Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Há limites (espirituais) para a tecnologia

Há limites (espirituais) para a tecnologia

19/10/2017 Eric Nelson

"Toma consciência, por um só momento, de que a Vida e a inteligência são puramente espirituais."

Há limites (espirituais) para a tecnologia

A tecnologia tem seus limites, sendo um deles, a incapacidade de fornecer qualquer conexão real com o inefável, o transcendental ou aquilo que é divino.

Esse foi, basicamente, meu argumento durante uma recente conversa durante um jantar. Alguém sugerira que o know-how – e, por sua vez, o progresso humano – estava prestes a ser superado pela inteligência artificial, e eu discordei.

Não que eu tenha algo contra a tecnologia. Longe disso. É que ainda não vejo, mesmo que remotamente, a tecnologia fornecer o tipo de sabedoria que transforma vidas e essa, pelo menos para mim, só vem por meio da comunhão consciente com Deus.

Por exemplo, há alguns anos, quando eu trabalhava como produtor de vídeos, um dos meus editores ligou, dizendo que o projeto no qual estivera trabalhando por quase toda a semana estava completamente perdido. Aparentemente, o disco rígido se havia queimado.

A solução parecia ser bem objetiva: entregar o disco rígido a vários técnicos especializados, esperar alguns dias, pagar uma fortuna e pronto! Problema resolvido.

Sem ter o tempo nem o dinheiro necessários, decidi orar. Eu não pedi a Deus, a Mente divina, que consertasse o disco rígido. Em vez disso, como confiava na presença dEle em minha vida, eu estava aberto para quaisquer ideias que Ele tivesse para cuidar da situação.

Em questão de minutos, veio-me à mente a ideia de ligar para uma empresa de recuperação de dados, com a qual já trabalhara antes, e explicar o que estava acontecendo. Recebi a informação de que havia um novo software no mercado que eles acreditavam poderia nos ajudar. Comprei o software (barato, pelo que me lembro) e, em menos de um dia, o projeto estava em operação novamente.

Embora essa não seja a melhor descrição da “sabedoria que transforma vidas”, uma profunda lição fora aprendida: fui lembrado da fonte divina da inteligência – um lembrete que me tem sido útil depois disso, principalmente em relação à minha saúde.

Lembro-me de uma vez em que sentia um grande desconforto para caminhar, devido a uma infecção na pele. Nesse caso, não era questão de não ter tempo ou dinheiro para tratar do problema pela medicina, mas foi a mesma inclinação divina que me levou a orar, na ocasião do problema com o disco rígido.

O que me veio à mente foi que, com base no estudo da Bíblia, minha pureza – mental, física, total – não estava nem um pouco fundamentada na matéria, pelo contrário, era uma condição divinamente ordenada e mantida. Constatei, por várias vezes, que, à medida que eu mantenho mentalmente essa compreensão espiritual, a pureza se manifesta no meu físico. Embora tenha levado um pouco mais de tempo para a infecção desaparecer, do que o conserto do disco rígido, minha cura foi rápida e completa.

“Toma consciência, por um só momento, de que a Vida e a inteligência são puramente espirituais — que não estão na matéria nem são constituídas de matéria — e o corpo já não se queixará de coisa alguma”, escreve a reformadora cristã Mary Baker Eddy. “Se estiveres sofrendo de uma crença na enfermidade, repentinamente constatarás que estás bem.”

Sem dúvida, a tecnologia humana continuará a avançar. Da mesma forma, avançará nossa habilidade de melhor compreender e aplicar a inteligência espiritual que resulta, não apenas em melhores circunstâncias físicas, mas também em uma vida divinamente inspirada e fortalecida.

* Eric Nelson escreve sobre a conexão entre a consciência e a saúde, a partir de sua perspectiva como Comitê de Publicação da Ciência Cristã para o norte da Califórnia, EUA.  



Por que usar muito a cabeça não é pensar com inteligência ?

O cérebro humano é um órgão incrível, mas, assim como a própria natureza humana ele também é limitado.

Por que usar muito a cabeça não é pensar com inteligência ?

Boca seca é alerta: descubra as causas e saiba como prevenir

Conheça as verdadeiras causas da boca seca.

Boca seca é alerta: descubra as causas e saiba como prevenir

Conheça as verdadeiras causas da boca seca

A xerostomia ou boca seca é mais comum entre os mais idosos.

Conheça as verdadeiras causas da boca seca

O condomínio é responsável por danos aos veículos nas garagens?

O condomínio não tem personalidade jurídica.

O condomínio é responsável por danos aos veículos nas garagens?

Mulheres de 50 anos, o tempo de ser feliz é agora!

Se alguém ainda acredita que uma mulher de 50 anos ou mais está no declínio da sua vida anda meio desinformado.

Mulheres de 50 anos, o tempo de ser feliz é agora!

O futuro é digital e é idoso

O que aprendi com minha mãe de 83 anos durante a pandemia.

O futuro é digital e é idoso

Crianças homenageiam heróis no combate ao Covid-19

Estudantes irão entregar uma faixa aos profissionais de saúde do Hospital Universitário da UEL, em Londrina (PR).

Crianças homenageiam heróis no combate ao Covid-19

Sorrir melhora a autoestima e o humor, promovendo conexão pessoal e bem-estar

Ter autoconfiança na hora de sorrir aumenta a autoestima, gera conexão com outras pessoas, melhora o humor, libera hormônios de bem-estar e pode até promover o rejuvenescimento.

Sorrir melhora a autoestima e o humor, promovendo conexão pessoal e bem-estar

Experiência de vida muda comunicação entre cães e humanos, diz estudo

Animais domésticos têm troca de olhares mais intensa com os donos.

Experiência de vida muda comunicação entre cães e humanos, diz estudo

A sadia convivência entre gerações

Você já parou para pensar que muitos conflitos entre gerações poderiam ser minimizados, se apenas uma coisa fosse levada em consideração? Sim!

A sadia convivência entre gerações

Extraordinário homem novo – O princípio do respeito

A cada dia quando nasce o sol, os seres humanos iniciam a repetição de uma enormidade de procedimentos.

Extraordinário homem novo – O princípio do respeito

Cinco principais vícios de postura de crianças e adolescentes

Posturas inadequadas na infância podem levar a problemas musculoesqueléticos importantes na juventude, como desvios na coluna.

Cinco principais vícios de postura de crianças e adolescentes