Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Escassez global de motoristas de caminhão: desafios e soluções

Escassez global de motoristas de caminhão: desafios e soluções

13/04/2024 Marcos Villela Hochreiter

A escassez de motoristas de caminhão é um problema crônico que afeta o setor de transporte rodoviário em todo o mundo.

Escassez global de motoristas de caminhão: desafios e soluções

Com base no Relatório Global de Escassez de Motoristas de Carga de 2023, publicado pela IRU (União Internacional dos Transportes Rodoviários), examinaremos as principais tendências, desafios demográficos e esforços para tornar a profissão mais acessível e atrativa.

O Cenário Atual

1. Vagas Disponíveis: Atualmente, há mais de 3 milhões de vagas para motoristas de caminhão que estão abertas em 36 países estudados, representando 7% do total de cargos nesses locais. Infelizmente, apesar da NTC & Logística ser a representante do Brasil na IRU, a Argentina sempre é o país pesquisado na América do Sul, como se o TRC (transporte rodoviário de carga) e o PIB (Produto Interno Bruto) dos argentinos fossem muito maiores do que os do mercado brasileiros. Mas tudo bem, os estrangeiros nunca foram bons em geografia, e muitos ainda acham que a Argentina é a capital do Brasil. Brincadeiras à parte, mas sério, continuaremos com a análise de forma séria.

2. Projeção para 2028: A escassez global de motoristas pode dobrar até 2028, atingindo níveis alarmantes. Se medidas significativas não forem implementadas, mais de 7 milhões de vagas de motoristas de caminhão permanecerão sem preenchimento até 2028 nos países pesquisados.

3. Demografia: A disparidade entre condutores jovens e idosos continua a crescer. Apenas 12% dos motoristas têm menos de 25 anos, e apenas 6% são mulheres. A necessidade de atrair novos profissionais para a indústria é evidente.

Tendências Moldando a Escassez

1. Envelhecimento da Força de Trabalho: O aumento da demanda de transporte e o envelhecimento dos profissionais são as principais causas da falta de motoristas. O abismo entre a aposentadoria e os novos motoristas deve triplicar a taxa de vagas não preenchidas até 2026.

2. Barreiras de Acesso: A idade mínima de qualificação ainda é um obstáculo significativo. Em alguns países da UE, a idade mínima para motoristas de caminhão é de 21 anos, enquanto para motoristas de ônibus, varia entre 21 e 24 anos. Isso dificulta a entrada de jovens na profissão. No Brasil, além da idade mínima, há falta de preparação técnica e a exigência de motoristas com experiência, exigências que impede a entrada de novos motoristas profissionais no mercado e terá uma conta muito cara para pagar em breve.

Fabet-SP desenvolveu e oferece cursos muito avançados para preparação de motoristas. Para todas as categorias de CNH, sem experiência, com uma capacitação realizada com muitas horas de aulas teóricas e práticas em uma frota própria (parceria com a Mercedes-Benz Caminhões e Mercedes-Benz Vans) que tem tido sucesso com várias empresas que passaram a buscar uma gestão de frota mais profissional.

3. Associações e Governos: Associações de transporte rodoviário e governos estão trabalhando juntos para tornar a profissão mais acessível na Europa. No Brasil, isso ainda não acontece.

4. Empresas Líderes: Empresas como CEVA Logistics, Scania e Truckfly by Michelin estão implementando soluções para atrair e reter motoristas na Europa. No Brasil, há várias empresas também, como Mercedes-Benz, Ambev, Raízen, Coopercarga, Randon, Transjordano, Transpedrosa, Ipiranga, entre outras. Isso inclui melhores condições de trabalho, benefícios e apoio à formação profissional.

Impacto e Urgência

A escassez de motoristas afeta diretamente a economia, a mobilidade social e os objetivos de descarbonização. Sem motoristas, a Europa enfrentará desafios significativos. Ações imediatas são essenciais para garantir o futuro do transporte rodoviário e o bem-estar das comunidades.

