes relevantes valorizar os profissionais que despontaram durante a pandemia e não perder capital intelectual, mesmo que a empresa precise passar por uma restruturação.

O grande desafio é que todas essas transformações têm que começar a acontecer agora. “Citando Napoleão Bonaparte, ‘a grande arte é mudar durante a batalha’ e buscar as soluções assertivas, mesmo em um cenário totalmente sem previsibilidade. Lembrando que, em um mundo VUCA, ou seja, volátil, incerto, complexo e ambíguo, as decisões não cabem apenas ao líder. Todos participam, com sugestões sobre business, mercado, tendências e o que pode ser mudado”, conclui David Braga.

Fonte: Link Comunicação Empresarial



Como usar a inteligência emocional para lidar com os negócios?

Ser um empreendedor em um negócio altamente estressante é como estar em uma montanha-russa emocional.

Autor: João Roncati

Como usar a inteligência emocional para lidar com os negócios?

Azul cria fundo social para captação de recursos para desastres nacionais

Itaú Unibanco se torna o primeiro apoiador após doação de R$ 5 milhões.

Autor: Divulgação


Ultrapassei o limite do MEI e agora?

Entenda como funciona a transição para Microempresa.

Autor: Divulgação

Ultrapassei o limite do MEI e agora?

Por que tantas recuperações judiciais?

Nas últimas semanas, a imprensa reproduziu amplamente o indicador de recuperações judiciais produzido e monitorado pela Serasa Experian, a concorrente britânica do histórico SPC, este desenvolvido pela Câmara dos Dirigentes Logistas, que oferece serviços de proteção ao crédito.

Autor: Carlos Gomes


Empreendedorismo com propósito

Nasci em Nova Iguaçu, cidade do estado do Rio de Janeiro, e comecei a empreender desde muito cedo.

Autor: Leonardo Chucrute

Empreendedorismo com propósito

Reforma tributária: os desafios para impulsionar o crescimento econômico

“A simplificação do sistema tributário pode resultar em um catalisador para a criação de empregos, impulsionando a economia do país”, diz especialista.

Autor: Divulgação

Reforma tributária: os desafios para impulsionar o crescimento econômico

Empresário, você precisa sair do operacional

As estatísticas não são animadoras.

Autor: Paulo de Vilhena

Empresário, você precisa sair do operacional

Por que as PMEs são as mais vulneráveis à cibersegurança?

Embora elas possam enfrentar restrições orçamentárias, estão disponíveis soluções tecnológicas acessíveis e eficazes.

Autor: Denis Furtado

Por que as PMEs são as mais vulneráveis à cibersegurança?

A união entre marketing digital e comercial para o sucesso dos negócios

Até parece mentira, mas, nos tempos atuais, há quem ainda acredite que seu lugar não seja nas redes sociais.

Autor: Gustavo Alonge

A união entre marketing digital e comercial para o sucesso dos negócios

Empreender é saber lidar com pressão e estresse

Muitas vezes, diante dos desafios e preocupações do dia a dia, ficamos estressados e não sabemos como lidar com algumas situações ou pressões.

Autor: Leonardo Chucrute

Empreender é saber lidar com pressão e estresse

IA na cobrança: seis dicas para implementar com assertividade

Cobrar um cliente, nem sempre, é uma tarefa fácil.

Autor: Leonardo Coelho

IA na cobrança: seis dicas para implementar com assertividade

Estratégias de desenvolvimento interno de equipes de alta performance

Apostar na formação de funcionários é a melhor saída para driblar a escassez de talentos especializados no mercado de trabalho.

Autor: Divulgação

Estratégias de desenvolvimento interno de equipes de alta performance