Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Sal na alimentação: quais são os males que ele pode causar?

Sal na alimentação: quais são os males que ele pode causar?

07/07/2014 Sare Drogarias

Confira neste post algumas dicas de como reduzir o consumo exagerado de sal e assim evitar a manifestação de enfermidades que comprometem a longevidade.

O sal é um componente alimentar essencial na alimentação, visto que ele é um dos responsáveis pelo controle de líquidos no organismo, o que consequentemente está relacionado ao bom funcionamento celular.

Saber de domínio popular e que muito bem se encaixa para este caso é o fato de que o excesso de quaisquer alimentos é prejudicial à saúde. E o sal não é uma exceção.

Segundo as últimas orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS), a quantidade de cloreto de sódio a ser consumida diariamente deve ser de menos de 5 gramas de sal, ou abaixo de 2 gramas de sódio. Entretanto, em especial no caso dos brasileiros, este consumo encontra-se excedido, chegando a atingir um pouco mais que o dobro do recomendado.

O combate ao consumo exagerado do sal tornou-se um questão de saúde pública, já que as doenças diretamente ligadas ao sal são as responsáveis por boa parte do número de óbitos no mundo.

Uma dessas doenças é a conhecida hipertensão arterial. Enfermidade que pode prejudicar o bom funcionamento dos rins, vasos, cérebro entre outros.

A pressão arterial se mede de acordo com o volume de sangue que corre pelos vasos sanguíneos. Por aumentar esse volume dentro dos vasos, o sal é tipo como um agente hipertensivo.

Podendo aumentar as chances do desenvolvimento de quadros de angina (fortes dores no peito), doenças cardíacas e derrame cerebral - estas duas últimas tidas como as principais causas de mortes no mundo.

O cloreto de sódio excessivo no organismo pode ainda, em decorrência do quadro hipertensivo, propiciar a retenção de líquidos. Estado no qual o indivíduo sofre com inchaços em todo o corpo ou em parte dele.

Os líquidos responsáveis pelo inchaço correspondem aos que são liberados pelos vasos sanguíneos para a hipoderme.

Um quadro de retenção de líquidos pode significar o ganho aproximado de 2 quilos.

A redução do consumo do sal pode significar mais anos de vida e de vida saudável. Procurar alternativas no dia a dia para fugir do exagero é uma opção consciente e responsável. Abaixo você pode conferir algumas dicas simples que fazem a diferença.

1º Busque outros temperos naturais como limão, salsinha, alho, coentro, cebola etc;
2º Observe sempre a tabela nutricional dos alimentos. Ainda que doces, alguns produtos podem conter uma considerável concentração de sódio;
3º Afaste o sal do prato durante as refeições. Algumas pessoas costumam adicioná-lo antes mesmo de provar o alimento. Países como o Uruguai, por exemplo, proibiram a disposição de sal nas mesas de restaurantes, salvo nos casos em que o cliente o solicite. (O procedimento vem trazendo bons resultados).

Ao início, a redução do sódio pode causar estranhamento e sensação de comida sem sabor, porém, o paladar se acostuma com o verdadeiro sabor do alimento e passa a não mais sentir falta do sal.

Créditos: Sare Drogarias



Qualidade de vida na terceira idade

Durante a vida, todos correm atrás do mesmo objetivo: uma boa qualidade de vida.

Qualidade de vida na terceira idade

De onde vem a sua Meta?

Para atingir o sucesso as metas devem estar planejadas de forma clara e bem alicerçadas.

De onde vem a sua Meta?

Excesso de videoconferência pode levar a exaustão mental

Pessoas que já tem algum quadro de saúde mental podem ser mais propensas a desenvolver o Zoom Fatigue.

Excesso de videoconferência pode levar a exaustão mental

Laços fortalecidos e permanentes entre pais e filhos

Crianças e adolescentes passam por vários momentos críticos ao longo do seu desenvolvimento, muitos deles pertinentes à sua idade.


Somos protagonistas da nossa realidade

Uma vida bem-sucedida envolve você estar feliz e em paz em todas as áreas: saúde, relacionamentos, profissão.


Violência contra mulher cresce no período de quarentena

Consequências deste cenário podem levar ao feminicídio, doenças associadas à infecção pelo HIV e suicídio.

Violência contra mulher cresce no período de quarentena

Os desafios das gestantes na pandemia

Estamos vivenciando algo inédito para a geração atual, mas não tão estranho para quem viveu outras doenças com poucos recursos.

Os desafios das gestantes na pandemia

O poder que você tem

Realizar os seus objetivos não é tão difícil assim.

O poder que você tem

As regras para a retomada dos condomínios comerciais

Neste momento de relaxamento da quarentena, cada condomínio tem autonomia para criar suas próprias regras de flexibilização da quarentena.


As máscaras ajudam ou atrapalham na hora do exercício físico?

A adoção do distanciamento social/físico a prática de atividade física foi reduzida.

As máscaras ajudam ou atrapalham na hora do exercício físico?

Respire, pense e alivie o estresse

Medo, ansiedade, raiva, estresse, preocupação, incertezas, angústia, tristeza, insegurança, perda de liberdade.


A atividade física na terceira idade

O esporte na terceira idade traz inúmeros benefícios.

A atividade física na terceira idade