Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Brasil é um dos poucos países onde a reciclagem de materiais não é considerada essencial

Brasil é um dos poucos países onde a reciclagem de materiais não é considerada essencial

05/05/2020 Divulgação

Mesmo assim, país tem uma das maiores cadeias de reciclagem de materiais do mundo, aponta estudo.

Brasil é um dos poucos países onde a reciclagem de materiais não é considerada essencial

O Bureau of International Recycling (BIR), que representa cerca de 30 mil recicladores em mais de 70 países em todo o mundo, incluindo 36 associações nacionais, divulgou estudo, com base em dados de 10 de abril, no qual mostra globalmente onde a atividade de reciclagem foi considerada essencial neste período de pandemia da Covid-19.

Conforme a entidade, países como a China, EUA, Itália, Espanha, França,  Inglaterra, Alemanha, Bélgica, Canadá e Chile autorizaram a operação das empresas que coletam, classificam e processam materiais recicláveis, por considerá-la essencial para proteger a saúde humana e o meio ambiente.

O Brasil é um dos poucos, entre os países membros do BIR, onde essa atividade continua sendo considerada não essencial, embora tenha uma das maiores cadeias de reciclagem de materiais do mundo. Várias entidades de reciclagem  do país solicitaram aos governos dos Estados a liberação para o exercício da atividade e não obtiveram resultado até o momento.

Conforme o Instituto Nacional das Empresas de Sucata de Ferro e Aço (Inesfa), entidade brasileira membro filiada ao BIR, há grande preocupação com os impactos nos negócios das empresas deste segmento de mercado, que coletam, beneficiam e comercializam a sucata metálica com as usinas produtoras de aço e fundições, além do impacto ambiental, decorrente da paralisação da coleta seletiva e do trabalho do catador de segregação de materiais descartados postos em desuso.

Além da questão sanitária, essencial à prevenção contra a propagação de doenças como a covid-19, dengue, chikungunya, zika e febre amarela, o segmento argumenta que, quanto mais longo período de exposição dos materiais recicláveis, maiores os riscos de contaminação e disseminação.

Atualmente, segundo Clineu Alvarenga, presidente do Inesfa, as mais de 5,6 mil empresas do setor no país estão praticamente paradas devido à demanda retraída de sucatas ferrosas e à redução da coleta seletiva e do trabalho dos catadores (os chamados “carroceiros”), mais de 800 mi em todo o Brasil. A maior parte desses catadores estão também ainda sem acesso à ajuda governamental de R$ 600 e com dificuldades de sobreviver.

O Inesfa adotou uma série de providências no cuidado com a saúde e segurança dos trabalhadores do setor,  fornecedores e  catadores de materiais, para evitar a contaminação com o coronavírus. Tem, diariamente, recomendado às suas empresas associadas sobre a importância da limpeza dos locais de trabalho, uso de álcool em gel, lavagem das mãos e utilização de luvas e máscaras no manuseio dos materiais recicláveis.

Fonte: Letras & Fatos Comunicação



Projeto incentiva o plantio de 1 bilhão de árvores em Minas Gerais

Conspiração Mineira pelo Plantio de Árvores é apresentada pela ACMinas.

Projeto incentiva o plantio de 1 bilhão de árvores em Minas Gerais

Estudo avalia a situação hídrica da Bacia do Rio da Prata, em Presidente Olegário

Diagnóstico de Zoneamento Ambiental Produtivo (ZAP) faz parte das ações do Programa Restaurar, estruturado pelo Sebrae Minas, no noroeste do estado.

Estudo avalia a situação hídrica da Bacia do Rio da Prata, em Presidente Olegário

Brasil registra reciclagem de 98,7% de latas de alumínio em 2021

Índice é o maior já alcançado pelo setor.

Brasil registra reciclagem de 98,7% de latas de alumínio em 2021

Onça-parda é vista em área onde era considerada extinta no Rio de Janeiro

Reserva ambiental fica em Maricá, na região metropolitana.

Onça-parda é vista em área onde era considerada extinta no Rio de Janeiro

Livro mostra biodiversidade do Parque Nacional do Iguaçu

Publicação tem imagens e infográficos para explicar como é o trabalho de conservação na região e curiosidades sobre espécies.

Livro mostra biodiversidade do Parque Nacional do Iguaçu

Acordo prevê remuneração para conservação de florestas

Estudo de viabilidade será feito em duas etapas.

Acordo prevê remuneração para conservação de florestas

Copasa prevê investir R$ 34 milhões na recuperação de nascentes em 2022

Investimento no programa Pró-Mananciais é recorde; nos últimos cinco anos, companhia empregou R$ 62 mi na revitalização de minas, córregos e rios.

Copasa prevê investir R$ 34 milhões na recuperação de nascentes em 2022

Inmet lança documento com informações meteorológicas de 30 anos

Dados do Inmet mostram elevação das temperaturas e maior frequência de chuvas intensas no Brasil.

Inmet lança documento com informações meteorológicas de 30 anos

Apenas 7% dos rios da Mata Atlântica apresentam água de boa qualidade

Dados são divulgados no Dia Mundial da Água, comemorado neste 22 de março.

Apenas 7% dos rios da Mata Atlântica apresentam água de boa qualidade

São Paulo inaugura programa que plantará um milhão de árvores pelo Brasil

União Química, em parceria com a ONG Ipê e o Centro de Educação Ambiental de Guarulhos, já começa a plantar 100 mil mudas de árvores nativas no estado.

São Paulo inaugura programa que plantará um milhão de árvores pelo Brasil

Parem de culpar o clima pelos desastres

Todos os anos, no período de janeiro a março, existe grande concentração de chuvas em algumas regiões brasileiras.

Parem de culpar o clima pelos desastres

Fundação UniAbralimp lança e-book gratuito sobre ESG

Entenda como funciona a adesão das melhores práticas ambientais, sociais e de governança na limpeza profissional.

Fundação UniAbralimp lança e-book gratuito sobre ESG