Portal O Debate
Grupo WhatsApp

O Futuro é agora, a 400 Gbps, abrindo caminho para uma nova era de conectividade

O Futuro é agora, a 400 Gbps, abrindo caminho para uma nova era de conectividade

06/01/2023 Lucenildo Lins de Aquino Júnior

Uma das grandes satisfações de se trabalhar na área de Tecnologia e Telecom é que estamos na vanguarda das inovações.

O Futuro é agora, a 400 Gbps, abrindo caminho para uma nova era de conectividade

O nosso pensamento está em trazer sempre o que os outros chamam de futuro para o que chamamos de agora, abrindo caminho para novas possibilidades e fazer aquilo que ainda não foi feito.

E, recentemente, antecipamos bem no final deste ano um salto que muitos só vão dar no futuro. Conseguimos alcançar um feito que ainda não havia sido conquistado nas rotas submarinas entre o Brasil e Sul da Flórida, ampliando o leque de serviços e possibilidades.

A Angola Cables terminou um importante upgrade no Monet, seu cabo submarino que liga o Brasil aos Estados Unidos, partindo de Boca Raton, na Flórida, passando por Santos, no Estado de São Paulo, e aterrando no nosso Data Center, o AngoNAP Fortaleza, no Ceará. Agora, estamos colhendo os frutos dessa atualização.

Após diversos testes e aprimoramentos, conseguimos entregar aos nossos clientes a interface de 400 Gbps, conquistando o feito de sermos a primeira empresa no Brasil a ofertar esse tipo de velocidade em nossas três rotas do Cabo Monet (São Paulo – Fortaleza, Fortaleza – Miami e São Paulo – Miami).

De forma simples, isso significa que podemos transportar muitos mais dados por segundo, sem haver a necessidade de fragmentá-los ou dividi-los, saindo das tradicionais bandas de 10 Gbps, 25 Gbps e 100 Gbps.

Em uma analogia, deixamos de ser uma estrada que tinha capacidade de passar apenas 100 carros por segundo, para virarmos uma mega rodovia capaz de suportar 400 veículos por segundo.

É fato que isso vai beneficiar não só os clientes da Angola Cables, mas também toda a cadeia de Tecnologia e de Telecom do País. Com uma capacidade de tráfego de 400 Gbps, permitimos que o Brasil possa trabalhar com serviços de ponta, que demandam tráfego rápido e eficiente, com baixa latência e segurança nas diversas camadas de aplicação.

Serviços como o IoT (Internet das Coisas), 5G, Oracle, Aplicações SAP, Sales Force, dentre muitas outras, agora estão ao alcance de canais largos para a replicação de suas bases de dados volumosas em clouds públicas como AWS, Azure, Google Cloud e outras.

Tudo isso, com conquistas não só tecnológicas e de inovação, mas também sociais e ambientais, trazendo para esse nosso nicho os pilares do ESG (Environmental, Social, Governance).

Para se ter uma ideia, quando falamos em Data Centers e tráfego de dados em interface 100 Gbps, essas, por exemplo, consomem em média de 77 Watts/h de energia. Se formos usar quatro portas de 100 Gb, que poderia se equiparar a nossa nova porta cliente de 400 Gbps, teríamos um consumo de 308 Watts/h.

Contudo, justamente por termos uma largura de banda maior, com apenas uma porta, conseguimos reduzir esse consumo para apenas 184 Watts/h. É como se, em nossa mega rodovia, gerássemos cerca de 60% menos poluições.

Ao analisarmos esta nova possibilidade, não consigo negar a satisfação de podermos trafegar nessa nova rodovia de inovação e tecnologia a 400 Gbps, abrindo este caminho de inovação e pioneirismo para que o setor de Telecom e Tecnologia no Brasil cresça, acelere ainda mais e se beneficie com a Angola Cables de uma força constante de pesquisa, inovação e desenvolvimento.

O Futuro para nós é chegar lá, agora. #deepconnection.

* Lucenildo Lins de Aquino Júnior é Líder de Engenharia da Angola Cables.

Para mais informações sobre inovação tecnológica clique aqui...

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Fonte: Grupo Virta



Falha cibernética coloca, ou deveria colocar, o mundo em alerta!

O mundo acordou em crise com uma das maiores, senão a maior, falha cibernética que se tem notícia.

Autor: Yago Morgan

Falha cibernética coloca, ou deveria colocar, o mundo em alerta!

Segurança de dados: não há tecnologia que sobreviva sem conscientização

Bastante citada no mercado de ciência de dados, a frase do matemático Clive Humby, “Data is the new oil” ou “Dados são o novo petróleo”, é autoexplicativa.

Autor: Cássio Ricardo de Araújo

Segurança de dados: não há tecnologia que sobreviva sem conscientização

Melhores técnicas para humanizar seu conteúdo GPT de bate-papo em 2024

Quer humanizar seu texto escrito GPT? Leia este guia e colete todas as dicas e truques importantes que podem ajudá-lo a simplificar o texto robótico e ignorar as detecções avançadas….

Autor: Divulgação

Melhores técnicas para humanizar seu conteúdo GPT de bate-papo em 2024

Ferramenta gratuita vai revolucionar o ensino da ciência geológica

Seequent lança um aplicativo na web para ajudar a combater a escassez global de geocientistas.

Autor: Divulgação

Ferramenta gratuita vai revolucionar o ensino da ciência geológica

Por que a integração do OCR é essencial para locais de trabalho modernos?

O local de trabalho moderno prospera com eficiência e acessibilidade.

Autor: Divulgação

Por que a integração do OCR é essencial para locais de trabalho modernos?

Brasil registra R$ 3,5 bilhões em tentativas de fraude em 2023

No período, ocorreram 3,7 milhões de tentativas de fraudes, redução de 28,3% em relação ao ano anterior.

Autor: Divulgação

Brasil registra R$ 3,5 bilhões em tentativas de fraude em 2023

Desafios da proteção de dados e a fraude na saúde

Segundo o Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS) R$34 bilhões dos gastos das operadoras médico-hospitalares com contas e exames, em 2022, foram consumidos indevidamente por fraudes,.

Autor: Claudia Machado


Como são as fraudes no Pix e o que os bancos precisam assegurar

Um dos métodos comuns envolve a criação de perfis falsos em aplicativos de mensagens ou redes sociais, além de outros.

Autor: Denis Furtado

Como são as fraudes no Pix e o que os bancos precisam assegurar

A importância da segurança cibernética na manufatura

Estimativas indicam que mais de 60% das empresas de manufatura esperam sofrer tentativas de ataques este ano.

Autor: Ricardo Macchiavelli

A importância da segurança cibernética na manufatura

Como evitar fraudes e vazamentos no WhatsApp

De acordo com dados do Prêmio Consumidor Moderno de Excelência em Serviços ao Cliente 2023, mais de 1 bilhão de interações pelo chat foram registradas no país.

Autor: Divulgação

Como evitar fraudes e vazamentos no WhatsApp

Como prevenir, detectar e combater eventuais ataques cibernéticos

O armazenamento de dados e informações em nuvem é uma solução rápida e eficaz para organizações de diferentes portes e ramos de atividade.

Autor: Wellington Monaco

Como prevenir, detectar e combater eventuais ataques cibernéticos

5 passos simples para se proteger na web em 2024

Em um relatório divulgado pela Kaspersky, o Brasil é o país mais afetado por golpes financeiros.

Autor: Paula Renata Nogueira de Souza,

5 passos simples para se proteger na web em 2024