Para obter informações detalhadas, baixe o relatório completo no site da IRU: www.iru.org.

Este artigo foi um dos temas da revista digital Frota News. Para conhecer os demais temas, é só acessar o seguinte link: Newsletter 39.

Marcos Villela Hochreiter é jornalista especializado em logística e transportes e diretor do site Frota News.

Para mais informações sobre caminhoneiros clique aqui...

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Entre para o nosso grupo de notícias no WhatsApp



Marcopolo Rail apresenta a nova solução para mobilidade pública: Prosper VLT Hybrid

A fabricante gaúcha apresenta o Prosper VLT Hybrid, uma solução sustentável para transporte urbano e intercidades. No Seminário VLT em São Paulo, destacando eficiência e versatilidade com motores diesel e elétrico.

Autor: Marcos Villela Hochreiter

Marcopolo Rail apresenta a nova solução para mobilidade pública: Prosper VLT Hybrid

Desafios do gerenciamento de riscos logísticos no Brasil

O Brasil, um gigante econômico e territorial, enfrenta desafios significativos no gerenciamento eficaz do transporte de cargas.

Autor: Marcio Lira


Da crise do álcool ao boom dos veículos elétricos: uma jornada automotiva brasileira

Só quem tem a minha idade sabe o que foi viver sem energia para a mobilidade.

Autor: Marcos Villela Hochreiter

Da crise do álcool ao boom dos veículos elétricos: uma jornada automotiva brasileira

A Iveco Brasil versus Iveco Bus Europa: entenda as razões para tantas diferenças

Um dos ensinamentos em comunicação: se você não se explica, você dá asas para a imaginação, e pior, para os concorrentes.

Autor: Marcos Villela Hochreiter

A Iveco Brasil versus Iveco Bus Europa: entenda as razões para tantas diferenças

Critérios para escolher o reparador de tanques do seu veículo

Na área de manutenção de veículos e equipamentos industriais, os tanques de combustível frequentemente enfrentam desgaste, vazamentos e corrosão.

Autor: Divulgação

Critérios para escolher o reparador de tanques do seu veículo

Automóveis elétricos: desafios e perspectivas para as locadoras

O cenário atual da mobilidade elétrica no Brasil apresenta um paradoxo intrigante.

Autor: Marcos Villela Hochreiter

Automóveis elétricos: desafios e perspectivas para as locadoras

Combustíveis, a nova Meca dos investidores

Um dos setores mais rentáveis é o de energia e combustíveis, que movimenta trilhões de dólares em todo mundo.

Autor: Cleiton Santos Santana

Combustíveis, a nova Meca dos investidores

Identificação correta dos amortecedores evita erro de aplicação

Existem amortecedores que são semelhantes na parte externa, no entanto, bem diferentes internamente e exige atenção na hora de aplicar a peça no veículo.

Autor: Divulgação

Identificação correta dos amortecedores evita erro de aplicação

Como funcionam as pastilhas de freio: causas do desgaste prematuro

Desgaste natural do material de atrito da pastilha varia de intensidade se o condutor costuma frear de forma brusca ou leve.

Autor: Divulgação

Como funcionam as pastilhas de freio: causas do desgaste prematuro

Volkswagen avança com veículos comerciais leves autônomos

A eletrificação de VCLs é estratégica, especialmente para entregas urbanas de última milha.

Autor:  Filipi Goschrman

Volkswagen avança com veículos comerciais leves autônomos

O que podemos aprender com os novos padrões de emissões dos EUA?

O que podemos aprender com essas novas regras?

Autor: Marcos Villela Hochreiter

O que podemos aprender com os novos padrões de emissões dos EUA?

Sinais de problemas no coxim do motor

Vibração na carroceria do veículo é um dos indícios que podem indicar comprometimento da peça.

Autor: Divulgação

Sinais de problemas no coxim do motor