Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Produção industrial cresce 8,9% de maio para junho

Produção industrial cresce 8,9% de maio para junho

04/08/2020 Divulgação

Indústria ainda não conseguiu recuperar perdas causadas pela pandemia.

Produção industrial cresce 8,9% de maio para junho

A produção industrial brasileira cresceu 8,9% em junho deste ano, na comparação com maio. Essa é a segunda alta consecutiva do indicador, que já havia registrado expansão de 8,2% em maio. Foi também foi a maior taxa de crescimento desde junho de 2018 (12,5%).

Apesar disso, a indústria brasileira ainda não conseguiu recuperar totalmente as perdas sofridas em março e abril, causadas pela pandemia da covid-19, quando o setor caiu 26,6%.

Os dados são da Pesquisa Industrial Mensal, divulgada nesta terça-feira (04/08), no Rio de Janeiro, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Apesar da alta de maio para junho, a produção apresentou queda de 9% na comparação com junho de 2019. Houve ainda recuos de 10,9% no acumulado do ano e de 5,6% no acumulado de 12 meses.

A alta de 8,9% na passagem de maio para junho foi puxada por 24 das 26 atividades industriais pesquisadas, em especial pela produção de veículos automotores, reboques e carrocerias, que teve um crescimento de 70% no mês.

Outros equipamentos de transporte também tiveram destaque, com alta de 141,9%, puxados principalmente pela produção de motocicletas.

Por outro lado, as atividades com queda na produção foram a indústria alimentícia e a produção de coque, derivados de petróleo e biocombustíveis, ambas com recuo de 1,8% na produção.

Fonte: Agência Brasil



Venda de carros seminovos tem novo crescimento em agosto

Dados da Fenabrave apontam aumento de 9,98% nos dados de transferência de veículos usados no mês de agosto em relação ao mês de julho.

Venda de carros seminovos tem novo crescimento em agosto

Profissionais de tecnologia e logística terão mais chances de emprego pós pandemia

Novos hábitos criados pelo isolamento social aceleraram tendências, que devem aumentar demanda por técnicos em logística e de telecomunicações.

Profissionais de tecnologia e logística terão mais chances de emprego pós pandemia

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Textos patrocinados são a melhor mídia para divulgar a sua empresa.


Porque você deve investir a sua energia no Instagram

Os E-commerces estão a todo vapor e o Instagram pode ser a porta de entrada.

Porque você deve investir a sua energia no Instagram

Amazon é a empresa líder de vendas mundiais durante a pandemia

Empresa teve o maior lucro e valor de comércio ao consumidor de abril deste ano até o momento.

Amazon é a empresa líder de vendas mundiais durante a pandemia

Confiança do empresário industrial cresce pelo quinto mês consecutivo

Indicador está 3,1 pontos abaixo do registrado antes da pandemia.

Confiança do empresário industrial cresce pelo quinto mês consecutivo

4 dicas para organizar as finanças durante a pandemia

Venha descobrir neste post sobre como organizar as suas finanças em tempos de pandemia!

4 dicas para organizar as finanças durante a pandemia

BDMG anuncia R$ 68 milhões adicionais em crédito para micro e pequenas empresas

União ampliou de R$ 203 mi para R$ 271 mi o limite de recursos para o banco operar nesta 2ª fase do Pronampe.

BDMG anuncia R$ 68 milhões adicionais em crédito para micro e pequenas empresas

CNC revisa para 5,6% previsão de retração dos serviços em 2020

Turismo segue bastante afetado pela crise e acumula perdas de mais de R$ 182 bilhões entre março e agosto.

CNC revisa para 5,6% previsão de retração dos serviços em 2020

Binomo: como funciona a plataforma?

Binomo é uma corretora que permite aos clientes fazerem negócios


Agosto registra queda no número de pedidos de seguro-desemprego

No ano, número de requisições é 7,5% maior do que em 2019.

Agosto registra queda no número de pedidos de seguro-desemprego

Vendas do comércio crescem 5,2% de junho para julho, diz IBGE

Essa é a terceira alta consecutiva do indicador.

Vendas do comércio crescem 5,2% de junho para julho, diz IBGE