Portal O Debate
Grupo WhatsApp

BDMG avança no apoio à economia sustentável

BDMG avança no apoio à economia sustentável

11/05/2023 Divulgação

Relatório revela que 41% dos desembolsos em 2022 estão em sintonia com os Objetivos de Desenvolvimento da ONU.

BDMG avança no apoio à economia sustentável

Com números que indicam a presença de financiamentos em áreas nas quais os mineiros mais precisam, o Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG) lança, nesta semana, o Relatório de Sustentabilidade referente ao ano de 2022. 

A publicação, que pode ser acessada no site do banco (bdmg.mg.gov.br/relatorio), descreve todas as ações realizadas, com os respectivos resultados, que têm contribuído para o desenvolvimento sustentável das cidades e de empresas, de todos os portes. 

Os recursos do BDMG chegaram a 562 municípios mineiros, sendo 83% deles com Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) inferior à média brasileira. 

Dos R$2,4 bilhões desembolsados em 2022, 41% se referem a financiamentos que estão em sintonia com pelo menos um dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU). 

Foram fortalecidas inciativas para a produção de energia limpa (ODS 7) e ação contra a mudança global do clima (ODS 13).  Entre elas, a oferta de linhas de financiamento para produções agrícolas sustentáveis, iniciativa pioneira do BDMG, que oferece crédito para o fomento de tecnologias para regeneração de solo e fabricação de biofertilizantes.

Energia  

Ao todo, recursos relacionados à eficiência energética (EE) e à energia renovável (ER), ambas vinculadas ao ODS 7, somaram R$ 234,7 milhões, o que representa aumento de 39% nas liberações do BDMG para esses segmentos. Só para as linhas de crédito com foco em energia solar fotovoltaica os financiamentos chegaram a R$ 150 milhões, montante 168% maior do que em 2021. 

“Os desembolsos e a destinação deles, em que quase a metade está vinculada a algum dos ODS, materializam o compromisso do BDMG com o impacto direto e positivo junto à população”, afirma o presidente Gabriel Viégas Neto. “Com a publicação de mais esse relatório, o banco entrega à sociedade não só o registro dos bons resultados, mas principalmente a transparência de que dele se espera como banco de desenvolvimento”.

O relatório detalha o aumento dos recursos para as micro e pequenas empresas. O desembolso para o segmento foi de R$ 363,1 milhões (ODS 8), 20% superior ao de 2021. 

Já para os empreendimentos liderados por mulheres (ODS 5), o BDMG desembolsou R$ 41,6 milhões, que fortaleceram 673 empresas. 

Para o setor público, foram liberados R$ 173,7 milhões (ODS 3, 4, 6, 7, 9, 11 e 13). Se considerados apenas os financiamentos diretos para as prefeituras, foram R$ 157,2 milhões, o que representa aumento de 103% em relação a 2021. 

Os impactos dos recursos totais (R$2,4 bi) desembolsados no ano passado foram grandes. 

Ao longo de 2022, estima-se que tenham gerado um valor de quase R$ 4,6 bilhões na produção mineira, estimulando mais de 60 mil empregos e gerando R$ 147 milhões em Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS). Os números foram indicados pela análise da matriz insumo-produto, realizada pelo BDMG.

Para mais informações sobre Sustentabilidade clique aqui...

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Entre para o nosso grupo de notícias no WhatsApp

Fonte: SEC.GERAL Superintendência de Imprensa



Rio Grande do Sul: a reconstrução passa pela recuperação de vegetação nativa

A nova realidade criada pela tragédia exige igualmente novas respostas da gestão pública, incluindo um olhar prioritário para a questão ambiental.

Autor: Divulgação

Rio Grande do Sul: a reconstrução passa pela recuperação de vegetação nativa

Investir em saneamento traz retorno para a saúde

A aprovação do Novo Marco Legal do Saneamento, em julho de 2020, trouxe novas e importantes perspectivas para o avanço da infraestrutura do setor.

Autor: Elzio Mistrelo

Investir em saneamento traz retorno para a saúde

Descoberta de Luzia, um dos esqueletos mais antigos das Américas, completa 50 anos

Arqueólogos encontraram os primeiros ossos em 1974, na área do Monumento Estadual Lapa Vermelha, em Pedro Leopoldo

Autor: Divulgação

Descoberta de Luzia, um dos esqueletos mais antigos das Américas, completa 50 anos

Governo de Minas e Ibama reabilitam onça parda atropelada e a devolvem à natureza

Animal havia sido atingido em rodovia, próximo a Campos Altos, e foi submetido a cirurgia; espécie é a segunda maior espécie de felino das Américas e está ameaçada de extinção.

Autor: Divulgação

Governo de Minas e Ibama reabilitam onça parda atropelada e a devolvem à natureza

Qual produto é mais recomendado para manutenção de fossa séptica?

A manutenção ideal de uma fossa séptica é crucial para manter um sistema de saneamento confiável e saudável.

Autor: Divulgação


A revolução das soluções baseadas na natureza

De acordo com um estudo liderado pela UFRJ, 48 mil pessoas morreram por ondas de calor entre 2000 e 2018 no Brasil.

Autor: Danilo Roberti Alves de Almeida

A revolução das soluções baseadas na natureza

Municípios têm oportunidades com o saneamento

O saneamento básico galgou um novo patamar no interesse de investidores e especialistas.

Autor: Maurício Vizeu de Castro

Municípios têm oportunidades com o saneamento

As bactérias do bem que salvam as águas

Pode soar surpreendente, mas são os microrganismos os agentes mais capacitados para tratar da água de forma natural.

Autor: Monique Zorzim

As bactérias do bem que salvam as águas

Cuidar da água para não faltar

“O Brasil, que se ergueu à beira do mar e em volta dos rios, também escreveu histórias de sede, de muita sede”, já apontava Graciliano Ramos, em 1938, na sua obra “Vidas Secas”.

Autor: Luiz Pladevall

Cuidar da água para não faltar

Dia das Florestas: vale a pena derrubar árvores?

Era de amor a relação dos indígenas com a mata, principalmente antes da invasão portuguesa.

Autor: Víktor Waewell

Dia das Florestas: vale a pena derrubar árvores?

Shopping distribui adubo oriundo da compostagem dos resíduos orgânicos

O adubo é utilizado no paisagismo do próprio shopping, doado para os colaboradores e agora está indo para a casa dos frequentadores.

Autor: Divulgação

Shopping distribui adubo oriundo da compostagem dos resíduos orgânicos

Cada passo importa para um futuro sustentável

O ano de 2023 foi confirmado como o mais quente da história, de acordo com o observatório Copernicus Climate Change Service, da União Europeia.

Autor: Artur Grynbaum

Cada passo importa para um futuro sustentável