Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Turismo no Brasil deve ter queda de 38,9% nos ganhos, aponta FGV

Turismo no Brasil deve ter queda de 38,9% nos ganhos, aponta FGV

22/04/2020 Divulgação

Após isolamento, mercado doméstico deve levar um ano para se recuperar.

Turismo no Brasil deve ter queda de 38,9% nos ganhos, aponta FGV

O Produto Interno Bruto (PIB) do setor de turismo, que em 2019 chegou a R$270,8 bilhões, deve cair para R$165,5 bilhões em 2020, indicando redução de 38,9% no faturamento. É o que indica o estudo "Impacto Econômico da covid-19 e Propostas para o Turismo Brasileiro", elaborado pela FGV Projetos.

Segundo o levantamento, em 2021, os ganhos com o turismo devem alcançar R$259,4 bilhões, valor 4,2% inferior ao patamar de 2019. A perda total do setor turístico brasileiro será de R$ 116,7 bilhões no biênio 2020-2021. Para cobrir essa lacuna, será necessário que o setor cresça em média 16,95% ao ano em 2022 e em 2023, com PIB de, respectivamente, R$ 303 bilhões e R$355 bilhões.

O mercado de viagens é um dos setores mais afetados, pois as medidas de contenção do contágio pela covid-19 impactam diretamente sua dinâmica econômica. Segundo análise do PewResearch Center, hoje, 93% da população mundial vivem em países que adotaram algum tipo de medida de restrição de viagem e três bilhões de pessoas ao redor do mundo vivem em países que fecharam totalmente suas fronteiras para estrangeiros.

No Brasil, o enxugamento dessa área traz consequências significativas, já que o turismo é uma atividade fortemente geradora de empregos em todas as faixas de renda. As atividades dessa natureza envolvem principalmente, e em grande escala, as áreas de menor grau de especialização.

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o setor de turismo responde por 3,71% do PIB do país, e sua dinâmica é composta por diferentes atividades que serão diferentemente afetadas com o isolamento social. São elas: hotéis e pousadas; bares e restaurantes; transporte rodoviário; transporte aéreo; outros transportes e serviços auxiliares dos transportes; atividades de agências e organizadores de viagens; aluguel de bens móveis; e atividades recreativas, culturais e desportivas.

Neste estudo, a FGV Projetos considerou um período de confinamento de três meses. Passado esse período, deverá ter início o processo de reequilíbrio dos negócios (estabilização) no Brasil, que deve se estender por aproximadamente 12 meses, uma vez que a saúde financeira dos negócios e das famílias estará comprometida. No caso do turismo internacional, o período de recuperação poderá chegar a 18 meses.

Fonte: Agência Brasil



Dica do Roteiro Automotivo: Bike Fest de Tiradentes

Uma novidade que promete encantar os participantes é o Ride Bike Fest.

Autor: Marcos Villela Hochreiter

Dica do Roteiro Automotivo: Bike Fest de Tiradentes

Como o mercado do turismo se beneficia com o Marketing de Influência

Sabemos que o Marketing Digital é uma importante ferramenta para a promoção de destinos turísticos ao redor do mundo.

Autor: Vinícius Taddone

Como o mercado do turismo se beneficia com o Marketing de Influência

BH Airport amplia experiência com QR Code que oferece dicas turísticas

Parceria com a Gyde permite que passageiros testem solução com dicas e atrações de diversos destinos atendidos pelo terminal mineiro.

Autor: Divulgação

BH Airport amplia experiência com QR Code que oferece dicas turísticas

Livro que promove destinos turísticos é lançado em Capitólio

Obra integra, que integra projeto patrocinado pela Cemig, apresenta mais de 40 rotas turísticas com riqueza de detalhes e linguagem adaptada a diferentes públicos.

Autor: Divulgação


Lançado o Festival Gastronômico de Prado: Sabores do Sertão ao Mar

O Festival Gastronômico e Cultural de Prado realizou o lançamento oficial da sua 18ª edição, por meio de celebração única de sabores, cultura e entretenimento.

Autor: Divulgação

Lançado o Festival Gastronômico de Prado: Sabores do Sertão ao Mar

Nova plataforma conecta negócios voltados ao turismo

O projeto foi desenvolvido em conjunto, ainda, pelas secretarias de Estado de Cultura e Turismo (Secult) e de Desenvolvimento Econômico (Sede-MG).

Autor: Divulgação

Nova plataforma conecta negócios voltados ao turismo

Cinco motivos para não contratar passeios com elefantes

Somente na Tailândia, entre 2010 e 2020, o número da população de elefantes aumentou 134%.

Autor: Divulgação

Cinco motivos para não contratar passeios com elefantes

Vila Galé anuncia investimento de R$ 200 milhões em segundo resort em Alagoas

O novo empreendimento será construído em Coruripe. O primeiro resort do grupo no estado, o Vila Galé Alagoas, foi inaugurado em 2022 em Barra de Santo Antônio.

Autor: Divulgação

Vila Galé anuncia investimento de R$ 200 milhões em segundo resort em Alagoas

Turismo sem safra

Brotas é a cidade do agronegócio, mas na geração de emprego e renda, é o turismo que sempre está na dianteira.

Autor: Fabio Pontes

Turismo sem safra

BH Airport é classificado como o melhor aeroporto brasileiro

Resultado da Pesquisa Nacional de Satisfação de Passageiros reforça a qualidade dos serviços prestados no terminal mineiro na categoria entre 5 e 10 milhões de passageiros.

Autor: Divulgação

BH Airport é classificado como o melhor aeroporto brasileiro

Ano de oportunidades para o turismo brasileiro

O ano mal começou e já temos motivos para comemorar: o Brasil recebeu 5,9 milhões de turistas internacionais em 2023.

Autor: Alexandre Sampaio

Ano de oportunidades para o turismo brasileiro

Colline de France abrirá três unidades no país

Eleito melhor hotel do mundo em 2021 pelo TripAdvisor, o gramadense Colline de France está se instalando em São Francisco de Paula (RS), Balneário Camboriú (SC) e Miguel Pereira (RJ).

Autor: Divulgação

Colline de France abrirá três unidades no país