Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Alta de ICMS em São Paulo pode criar desemprego e aumentar idade média da frota

Alta de ICMS em São Paulo pode criar desemprego e aumentar idade média da frota

14/01/2021 Marcos Villela (Transporte Mundial)

Depois de uma alta queda nas vendas de caminhões, havia uma projeção de alta de 21,7% nas vendas este ano.

Alta de ICMS em São Paulo pode criar desemprego e aumentar idade média da frota

Quem compra um caminhão pode não saber, mas entre impostos diretos e indiretos, ele paga 37% de impostos. Assim, um modelo de R$ 500 mil, cerca de R$ 187 mil vão para os cofres públicos. Com o aumento de ICMS, o imposto mais complexo do planeta, a conta ficará bem maior. Qualquer ponto percentual de aumento de um imposto que já é alto tem um impacto grande nos veículos, custo que é repassado para o frete e, consequentemente, para as mercadorias entregues em supermercados, farmácias, hospitais, restaurantes, bares, indústrias etc. 

Isso pode levar a muitos empresários desistirem de investir na troca de um modelo mais velho por um mais novo, aumentando a idade média da frota, com consequências para toda a economia e meio ambiente.

Depois de uma alta queda nas vendas de caminhões, havia uma projeção de alta de 21,7% nas vendas este ano. Mas os números devem ser revistos por causa do novo ICMS previsto para entrar em vigor a partir do dia 15 de janeiro. A informação é da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave).

Segundo Assumpção, presidente da Fenabrave, São Paulo tem grande representatividade nas vendas de caminhões. Em outras palavras, um aumento do ICMS prejudicará os negócios. Atualmente, há 130 concessionárias de caminhões no Estado. Alta do ICM para usados será de 207%. “A Fenabrave faz as projeções trimestralmente”, diz Assumpção. “Mas tudo indica que vamos ter números menores do que imaginamos nos primeiros dias do ano.”

A Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) se aliou a outras entidades do setor de veículos para pedir ao governo do Estado de São Paulo que desista de elevar a alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) a partir do dia da próxima sexta-feira (15), o que alegam que levará ao aumento de preços, informalidade, fechamento de lojas e demissões, depois de impactos negativos já sofridos com a pandemia de coronavírus.

* Marcos Villela - Editor da revista e site Transporte Mundial desde fevereiro de 2002.

Fonte: Transporte Mundial




MEI Caminhoneiro deve ser votado na Câmara na próxima semana

A norma já foi aprovada no Senado e deve ser votada na Câmara dos Deputados na próxima semana.

MEI Caminhoneiro deve ser votado na Câmara na próxima semana

Governo de Minas eleva em 82% o valor da multa para transporte clandestino

Medida tem objetivo de desestimular infratores e garantir mais segurança aos passageiros.

Governo de Minas eleva em 82% o valor da multa para transporte clandestino

Governo reduzirá imposto de importação de bicicletas até o fim do ano

A alíquota que era de 35% passará a ser de 20%.

Governo reduzirá imposto de importação de bicicletas até o fim do ano

Setor de automóveis adere ao ato contra aumento do ICMS em São Paulo

Esse é um ato simbólico que precisamos apoiar.


Inovação ou Morte

Uma das tecnologias que mais revolucionou os transportes individuais, coletivos e de cargas foi o cinto de segurança.

Inovação ou Morte

Toyota se prepara para fazer carros autônomos

Militec 1 mostra que Toyota se prepara fazer parceria com empresa de tecnologia para veículos autônomos.

Toyota se prepara para fazer carros autônomos

Transferência eletrônica de veículos a compradores começa a funcionar

Detrans de todo o país podem aderir a novo sistema.

Transferência eletrônica de veículos a compradores começa a funcionar

Harley-Davidson do Brasil esclarece dúvidas de motociclistas

Não importa se você é motociclista há algum tempo ou é novo, de um jeito ou de outro, pode ter certeza de que irá precisar de alguns conselhos de especialistas ao longo do caminho.

Harley-Davidson do Brasil esclarece dúvidas de motociclistas

Produção de motocicletas cai 13,2% em 2020

Mesmo com queda, resultado superou expectativa da Abraciclo

Produção de motocicletas cai 13,2% em 2020

Veículos pesados e viagens sem volta

Cerca de 80% dos condutores de veículos pesados, ainda segundo entidades do setor, são autônomos e a maioria só passa por uma avaliação médica no momento de renovar a CNH.

Veículos pesados e viagens sem volta

BNDES aprova financiamento de R$ 450 milhões para exportação de aviões

Aeronaves da Embraer serão compradas por empresa dos Estados Unidos.

BNDES aprova financiamento de R$ 450 milhões para exportação de aviões

O que a geração Z tem a ver com a saída da Ford do Brasil

A saída da Ford do Brasil pode ser o reflexo não só de problemas políticos e econômicos. Podemos estar sendo testemunhas do início de uma disrupção de mercado.

O que a geração Z tem a ver com a saída da Ford do Brasil