Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Percurso da antiga estrada de Ferro Bahia-Minas inspira nova rota turística

Percurso da antiga estrada de Ferro Bahia-Minas inspira nova rota turística

09/11/2021 Divulgação

Iniciativa liderada pelo Sebrae Minas visa estimular o turismo, a geração de negócios e o desenvolvimento econômico no Vale do Mucuri.

Percurso da antiga estrada de Ferro Bahia-Minas inspira nova rota turística

Com belas paisagens e muita história, o Vale do Mucuri, localizado no Nordeste mineiro, nas divisas com Bahia e Espírito Santo, tem um grande potencial turístico a ser explorado. Uma das iniciativas para estimular o desenvolvimento do setor na região é a criação da Rota Bahia-Minas, que tem como principal atrativo a antiga Estrada de Ferro Bahia-Minas (EFBM), que ligava, num percurso de 578 quilômetros, a cidade de Araçuaí, no Vale do Jequitinhonha, ao arraial de Ponta de Areia, próximo à cidade de Caravelas, no sul da Bahia. O trajeto, repleto de histórias e belezas naturais, poderá ser percorrido em grupos organizados, não mais de trem, já que a ferrovia foi desativada há 55 anos, mas de bicicleta, a pé ou de carro.

O projeto é liderado pelo Sebrae Minas e já conta com a adesão de prefeituras de cinco municípios: Novo Cruzeiro, Ladainha, Poté, Teófilo Otoni e Carlos Chagas. “Percebemos que o turismo em nossa região tem um potencial enorme. Temos uma boa recepção e acredito que muitas pessoas virão de diversos lugares para nos visitar”, declara o prefeito de Teófilo Otoni, Daniel Sucupira.

A expectativa é que, até o próximo ano, a Rota Bahia-Minas e seus pontos de apoio estejam preparados para recepcionar os turistas.  Os municípios de Novo Cruzeiro, Ladainha, Poté, Teófilo Otoni e Carlos Chagas já realizaram atividades experimentais para testar e avaliar os pontos de apoio, serviços e atrativos da rota.

“Ainda há intervenções que os municípios devem fazer ao longo da rota, como limpeza de algumas áreas, sinalização turística e manutenção de patrimônios. O trajeto original da estrada férrea era de 578 km, mas nesta primeira fase do projeto, o roteiro vai de Novo Cruzeiro, distrito de Queixada, até Carlos Chagas”, explica o analista do Sebrae Minas Jeferson Rodrigues Batalha. Segundo ele, a criação da Rota Bahia-Minas vai contribuir para aquecer o turismo regional e gerar oportunidades para os pequenos negócios localizados ao longo do percurso original da antiga estrada férrea.

Em outubro, o Sebrae Minas promoveu um encontro em Teófilo Otoni reunindo lideranças dos municípios envolvidos e amantes do cicloturismo que torcem para que o projeto seja sucesso na região.  “Pedalar pela Bahia-Minas e escutar as histórias são resgates fantásticos de cultura e beleza natural”, disse a psicóloga Natália Andrade Guedes.

Para a administradora Karla Navarro, a rota vai atrair também amantes da natureza. “A gente sempre passa por essa estrada e tem experiências novas, pois tem uma paisagem que muda muito de acordo com a estação do ano”, afirmou.

Bahia-Minas

A Estrada de Ferro Bahia-Minas teve sua construção iniciada em 1882 e em 1966 suas atividades foram encerradas. A linha férrea foi construída com o objetivo de transportar madeira, principalmente, dormentes, até os portos baianos para exportação

A Bahia-Minas e seus trens ligavam inúmeros municípios nos dois estados e era o caminho dos mineiros para o mar, tendo a sua última estação no distrito de Ponta de Areia. Somente em 1898 a ferrovia chegaria a Teófilo Otoni, e em 1918, a Ladainha.

Para mais informações sobre rota turística clique aqui.

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Fonte: Sebrae Minas



Vila turística de Pomerode é selecionada pela ONU entre as melhores do mundo

Entre os 41 destinos selecionados, o roteiro catarinense é o único representante do Brasil.

Vila turística de Pomerode é selecionada pela ONU entre as melhores do mundo

Lagoa Vermelha (RS) ganha título de Capital Nacional do Churrasco

A cidade já era conhecida como a Capital Gaúcha do Churrasco.

Lagoa Vermelha (RS) ganha título de Capital Nacional do Churrasco

Turismo nacional deve encerrar o ano com crescimento de 16%

A estimativa de faturamento é de R$ 130 bilhões, diz FecomercioSP.

Turismo nacional deve encerrar o ano com crescimento de 16%

Monumento Natural Gruta Rei do Mato recebe Selo Social do WWF-Brasil

Chancela reconhece iniciativas com impacto ambiental positivo na sociedade.

Monumento Natural Gruta Rei do Mato recebe Selo Social do WWF-Brasil

Viagens de negócios dificilmente voltarão ao patamar pré-Covid

Pesquisa inédita aponta que viagens de negócios perderam U$ 35 bilhões com a pandemia.

Viagens de negócios dificilmente voltarão ao patamar pré-Covid

O Vale de Aosta e seus castelos

O encantador e espetacular Vale de Aosta, no norte da Itália, é uma região com muito a oferecer aos seus visitantes.

O Vale de Aosta e seus castelos

Nômades digitais podem se inscrever no programa Viva Mais Bonito

Empresas capacitadas pelo Sebrae/MS possibilitam melhores preços para esse público, além de experiências em um dos destinos turísticos destaques no país.

Nômades digitais podem se inscrever no programa Viva Mais Bonito

Embaixada e consulados norte-americanos retomam renovação de vistos

Adultos precisam estar completamente imunizados para viajar.

Embaixada e consulados norte-americanos retomam renovação de vistos

Temporada de cruzeiros recomeça com saída do porto de Santos

Previsão é de que a temporada produza um impacto de R$ 1,7 bilhão na economia nacional e a geração de 24 mil empregos.

Temporada de cruzeiros recomeça com saída do porto de Santos

Parque Nacional do Iguaçu recebeu 78 mil visitantes em outubro  

Turistas de todos estados do Brasil passearam pela Maravilha Mundial da Natureza nos 31 dias do mês.

Parque Nacional do Iguaçu recebeu 78 mil visitantes em outubro  

Infraero prevê aumento de 54% do movimento nos aeroportos no feriado

Voos comerciais regulares devem receber  776 mil passageiros no período.

Infraero prevê aumento de 54% do movimento nos aeroportos no feriado

Conheça o centro histórico de Florença

Florença é história, tradição, arte e cultura.

Conheça o centro histórico de Florença