Portal O Debate
Grupo WhatsApp

O momento pede revisão na estratégia para manutenções

O momento pede revisão na estratégia para manutenções

29/05/2020 Luciano Rodrigues Costa

Como essa nova realidade mundial enfrentada pelo coronavírus impõe mudanças na estratégia de gestão dos ativos.

Desde o início da crise gerada pela pandemia de coronavírus, empresas dos mais diversos portes e setores tiveram que modificar seu modo de operar.

Com a recomendação das autoridades para que as pessoas evitassem aglomerações, muitas organizações alocaram parte dos funcionários para o esquema de home office, enquanto outras precisaram fazer desligamentos, temporários ou definitivos. Em todo caso, linhas de produção pararam ou reduziram significativamente o ritmo.

Se proteger e preservar vidas coloca-se, de forma indiscutível, como prioridade, também não se devem perder de vista os cuidados com a conservação dos equipamentos. A "nova realidade" mundial impõe mudanças na estratégia de gestão dos ativos.

Manutenções - pontuais ou cíclicas - não podem, simplesmente, ser riscadas da agenda. Se por um lado, organizações talvez fiquem tentadas a segurar custos neste momento de restrição financeira, é imprescindível que seu maquinário permaneça em ordem, mesmo que isso signifique alterar alguns processos e rotinas internos, de sistemas ou equipes.

Afinal de contas, o que todos esperam é que em algum momento o surto passe e que as atividades sejam retomadas.

O cenário pode, até, apresentar aquela oportunidade de aprimorar a forma como os ativos essenciais ao funcionamento e à perenidade do negócio são mantidos. Cogite adotar novas tecnologias e ferramentas de apoio.

Algumas delas conseguem reunir todos os dados necessários em um repositório único, onde ficam disponíveis para análise em tempo real e via acesso remoto.

Lembre-se: a transformação digital catalisa melhora no desempenho. Num cenário de contração econômica, é grande aliada. Considere também reexaminar suas escalas e turnos de pessoal.

De repente, descobrirá formas de maximizar a produtividade, direcionando os talentos de forma mais lógica, extraindo todo o seu potencial.

Agora, também, pode ser hora de alterar a modalidade da manutenção que comumente realiza - prescritiva, preditiva, preventiva ou planejada.

É importante ter em conta que, em cenário de crise, planos de paradas podem ser flexibilizados, com variações na frequência de atualização e no escopo dos trabalhos, sem comprometer os padrões técnicos exigidos.

Por exemplo: se antes da pandemia costumava tirar determinado equipamento totalmente da operação para checagem ou calibragem, avalie a adoção de processos faseados.

Ou reveja o planejamento no calendário, levando em conta a criticidade de cada ativo. Para isso, certifique-se de como estão seus níveis de peças e sobressalentes no estoque.

Ninguém consegue, ainda, precisar quando o mundo superará o surto do Covid-19. Há um empenho global em reativar a economia.

Garanta que seu negócio esteja pronto para o momento da retomada. Investir o tempo e recursos, agora, na "saúde" dos ativos fará a diferença.

* Luciano Rodrigues Costa é Product Manager da Atech.

Fonte: Intelligenzia



Luciano Hang apoia manifesto isenção de impostos nas compras até US$50

Na noite de sexta-feira, 17, o dono da Havan, Luciano Hang, participou do jantar de encerramento do 39º Congresso Nacional de Sindicatos Empresariais (CNSE), em Balneário Camboriú (SC).

Autor: Divulgação


Como usar a inteligência emocional para lidar com os negócios?

Ser um empreendedor em um negócio altamente estressante é como estar em uma montanha-russa emocional.

Autor: João Roncati

Como usar a inteligência emocional para lidar com os negócios?

Azul cria fundo social para captação de recursos para desastres nacionais

Itaú Unibanco se torna o primeiro apoiador após doação de R$ 5 milhões.

Autor: Divulgação


Ultrapassei o limite do MEI e agora?

Entenda como funciona a transição para Microempresa.

Autor: Divulgação

Ultrapassei o limite do MEI e agora?

Por que tantas recuperações judiciais?

Nas últimas semanas, a imprensa reproduziu amplamente o indicador de recuperações judiciais produzido e monitorado pela Serasa Experian, a concorrente britânica do histórico SPC, este desenvolvido pela Câmara dos Dirigentes Logistas, que oferece serviços de proteção ao crédito.

Autor: Carlos Gomes


Empreendedorismo com propósito

Nasci em Nova Iguaçu, cidade do estado do Rio de Janeiro, e comecei a empreender desde muito cedo.

Autor: Leonardo Chucrute

Empreendedorismo com propósito

Reforma tributária: os desafios para impulsionar o crescimento econômico

“A simplificação do sistema tributário pode resultar em um catalisador para a criação de empregos, impulsionando a economia do país”, diz especialista.

Autor: Divulgação

Reforma tributária: os desafios para impulsionar o crescimento econômico

Empresário, você precisa sair do operacional

As estatísticas não são animadoras.

Autor: Paulo de Vilhena

Empresário, você precisa sair do operacional

Por que as PMEs são as mais vulneráveis à cibersegurança?

Embora elas possam enfrentar restrições orçamentárias, estão disponíveis soluções tecnológicas acessíveis e eficazes.

Autor: Denis Furtado

Por que as PMEs são as mais vulneráveis à cibersegurança?

A união entre marketing digital e comercial para o sucesso dos negócios

Até parece mentira, mas, nos tempos atuais, há quem ainda acredite que seu lugar não seja nas redes sociais.

Autor: Gustavo Alonge

A união entre marketing digital e comercial para o sucesso dos negócios

Empreender é saber lidar com pressão e estresse

Muitas vezes, diante dos desafios e preocupações do dia a dia, ficamos estressados e não sabemos como lidar com algumas situações ou pressões.

Autor: Leonardo Chucrute

Empreender é saber lidar com pressão e estresse

IA na cobrança: seis dicas para implementar com assertividade

Cobrar um cliente, nem sempre, é uma tarefa fácil.

Autor: Leonardo Coelho

IA na cobrança: seis dicas para implementar com assertividade