Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Mães em jornada dupla: Como ser pai e mãe ao mesmo tempo?

Mães em jornada dupla: Como ser pai e mãe ao mesmo tempo?

02/08/2019 Angélica Rachid

Os dias começam com uma longa lista de afazeres. Acordar antes de todos em casa, preparar o café da manhã, acordar os filhos e prepará-los para a escola, garantir que tudo esteja em seu devido lugar, e só assim, sair para trabalhar e enfrentar o mundo.

Mães em jornada dupla: Como ser pai e mãe ao mesmo tempo?

A maioria das mães, já se vê nessa descrição de tarefas, que são refeitas diariamente. No entanto, essa rotina tende a ficar ainda mais árdua, para aquelas mães que também representam as figuras paternas em seus lares.

Agora, imagine ser uma mãe em busca da consolidação profissional e estabilidade financeira, e ainda ter que assumir uma posição suplementar em sua casa? Essa realidade complexa e desafiadora foi imposta a minha vida a partir do falecimento do meu marido e pai da minha filha, mas também se faz presente na vida de várias outras mulheres que passaram por divórcios ou optaram por estar sozinhas.

No meu caso, com a ausência do meu marido, fui obrigada a assumir uma série de obrigações. As minhas funções iam desde oferecer os cuidados necessários à minha filha até arcar com a organização, despesas e problemas provenientes da casa. E para ter uma renda suficiente, eu também precisava trabalhar. Algo, que naquela época era muito difícil, pois a minha filha tinha somente um ano e meio e demandava muita atenção e diversos cuidados.

Este tipo de situação se tornou muito comum ao longo dos anos, e isso pode ser exemplificado por dados recentes de uma pesquisa do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), que apontou que o número de lares brasileiros regidos por mulheres solteiras, aumentou de 23% para 40% em vinte anos de análise.

Esse contexto se mostra alarmante devido às grandes dificuldades que rondam a vida da maioria das mulheres. Ainda hoje, recebemos salários não equivalentes aos dos homens e possuímos pouco espaço de competitividade no mercado de trabalho.  Mesmo com todas estas injustiças, consegui administrar as necessidades do meu lar, assumindo assim o papel de pai e mãe para a minha pequena filha.

As necessidades da minha filha eram múltiplas, pois, ao mesmo tempo em que eu devia ser uma mãe presente, também era essencial ser a amiga e exemplo de mulher firme, forte e decidida, que ela pudesse se espelhar. No entanto, a parte mais injusta da chamada ‘jornada dupla’, é o sentimento de insuficiência paternal, que nos faz crer que somente o modelo de família tradicional pode dar o aporte suficiente para a formação de um adulto sadio fisicamente e emocionalmente.

Apesar dos pesares, acredito que ser mãe em dupla jornada é uma tarefa bastante honrosa. Mais do que isso, observo que ser pai e mãe simultaneamente é provar que é possível permanecer de pé ante as adversidades e situações que a vida reserva. Há um velho dito popular que diz que “ser mãe, é padecer do paraíso”. Vejo que as mães, além de ‘padecer’ no paraíso, suportam com fervor o peso das responsabilidades.

Com o Dia dos Pais se aproximando sinto que também devo comemorar, pois ele lembra de que todo o cansaço e adversidades valeram e ainda valem muito a pena. Sendo mãe, pai e conselheira, percebo que o meu papel na vida da minha filha é muito maior do que o de simplesmente provedora ou educadora, também preciso ser aquela pessoa que entende o que ela diz ou até mesmo o que ela não diz em palavras. Ser mãe é padecer no paraíso sim, mas ser mãe e pai é desfrutar da trajetória.

Texto: Angélica Rachid - empresária e sócia-fundadora da By Angel



Você sabe cuidar da sua escova de dente?

Item de higiene bucal precisa de cuidados de conservação.

Você sabe cuidar da sua escova de dente?

Dicas simples para evitar estrias na gravidez

A gestação é um dos momentos de maior realização da mulher. Mas, inevitavelmente, a gravidez muda o corpo da mãe, tanto durante, como após o parto.

Dicas simples para evitar estrias na gravidez

Diversão para terceira idade na era digital

Youtubers são usuários da plataforma YouTube que usam a internet para falar sobre diversos assuntos.

Diversão para terceira idade na era digital

Dicas para o crescimento saudável dos cabelos

É possível conquistar um cabelo forte e saudável e, ainda, evitar a queda.

Dicas para o crescimento saudável dos cabelos

Saiba quais são as flores mais indicadas para cultivo na primavera

Muitas plantas apresentam desenvolvimento de folhas novas nesse período, o que pode atrair pragas.

Saiba quais são as flores mais indicadas para cultivo na primavera

Feirões de imóveis: cuidados antes da compra

Os feirões da casa própria entraram definitivamente no calendário de eventos de quem tem o sonho de adquirir um imóvel.

Feirões de imóveis: cuidados antes da compra

Os benefícios da Vitamina C para a pele

Entre outros benefícios, a vitamina C tem a capacidade de regenerar as células danificadas, como cicatrizes, rugas e estrias.

Os benefícios da Vitamina C para a pele

Por que eu não consigo emagrecer?

Psicóloga especialista em emagrecimento fala sobre como nos sabotamos nesse processo.

Por que eu não consigo emagrecer?

Aparelho dentário para adultos: Porque mais adultos estão a endireitar os dentes?

Uma vez visto como um tratamento para adolescentes, mais e mais adultos estão agora a colocar aparelho dentário.

Aparelho dentário para adultos: Porque mais adultos estão a endireitar os dentes?

Uso de celular com cabeça inclinada pode causar lesão na cervical

Profissionais da saúde alertam os usuários com relação à postura ao utilizar os aparelhos.

Uso de celular com cabeça inclinada pode causar lesão na cervical

Antes de dar o aceite no grupo de Whatsapp, responda: você tem tempo para ler todas as mensagens?

Vale relembrar que ato coletivo sempre confere mais poder que o gesto individual.

Antes de dar o aceite no grupo de Whatsapp, responda: você tem tempo para ler todas as mensagens?

Como as emoções afetam nossas escolhas alimentares?

Terapeuta do Emagrecimento fala sobre o tema e dá dicas para comermos com mais consciência.

Como as emoções afetam nossas escolhas alimentares?