Portal O Debate
Grupo WhatsApp

O Dia do Orador

O Dia do Orador

12/01/2021 Sirley Machado Maciel

As regras de ouro para oradores.

O dia do orador é comemorado no dia 27 de janeiro. Um mês muito especial, pois ele abre o ano com uma grande festa: Dia da Confraternização Universal e comporta várias temáticas em seu percurso, tais como a paz, a luta contra o preconceito, saúde e cultura.

Nas pesquisas realizadas, não identificamos quem estabeleceu esse dia e nem o porquê de consagrarem um dia para o orador. Mas, conhecemos vastamente a importância desse papel pessoal, social e profissional na vida das pessoas.

O Dia do Orador tem como objetivo prestar uma homenagem para todas as pessoas que se utilizam da arte de falar em público, da retórica e da eloquência como recursos para suas atividades pessoais, sociais e profissionais. Mas, quem são esses profissionais? Onde estão essas pessoas? Quem são os Oradores?

Atualmente, não existem oradores profissionais, mas, sim, profissionais oradores. Uma boa oratória, hoje, é uma exigência para todas as atividades humanas.

Portanto, se você é um profissional que almeja desenvolver um diferencial competitivo, precisará treinar a sua oratória. Você tem medo ou dificuldades para falar em público?

Você não está sozinho! A grande maioria das pessoas tem medos ou dificuldades para falar em público. O importante, nesse quesito, não é a constatação, mas sim, a busca pelas soluções adequadas ao seu caso.

São duas as questões que precisam ser avaliadas: Seus medos e dificuldades são motivados por falta de conhecimento e de experiências?

Então você precisa investir em seu autodesenvolvimento. Procure cursos apropriados, com profissionais preparados, com métodos eficientes e comprovados. E depois, parta para ação!

Seus medos e dificuldades estão no campo dos bloqueios e traumas? Então, nesse caso, você precisa aliar um treinamento eficiente, assertivo de oratória com um processo terapêutico.

Onde você poderá compreender e ressignificar suas histórias compreendendo a origem dos bloqueios e traumas. Efetivamente, você precisa cortar o mal pela raiz.

Dicas de ouro para os oradores

Podemos relacionar 06 dicas de ouro para você se destacar na oratória:

- Invista em você – conheça suas habilidades, potencialidades e fraquezas. Invista em suas habilidades e enfrente suas fraquezas com determinação e responsabilidade;

- Ame o conhecimento – o (a) orador (a) é um (a) amante do conhecimento, adora estudar, ler e aprender. Mesmo assim, você não sabe de tudo; portanto, aprenda a pesquisar os conteúdos, assuntos e temas com os quais você vai se apresentar;

- Aprenda a organizar, planejar e estruturar seu discurso com lógica, objetividade, coerência e criatividade;

- Conheça e aplique as técnicas de comunicação não verbal, através dos seus gestos, posturas, movimentação, expressões faciais e micro expressões. O corpo fala e você precisa dominar essa linguagem;

- Conheça, treine e exercite a sua voz. Não existe voz feia e inadequada; existe é voz destreinada. É fundamental um treinamento vocal para passar confiança e credibilidade na voz;

- Conheça os recursos, as técnicas e as ferramentas que tornam sua comunicação mais dinâmica, criativa e assertiva. Entre estas, destacamos: recursos visuais e audiovisuais, contação de história ou storytelling.

Sabemos que você, orador, está em todos os lugares onde existam pessoas necessitando de um conhecimento, uma informação, uma palavra de apoio e um sorriso amigo, um atendimento e acolhimento solidário.

Seu papel na sociedade é fundamental, você transforma vidas e pode transformar o mundo. Parabéns pelo seu dia e parabéns pela sua dedicação, empenho e desejo de fazer a diferença onde você estiver.

Afinal, o sucesso da oratória exige 10% de inspiração e 90% de transpiração.

* Sirley Machado Maciel é empresária, Presidente do Intrepeds - Instituto de Pesquisa, Treinamento e Desenvolvimento do Ser.

Fonte: Toda Comunicação



Argentina e Venezuela são alertas para países que ainda são ricos hoje

No meu novo livro How Nations Escape Poverty, mostro como as nações escapam da pobreza, mas também tenho alguns comentários sobre como países que antes eram muito ricos se tornaram pobres.

Autor: Rainer Zitelmann


Como a integração entre indústria e universidade pode trazer benefícios

A parceria entre instituições de ensino e a indústria na área de pesquisa científica é uma prática consolidada no mercado que já rendeu diversas inovações em áreas como TI e farmacêutica.

Autor: Thiago Turcato


Marcas de um passado ainda presente

Há quem diga que a infância é esquecida, que nada daquele nosso passado importa. Será mesmo?

Autor: Paula Toyneti Benalia


Quais são os problemas que o perfeccionismo causa?

No mundo complexo e exigente em que vivemos, é fácil se deparar com um padrão implacável de perfeição.

Autor: Thereza Cristina Moraes


De quem é a América?

Meu filho tinha oito anos de idade quando veio me perguntar: “papai, por que os americanos dizem que só eles vivem na América?”.

Autor: Leonardo de Moraes


Como lidar com a dura realidade

Se olharmos para os acontecimentos apresentados nos telejornais veremos imagens de ações terríveis praticadas por pessoas que jamais se poderia imaginar que fossem capazes de decair tanto.

Autor: Benedicto Ismael Camargo Dutra


O aumento da corrupção no país: Brasil, que país é este?

Recentemente, a revista The Economist, talvez a mais importante publicação sobre a economia do mundo, mostrou, um retrato vergonhoso para o Brasil no que diz respeito ao aumento da corrupção no país, avaliação feita pela Transparência Internacional, que mede a corrupção em todos os países do mundo.

Autor: Ives Gandra da Silva Martins


O voto jovem nas eleições de 2024

O voto para menores de 18 anos é opcional no Brasil e um direito de todos os adolescentes com 17 ou 16 anos completos na data da eleição.

Autor: Wilson Pedroso


Um novo e desafiador ano

Janeiro passou. Agora, conseguimos ter uma ideia melhor do que 2024 reserva para o setor de telecomunicações, um dos pilares mais dinâmicos e relevante da economia.

Autor: Rafael Siqueira


Desafios da proteção de dados e a fraude na saúde

Segundo o Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS) R$ 34 bilhões dos gastos das operadoras médico-hospitalares com contas e exames, em 2022, foram consumidos indevidamente por fraudes, como, por exemplo, reembolso sem desembolso, além de desperdícios com procedimentos desnecessários no país.

Autor: Claudia Machado


Os avanços tecnológicos e as perspectivas para profissionais da área tributária

Não é de hoje que a transformação digital vem impactando diversas profissões.

Autor: Fernando Silvestre


Inteligência Artificial Generativa e o investimento em pesquisa no Brasil

Nos últimos meses, temos testemunhado avanços significativos na área da inteligência artificial (IA), especialmente com o surgimento da inteligência artificial generativa.

Autor: Celso Hartmann