Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Jesus é o alimento que sacia verdadeiramente

Jesus é o alimento que sacia verdadeiramente

22/06/2019 Padre Marcio Prado

Os tempos mudam e, de fato, algumas coisas tinham mais valor antigamente do que hoje.

Jesus é o alimento que sacia verdadeiramente

O que é importante para o mundo de hoje? Bom, ter saúde, estar com a família, ter dinheiro, emprego, estudar, ser empresário, bem visto e bem quisto… Talvez você até elencaria outras realidades que julga serem mais importantes.

Os tempos mudam e, de fato, algumas coisas tinham mais valor antigamente do que hoje. Recordo-me que no curso de Rádio e TV estudamos o progresso nas descobertas dos meios de comunicação, houve um “boom”, uma grande procura por aparelhos de rádio, uma febre, pois era algo “de outro mundo”. Como é possível ouvir alguém que está a quilômetros de distância? O homem transmitir palavras, canções… Foi uma grande descoberta que não parou por aí, veio a tv, a internet e as mídias sociais que são grandes instrumentos de comunicação. Mas constatamos que hoje o aparelho de rádio não é tão procurado, o videocassete é praticamente um artigo de enfeite ou de moda retrô, talvez alguns que me leem não viram um disquete de computador, já passou.

Os tempos mudam, porém percebo que o desejo da humanidade de ser feliz continua, por isso se buscam tantas novidades, por isso se consome tanto, é o desejo, a busca por algo que para muitos não se consegue dar um nome. Onde vamos parar? Vamos parar?

Houve Alguém que passou por este mundo e nos ensinou a não correr tanto atrás das coisas que passam. Esse Alguém ensinou a buscar coisas que não passam, que devemos amar, perdoar, viver da melhor maneira possível aqui, mas ter o olhar ou sonhar com o Mundo Novo. No Mundo Novo, Ele ensinava, não haverá lágrimas, dor, sofrimento e tudo aquilo que é ruim (guerra, fome, injustiça…).

Em outras palavras, o mundo consome e deseja consumir muito, talvez por isso, Deus quis se dar em alimento. O Pai Criador enviou seu Filho Jesus para ser alimento na Eucaristia. Jesus é o pão descido do céu, é o alimento que sacia verdadeiramente.

Muitos já encontraram esse alimento, muitos ainda não encontraram e outros precisam redescobri-lo. Deus quis se fazer presente no sacramento da Eucaristia, por isso se reza sempre a Missa e há um dia que a Igreja celebra o Corpo de Cristo (Corpus Christi). Na história, após a instituição realizada por Jesus, os primeiros cristãos celebravam a Eucaristia aos moldes de hoje, mas com o tempo, infelizmente, houve um esfriamento na fé. Muitos não acreditavam mais, e por isso, Deus se manifestou com tantos milagres eucarísticos.

No tempo de muita sede por consumir, o Verdadeiro alimento não tem sido procurado. A você que já caminha com o Senhor, convido a amar mais o alimento de sua alma, Jesus Eucaristia. A você que não caminha, apresento o verdadeiro alimento que é capaz de saciar-lhe.

Para receber Jesus Eucaristia, nos ensina a Igreja, é necessário ter fé, ser batizado e estar em estado de graça. Mesmo que você não esteja dentro dessas condições, busque participar da celebração, faça sua comunhão espiritual, busque um sacerdote para confessar ou partilhar o que está vivendo.

Por fim, o Corpus Christi é uma belíssima celebração, aproveite. Nesse dia, as paróquias e comunidades costumam fazer uma bela procissão com o Santíssimo Sacramento. De maneira pública, ao sair pelas ruas, a Igreja diz: “Está aqui o nosso Deus”. Ou ainda: “Está aqui o nosso alimento”. Ao manifestar a fé na Eucaristia, cada fiel se compromete a ser melhor, santo e também alimento, como Jesus, para aqueles que estão com fome e sede de algo que não sabem, mas é fome e sede d’Ele, Jesus.

* Padre Marcio Prado é sacerdote da Comunidade Canção Nova e Vice-Reitor do Santuário do Pai das Misericórdias. É autor dos livros “Entender e viver o Ano da Misericórdia” e “Via-Sacra do Santuário do Pai das Misericórdias”, pela editora Canção Nova. Twitter: @pemarciocn

Fonte: Fundação João Paulo II / Canção Nova



Depressão e ansiedade gestacional, como identificar?

O período gestacional é um momento da vida da mulher, principalmente para as mães de primeira viagem, que mais exige equilíbrio emocional.

Autor: Dra. Andréa Ladislau

Depressão e ansiedade gestacional, como identificar?

Quer casar comigo?

Todo dia era a mesma coisa. Marieta sempre esperava o engenheiro chegar.

Autor: Beto Ribeiro

Quer casar comigo?

Prazer sexual e moralidade cristã

O prazer no casamento foi concedido por Deus ao ser humano e o pecado está no coração de quem não quer fazer a vontade do Senhor.

Autor: Osiel Gomes

Prazer sexual e moralidade cristã

Festa da Misericórdia tem sua 22ª edição neste fim de semana

Para o domingo (07/04), a Comunidade Católica, em Cachoeira Paulista (SP), espera cerca de 30 mil pessoas.

Autor: Divulgação

Festa da Misericórdia tem sua 22ª edição neste fim de semana

366 dias para estreitar o relacionamento com Deus

Pastor Michel Simplício lança devocional interativo para exercitar a fé e aliviar o estresse diário.

Autor: Divulgação


Semana Santa: caminho que nos conduz a glória da Ressurreição

O Tríduo Pascal e suas funções litúrgicas devem ser observadas por todos os fiéis com devoção e ação de graças a Deus.

Autor: Padre Ricardo Rodolfo Silva


Aceitação

Ouvi essa história na prédica de um monge budista brasileiro, Gustavo Pinto, na década de noventa. A vida parecia mais fácil nos anos noventa.

Autor: Marco Antonio Spinelli

Aceitação

O que é a beleza?

Há quem diga que somos geneticamente programados para uma determinada percepção de harmonia, certos códigos áureos que transcendem ditames sociais.

Autor: Leonardo de Moraes

O que é a beleza?

São José, o justo

O trecho do Evangelho que se refere a José como homem justo é precisamente o que, na sequência, relata sua magnanimidade.

Autor: Sandro Arquejada

São José, o justo

Sete motivos para rir mais todos os dias

O riso é uma habilidade humana inata que antecede até mesmo nossas primeiras palavras.

Autor: Ros Ben-Moshe

Sete motivos para rir mais todos os dias

Características da ansiedade infantil: o que fazer ao identificá-las?

Muitas famílias se deparam com a necessidade de compreender e tratar transtornos ansiosos ou um comportamento ansioso de seus filhos.

Autor: Elaine Ribeiro

Características da ansiedade infantil: o que fazer ao identificá-las?

Segurança infantil: evite brinquedos perigosos

Quando vamos presentear uma criança devemos avaliar sobre qual brinquedo comprar para garantir a segurança delas.

Autor: Divulgação

Segurança infantil: evite brinquedos perigosos