Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Dormitório é o lugar com maior índice de quedas dos 60+

Dormitório é o lugar com maior índice de quedas dos 60+

09/02/2020 Divulgação

Levantamento derruba o mito de que o banheiro é o lugar mais perigoso da casa para esse público.

Dormitório é o lugar com maior índice de quedas dos 60+

De acordo com dados da equipe de geriatria do Hospital Sírio-Libanês, cerca de 30% das pessoas acima de 65 anos caem ao menos uma vez durante o ano. O número pode chegar a 50% quando se trata de pessoas com mais de 80 anos.

A pesquisa foi feita com base em mais de 600 ocorrências de quedas atendidas pela TeleHelp de janeiro a setembro de 2019. Ela aponta o dormitório como o cômodo de maior incidência, com 34% dos casos, seguido pela sala, com 16% e só então o banheiro, que aparece com 12% dos episódios.

Ambientes como a cozinha (9%), corredor (3%) e áreas externas (3%) também estão presentes no levantamento. O levantamento mostra ainda que os horários de maior incidência das quedas são às 11h e às 19h.

Desta maneira, é importante voltar a atenção para alguns cuidados que podem ser tomados a fim de evitar a ocorrência de quedas relacionadas aos fatores do ambiente, como por exemplo, uma boa iluminação, a eliminação de tapetes e objetos escorregadios, como fios. Outra dica é prestar atenção ao posicionamento de móveis, além da instalação de pontos de apoio, como corrimãos e barras.

Trabalhar com a prevenção dos acidentes é a melhor maneira de evitar os possíveis danos decorrentes de uma queda, como a perda de autonomia. Levando isso em conta, a TeleHelp desenvolveu também o Guia Morar Sozinho, com dicas e sugestões de como manter-se independente e seguro no ambiente domiciliar. O Guia é gratuito e está disponível para download no site.

Fonte: TeleHelp



Startup oferece guia de exercícios para fazer em casa

Em meio ao momento de cuidados redobrados com a saúde, empresa amplia serviços para que usuários se mantenham saudáveis e ativo.

Startup oferece guia de exercícios para fazer em casa

Natação para bebês estreita relações afetivas

Eles podem desenvolver noções de relacionamento em grupo e respeito por meio do esporte.

Natação para bebês estreita relações afetivas

Idosos em quarentena: a rotina de autocuidados

Inchaço, rachaduras e micoses nos pés são muito comuns na terceira idade, veja como minimizar estes problemas sem precisar sair de casa.

Idosos em quarentena: a rotina de autocuidados

Quarentena – como controlar a vontade de comer?

Ficar em casa, sem saber ao certo quando retomaremos a rotina... o trabalho, a escola, a academia, o encontro com os amigos.

Quarentena – como controlar a vontade de comer?

Sabão, sabonete ou detergente: com qual devo lavar as mãos?

Para esclarecer essa dúvida, a doutora na área de biologia de microrganismos e parasitas explica o uso correto de cada um desses produtos.

Sabão, sabonete ou detergente: com qual devo lavar as mãos?

Escola do Barreiro produz máscaras para moradores de rua

Iniciativa conta com apoio da Arquidiocese de Belo Horizonte, em parceria com a Pastoral de Rua.

Escola do Barreiro produz máscaras para moradores de rua

Exclusivo: método revela como ter uma barba cheia e forte

Novidade no Brasil tem preocupado os donos de clínicas de estética que estão perdendo clientes masculinos, pois muitos estão descobrindo esse novo tratamento inédito no Brasil.

Exclusivo: método revela como ter uma barba cheia e forte

Tratamentos estéticos que contribuem para a autoestima durante a velhice

Radiofrequência e luz pulsada são alguns dos procedimentos indicados para cuidar da aparência a partir dos 50 anos.

Tratamentos estéticos que contribuem para a autoestima durante a velhice

Como aumentar a imunidade com uma alimentação balanceada

Uma dica é substituir os biscoitos industrializados por frutas, iogurtes, oleaginosas e chás.

Como aumentar a imunidade com uma alimentação balanceada

As artimanhas dos assaltos a condomínios

Todos os dias, somos surpreendidos por casos inusitados de invasão a condomínios.


Quando substituir o botox pela cirurgia plástica?

A toxina botulínica não ameniza muito o envelhecimento avançado e, em excesso, deixa a face enrijecida, perdendo a graça da naturalidade.

Quando substituir o botox pela cirurgia plástica?

O que o coronavírus tem a ver com a sua alimentação?

A psicóloga Vanessa Bassan dá dicas de como enfrentar esse momento sem descontar na comida.

O que o coronavírus tem a ver com a sua alimentação?