Portal O Debate
Grupo WhatsApp


O papel do consumidor na evolução do varejo

O papel do consumidor na evolução do varejo

16/03/2019 Fabio Xavier

Uma vez por ano, o consumidor é presenteado com um dia especial: 15 de março.

No entanto, o varejo precisa dar voz aos consumidores todos os dias, pois eles são o principal agente de evolução. É graças ao contato próximo com os consumidores que as marcas conseguem insights para, assim, melhorar a experiência oferecida a seu público independentemente do canal utilizado.

De acordo com dados da Forum Corporation, 70% dos clientes abandonam as marcas por causa de questões relacionadas ao atendimento que recebem, enquanto apenas 30% mudam de opção devido a outros produtos que conheceram no processo de compra. Ou seja, um bom relacionamento com os consumidores é um grande ativo para as empresas.

Neste sentido, ferramentas como o NPS (Net Promoter Score) são grandes aliadas. Com elas, tanto lojistas quanto provedores de tecnologia buscam, além de medir a satisfação de seus clientes, saber de que maneira os produtos e serviços agregam valor ao dia a dia das pessoas.

Mais do que uma boa pontuação na escala que varia de -100 a 100, um NPS positivo é aquele que se transforma em atitudes reais tomadas por empresas após conhecerem a opinião de seus consumidores.

De nada adianta toda a informação gerada ficar guardada sem que represente um caminho de evolução. Na Linx, por exemplo, é a partir desse modelo que as soluções para o varejo são construídas. Com base no feedback dos clientes da empresa, os times de Desenvolvimento e Suporte conseguem trabalhar em novos produtos e funcionalidades, assim como aprimorar aquilo que já está no mercado.

Além de gerar valor para empresas de tecnologia e para os varejistas, esse modelo entrega resultados positivos para o consumidor final. É aí que o setor de Suporte tem a oportunidade de fazer a diferença, já que é responsável por avaliar a qualidade da experiência que é oferecida aos lojistas e seus consumidores e agir com protagonismo em qualquer processo de melhoria.

A consequência disso é a busca incansável pela evolução da satisfação dos clientes e um ambiente focado em melhoria contínua da experiência e inovação, tudo que o varejo precisa para atingir o sucesso. Dessa forma, o conceito de “Customer Success”, muito aplicado nos dias de hoje, significa muito mais do que um reflexo da satisfação do consumidor com a marca, mas o êxito na execução de todos processos de negócio de uma organização.

Costumo dizer que hoje, o foco está na jornada e em melhorar a experiência do seu cliente. Isso se aplica em qualquer mercado, seja ele B2B ou B2C.

Com um mercado cada vez mais competitivo, fazer com que clientes se sobressaiam se transformou em uma obrigação, traduzida em rebuscadas estratégias de crescimento, acompanhadas por um bom posicionamento. Hoje, isso é a base do sucesso de qualquer empresa na corrida pela melhor experiência e, claro, pelos melhores resultado do negócio.

* Fabio Xavier é Diretor de Suporte da Linx.

Fonte: JeffreyGroup Latin America Marketing



MEI tem até 30 de junho para enviar a declaração anual de faturamento

Prestação de contas é obrigatória e assegura ao MEI a manutenção do seu registro e os benefícios previdenciários.

MEI tem até 30 de junho para enviar a declaração anual de faturamento

Captação da poupança bate recorde em maio

Depósitos superaram saques em R$ 37,2 bilhões no mês

Captação da poupança bate recorde em maio

Compliance Previdenciário e o controle da gestão de riscos empresariais

Não é segredo para ninguém que as legislações tributária e previdenciária brasileiras estão em constantes mudanças e possuem inúmeras regras que podem causar confusão e fazer os empresários pagarem mais do que realmente precisam, fazendo com que os lucros, quando existentes, fujam pelo ralo.


Indústrias com produto nacional têm vantagem em meio à crise

Como enfrentar a crise no longo prazo e se precaver contra novos imprevistos da economia?


Produção industrial tem em abril maior queda em 18 anos

Retração de 18,8% reflete efeitos das ações para combater novo coronavírus.

Produção industrial tem em abril maior queda em 18 anos

Coronavírus provoca a maior queda da história na confiança do empresário do comércio

Icec tem retração mensal de 20,9%, cai ao menor nível desde 2016 e chega à zona de insatisfação.

Coronavírus provoca a maior queda da história na confiança do empresário do comércio

Como gerar valor a partir da inovação e da cultura

O que mais lhe interessa durante a entrega de um serviço: contar com um atendimento de qualidade ou se identificar com os valores que guiam a empresa que você contratou?


Remédio ou Veneno? Depende da dose

Existe apenas um segredo para sobreviver: não morrer.

Remédio ou Veneno? Depende da dose

Vendas no comércio têm pior desempenho em duas décadas, aponta Serasa

Comércio registra queda de 31,8% na comparação com o mesmo mês de 2019.

Vendas no comércio têm pior desempenho em duas décadas, aponta Serasa

Como cuidar do fluxo de caixa pós-pandemia

Lembrando que o poder de compra dos clientes e dos potenciais clientes também deve mudar.


Sucesso nos negócios: estratégia ou acaso?

Embora sejam simples, as estratégias não são simplistas, e a maioria avassaladora das empresas brasileiras não possui esse tipo de direcionamento.

Sucesso nos negócios: estratégia ou acaso?