Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Brincar é coisa séria!

Brincar é coisa séria!

13/10/2021 Vivian Ferrari de Castro

A brincadeira é fundamental para o desenvolvimento emocional, cognitivo e social da criança.

Brincar é coisa séria!

Falar sobre a importância do brincar no Dia das Crianças pode parecer algo comum, mas é um assunto de grande relevância na vida dos pequenos e de seus familiares. É por meio de brincadeiras e jogos que a criança cria, imagina, se expressa, descobre e explora os mais diferentes ambientes e universos. Esse faz de conta é o modo com que ela se expressa e lida com as emoções e descobertas diárias que experimenta.

Para que todos esses processos aconteçam, é preciso dar liberdade à criança e deixar fluir a imaginação. Isso é algo que os jogos eletrônicos, por exemplo, não permitem, já que os caminhos e as possibilidades, apesar de serem muitas e variadas, são pré-determinadas. Apesar do alto grau de diversão e entretenimento, esse tipo de brincadeira deixa pouco espaço para a criação livre e para o exercício do indivíduo.

Atualmente, as telas estão cada vez mais presentes no dia a dia das crianças, seja para estudar e aprender, se relacionar com amigos e familiares, e também para diversão. Então, mais do que nunca, é importante saber usar e dosar os eletrônicos com sabedoria para extrair o melhor que podem oferecer, dentro do limite saudável para a infância. Isso inclui não alienar os pequenos, pois é necessário ter habilidades inerentes a essa geração que já nasceu conectada e que entende de tecnologia muito mais que os adultos. Mas permitir que smartphones, tablets e computadores dominem integralmente o tempo livre da criançada pode ser crítico para o seu desenvolvimento. Assim, o equilíbrio continua sendo o melhor remédio.

Pensando exatamente neste equilíbrio é que a escola se consolida como um ambiente de exploração de materiais livres, de socialização e interação, de criação e aprendizagens em espaços naturais. Bosques e jardins são excelentes locais que atendem desde as brincadeiras mais divertidas até as aulas de ciências mais exploradoras. As brincadeiras de rua de antigamente hoje acontecem de forma segura no espaço escolar, ao lado de grandes amigos que acompanharão sua vida até a fase adulta e que será, para sempre, fonte das melhores memórias. 

A brincadeira é fundamental para o desenvolvimento emocional, cognitivo e social da criança, por isso o tempo livre é tão importante para as atividades acontecerem de forma espontânea. O brincar compreende interação, cooperação, comunicação e relação. Desenvolve a importância do respeito por si e pelo outro, assim como a autoestima, o que vai trazer frutos por toda a sua vida e nas relações futuras. Tudo isso pra dizer que “brincar é coisa séria”.

Texto: Vivian Ferrari de Castro - pedagoga, psicóloga e coordenadora da Educação Infantil do Colégio Marista São Francisco

Para mais informações sobre crianças clique aqui.

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Fonte: Página 1 Comunicação



Brasil é a sociedade mais ansiosa do mundo

Estudo do Dr Fabiano de Abreu, feito na Logos University International, publicado pelo Brazilian Journal of Development, busca explicar e solucionar o problema.

Brasil é a sociedade mais ansiosa do mundo

Cuide do seu bebê: mantenha a saúde bucal em dia

Manter a escovação em dia e usar o fio dental são procedimentos essenciais.

Cuide do seu bebê: mantenha a saúde bucal em dia

Encurtamento muscular: o lado ruim do home office

Dores e redução da amplitude de movimento são os principais sinais de que seus músculos estão encurtados.

Encurtamento muscular: o lado ruim do home office

Brincar é coisa séria!

Falar sobre a importância do brincar no Dia das Crianças pode parecer algo comum, mas é um assunto de grande relevância na vida dos pequenos e de seus familiares.

Brincar é coisa séria!

Diversidade cerebral da criança: dificuldades de aprendizagem

Uma coisa é certa: não há dois cérebros iguais no mundo.

Diversidade cerebral da criança: dificuldades de aprendizagem

O sorriso envelhece, mas pode ser mais tarde

A gengiva pode sofrer recessão, que é a exposição da raiz, ou inflamações decorrentes de doenças periodontais.

O sorriso envelhece, mas pode ser mais tarde

Após quase morrer de câncer, a solidariedade

Em março de 2016, quando estava com 35 anos, descobri o câncer de mama.

Após quase morrer de câncer, a solidariedade

Temos uma Mãe!

Assim como o mês de maio, outubro também é um mês dedicado a Maria.

Temos uma Mãe!

Sorriso nos olhos é cartão de visita no retorno presencial ao trabalho

Quem não gosta de ser recebido em um ambiente profissional com um sorriso largo dos colegas?

Sorriso nos olhos é cartão de visita no retorno presencial ao trabalho

Açúcar: O grande vilão da boca das crianças

O consumo excessivo de açúcar e a má escovação podem levar ao aparecimento de cáries.

Açúcar: O grande vilão da boca das crianças

Estudo mostra que longevidade está ligada à prática de exercícios

Pessoas obesas e sedentárias que começam a se exercitar podem diminuir o risco de morte prematura em 30% ou mais.

Estudo mostra que longevidade está ligada à prática de exercícios

No Brasil, 14% da população se considera vegetariana

Dietas vegetarianas adequadamente planejadas são saudáveis e nutricionalmente adequadas.

No Brasil, 14% da população se considera vegetariana