Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Realidade virtual e realidade aumentada: aliadas na segurança do trabalho

Realidade virtual e realidade aumentada: aliadas na segurança do trabalho

01/07/2023 Luiz Alexandre Castanha

Você sabia que os acidentes de trabalho envolvendo eletricidade são considerados os mais mortais?

Realidade virtual e realidade aumentada: aliadas na segurança do trabalho

Segundo a Occupational Safety and Health Administration (OSHA), um entre cada 10 ocorrências resultam em fatalidade. 

Cada ambiente de trabalho tem seus riscos como, por exemplo, empilhadeiras operadas de maneira incorreta, os alto fornos das siderúrgicas, esteiras rolantes das indústrias que podem virar uma montanha russa caso algo saia errado e alguém esteja por perto nessa hora.

Os funcionários podem cair de alturas, quebrar membros, ter contato com substâncias tóxicas, serem expostos à umidade ou luz solar excessivas ou atropelados por veículos. As possibilidades são muitas.

Apesar de todo o perigo, os treinamentos de segurança são tradicionalmente ministrados de maneiras não envolventes, como por meio de webinars ou apresentações em sala de aula, muitas vezes se mostrando ineficazes. Hoje, no entanto, novos avanços na tecnologia estão mudando essa realidade. 

Realidade Virtual e Aumentada no ambiente de trabalho

O uso de recursos como a Realidade Virtual (RV) e Realidade Aumentada (RA) em diversas aplicações profissionais é crescente. De acordo com um relatório da Statista, o mercado global de RV e RA deve atingir US$ 250 bilhões até 2028.

Além das áreas altamente automatizadas que dependem de máquinas avançadas, a RV e RA podem ser aplicadas com sucesso a outros processos, como os treinamentos. Ao usá-las em capacitações de segurança em todos os setores, é possível simular situações e, ao mesmo tempo, imergir os treinandos nos cenários, para que eles se sintam mais conectados à ação.

Empregar VR e VA em treinamentos de segurança permite que os participantes pratiquem procedimentos vitais passo a passo. Eles são colocados frente a frente a ocorrências enfrentadas em qualquer dia de trabalho e os ensina a pensar e responder corretamente em várias situações, desde tarefas comuns até emergências críticas. 

Tudo é apresentado de forma acessível, não por meio das apresentações usuais que estão longe da prática, mas sim no local de trabalho real: um ambiente criado digitalmente que espelha as condições concretas e duplica as ameaças específicas do setor e os pontos problemáticos. 

Junto da Realidade Virtual e Aumentada outras tecnologias também podem ser utilizadas: avatares que são operados por meio de uma mistura de inteligência humana e artificial. Trabalhando nos bastidores, um humano – conhecido como especialista em simulação – controla os seus movimentos. 

Resultados duradouros
A diferença de resultados entre os treinamentos tradicionais e os que utilizam essas tecnologias foram medidas pelo Grupo de Pesquisa de Fatores Humanos da Universidade de Nottingham. 

Os participantes responderam a questionários, testando seus conhecimentos antes e depois da capacitação, bem como uma semana depois. Embora os treinados tradicionalmente pareceram ter adquirido mais conhecimento quando testados logo após o treinamento, houve uma grande diminuição nas pontuações de conhecimento quando eles foram avaliados novamente uma semana depois. 

Em comparação, a retenção de longo prazo do grupo que recebeu informações com a ajuda de RV e RA foi melhor e relatou níveis mais altos de engajamento, como também atitude em relação à segurança e saúde ocupacional e vontade de realizar treinamentos no futuro.

Um aspecto essencial de qualquer programa de segurança no local de trabalho é garantir que os funcionários sejam adequadamente treinados nos procedimentos e protocolos que os manterão seguros. No entanto, os métodos de treinamento tradicionais podem ser demorados e caros e nem sempre são eficazes. 

A RV e a RA oferecem uma nova maneira de capacitação ao propiciar experiências imersivas e interativas que os ajudam a aprender rapidamente e reter informações com mais eficiência. 

Até quando sua empresa continuará a tratar treinamentos tão importantes da mesma maneira?

* Luiz Alexandre Castanha, administrador de empresas com especialização em gestão de conhecimento e storytelling aplicado à educação, coautor do livro “Olhares para os Sistemas” e é CEO da NextGen Learning. 

Para mais informações sobre segurança do trabalho clique aqui...

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Entre para o nosso grupo de notícias no WhatsApp

Fonte: Conecte Comunicação



Divino Fogão abre mais de 600 postos de trabalho em todo o Brasil

Vagas são para diferentes cargos, desde gerente a ajudante de cozinha.

Autor: Divulgação


Faltam profissionais no mercado

As manchetes avisam que faltam profissionais no mercado. Então, por que a taxa de desemprego aumenta? Porque sobram amadores.

Autor: Cesar Eduardo da Silva

Faltam profissionais no mercado

Descubra a melhor maneira de dizer “não” ao chefe

Muitos profissionais já se viram diante do dilema de discordar ou recusar uma solicitação do chefe, uma situação que pode ser delicada e desafiadora.

Autor: Hosana Azevedo


Funed abre 51 vagas de emprego temporárias

Inscrições já podem ser feitas exclusivamente pela internet.

Autor: Divulgação


A paridade de gênero no mercado de trabalho

Embora o estudo revele uma recuperação para os níveis pré-COVID-19, o ritmo da mudança estagnou.

Autor: Marina Vaz

A paridade de gênero no mercado de trabalho

Como gerenciar múltiplas gerações no ambiente de trabalho?

Especialista aponta como minimizar conflitos em equipes multigeracionais.

Autor: Divulgação


Procura por vagas de Jovem Aprendiz cresce 65% em janeiro

As profissões de auxiliar administrativo e recepcionista também estão entre as mais buscadas pelos candidatos no início do ano.

Autor: Divulgação


O que as empresas procuram: 5 habilidades essenciais

Com o início do novo ano, é natural que os colaboradores reflitam sobre o que o mercado de trabalho espera no próximo ano.

Autor: Divulgação


Você sabe o que é empregabilidade e como obtê-la?

Especialista comenta por que a "employability" é tão importante na hora de conquistar uma nova posição.

Autor: Divulgação

Você sabe o que é empregabilidade e como obtê-la?

A semana de quatro dias e os impactos para empregadores e empregados

Jornada de trabalho reduzida é um modelo que tem despertado interesse e discussões no âmbito jurídico.

Autor: José D’Almeida Garrett Netto


Vagas de estágio são aliadas no início da carreira

Escolher a área de atuação ideal abrange um conjunto de fatores, como a identificação com as tarefas e as perspectivas de crescimento.

Autor: Divulgação


Qualidade de vida e bem-estar no trabalho muito além da exigência legal

A busca pela excelência nas organizações vai além do desempenho financeiro.

Autor: Raquel Roth

Qualidade de vida e bem-estar no trabalho muito além da exigência legal