Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Estudo discute relação entre videogames e bem-estar

Estudo discute relação entre videogames e bem-estar

24/11/2020 Divulgação

Trabalho diverge da tese de que prática levaria ao vício.

Estudo discute relação entre videogames e bem-estar

Pesquisadores do Instituto de Internet da Universidade de Oxford, no Reino Unido, desenvolveram um estudo em que encontraram uma relação levemente positiva entre bem-estar e o hábito de jogar videogame entre adultos. O artigo ainda não foi publicado em um periódico científico, tendo sido disponibilizado na modalidade preliminar (denominada preprint).

Os acadêmicos do OII (sigla do instituto em inglês) destacaram que o resultado vai contra uma percepção existente em outros estudos de que essa prática levaria ao vício e poderia trazer efeitos nocivos nos jogadores, seja no seu bem-estar seja no incentivo a condutas violentas.

Eles criticam esses trabalhos anteriores pelo que consideram ser uma fragilidade no método adequado ao se basearem em informações fornecidas pelos próprios jogadores. Nesse estudo, os autores optaram por outro caminho e analisaram dados de jogadores de dois jogos fornecidos por duas empresas do setor: Eletronic Arts e Nintendo.

A análise utilizou uma escala (Spane) de sensações e sentimentos indicativos de bem-estar, como motivação, autonomia e competência. Houve um acréscimo leve de respostas positivas à medida que o número de horas jogadas aumentou.

Mas o impacto de diferentes variáveis foi distinto. Quando há uma motivação interna do jogador, a relação com o bem-estar é positiva. Já quando a motivação é externa (como uma pressão para aderir ao jogo), a relação pode ser negativa.

Fonte: Agência Brasil



O valor de um abraço

Livro de poesias nasce em homenagem aos milhões de abraços perdidos durante a pandemia de Covid-19.


4 situações para usar a imaginação como ferramenta de transformação

O cérebro não reconhece a diferença entre o pensamento e a realidade.

4 situações para usar a imaginação como ferramenta de transformação

Epidemia do coronavírus acelera epidemia de obesidade infantojuvenil

O ganho de peso entre crianças e adolescentes dá sinais de alerta global há algumas décadas.

Epidemia do coronavírus acelera epidemia de obesidade infantojuvenil

Troco Solidário Havan beneficia mais de 140 instituições

Somente no primeiro semestre de 2022, foram arrecadados mais de R$ 6 milhões nas lojas da rede.


O ego e outras drogas

Acho muito pouco elegante usar a si mesmo como referência ou um autor citar uma frase de sua própria autoria para exemplificar algo.

O ego e outras drogas

Pé chato em crianças a partir dos 7 anos deve ser avaliado por especialistas

Cerca de 4% das crianças não desenvolvem o arco plantar e podem ter problemas nos membros inferiores na vida adulta.

Pé chato em crianças a partir dos 7 anos deve ser avaliado por especialistas

O perigo de quedas e a prevenção de acidentes domésticos com idosos

O aumento da expectativa de vida nos últimos anos aumentou, e como consequência, tivemos um crescimento significativo de idosos.

O perigo de quedas e a prevenção de acidentes domésticos com idosos

Havan contempla mais 16 projetos sociais e culturais por meio de leis de incentivos

No segundo trimestre de 2022, varejista destinou mais de R$ 1,6 milhão aos projetos de lei federal.

Havan contempla mais 16 projetos sociais e culturais por meio de leis de incentivos

Atividades para acalmar crianças autistas

Lidar com as emoções nem sempre é fácil.

Atividades para acalmar crianças autistas

Por que se desconectar da internet?

É comum querermos proteger e privar crianças e adolescentes do uso constante do celular.

Por que se desconectar da internet?

Dia mundial dos avós

Neste domingo, 24 de julho de 2022, comemoramos o II Dia Mundial dos Avós.

Dia mundial dos avós

Joanete pode afetar até 30% das mulheres na fase adulta da vida

O hálux valgo, mais conhecido como “joanete” é uma das deformidades mais comuns dos pés.

Joanete pode afetar até 30% das mulheres na fase adulta da vida