Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Ensino híbrido é a nova aposta para concluir o ano letivo

Ensino híbrido é a nova aposta para concluir o ano letivo

29/07/2020 Divulgação

Escolas que aderiram à tecnologia desenvolveram o plano de aula em meio à pandemia para garantir o aprendizado dos alunos.

Ensino híbrido é a nova aposta para concluir o ano letivo

O distanciamento social impôs diversas limitações e mostrou como é difícil mudar totalmente o modo de ensino das escolas, já que, de um dia para o outro, as aulas presenciais foram suspensas e a tecnologia, que nem todo educador ou escola utilizavam com frequência, tornou-se o único elo entre professor e aluno. Agora, com a retomada das atividades presenciais, é necessário que as escolas se adaptem à nova realidade. 

Uma alternativa que pode ser explorada para evitar grandes fluxos de estudantes em salas de aula e minimizar o risco de disseminação da Covid-19, é alterar o plano de ensino para híbrido, que une atividades online e offline por meio de plataformas e dispositivos tecnológicos. Luiz Magalhães, diretor acadêmico da escola Luminova, explica que unir o ambiente online com offline é possível, já que as crianças de hoje nasceram em um contexto hiper-conectado, a chamada geração alpha, e possuem hábitos diferentes de relacionamento, seja com pessoas ou informações, o que torna o aspecto educacional mais voltado aos alunos e menos para o padrão sistematizado e hierárquico de antes.

A rede de ensino, que tem uma proposta inovadora e por premissa democratizar o acesso à educação de qualidade, explora a tecnologia em suas potencialidades no cotidiano dos estudantes, motivo pelo qual conseguiu manter bons resultados dos estudantes mesmo durante a quarentena. “A autonomia e protagonismo do aluno sempre fizeram parte de nosso projeto pedagógico, o que tornou o êxito da escola possível nestes últimos meses. Esse protagonismo continuou em casa, dando condições aos aluno de gerir seu próprio tempo e compreender a importância do ensino para sua formação educacional e social”, comenta. 

É por isso que, diante do momento que vivemos, a aprendizagem híbrida torna-se fundamental como recurso educacional. O acesso a dispositivos conectados à internet possibilita ao estudante que pesquise conteúdos diversos nas plataformas online e repasse para as atividades em cadernos e papéis, num mix saudável que o estimule e instigue a pesquisar e saber mais sobre o tema proposto em sala de aula. “Inauguramos uma nova maneira de aprender de forma colaborativa e cooperativa, onde alunos constróem em tempo real sua própria aprendizagem e que desperta a responsabilidade, autonomia e um processo contínuo por meio de outras linguagens e que não são apenas receptores de informações, mas sim, produtores efetivos de conteúdo”, conclui o educador. 

Fonte: Markable Comunicação



Reino Unido disponibiliza bolsas de mestrado para alunos de 160 países

Além de bolsa de estudos, os aprovados terão passagens pagas.

Reino Unido disponibiliza bolsas de mestrado para alunos de 160 países

Por que o jovem abandona os estudos?

O aluno precisa receber da escola aquilo que cada curso traz em seu enunciado.

Por que o jovem abandona os estudos?

Projeto “Encontro Marcado com Fernando Sabino” chega à Igarapé e Mateus Leme

A ação de incentivo à leitura coordenada pelo Instituto Fernando Sabino já esteve em mais de 90 cidades, contemplando cerca de 900 mil alunos.

Projeto “Encontro Marcado com Fernando Sabino” chega à Igarapé e Mateus Leme

Concurso de poesias celebra bicentenário da Independência do Brasil

Inscrições para alunos da rede pública vão até 2 de setembro.

Concurso de poesias celebra bicentenário da Independência do Brasil

Sinduscon-MG oferece cursos para profissionais da construção civil

Sindicato da Indústria da Construção Civil de Minas está com inscrições abertas para novos cursos on-line com temas de interesse do setor.

Sinduscon-MG oferece cursos para profissionais da construção civil

Volta às aulas X evasão escolar. O que esperar do mês de agosto?

Com a pandemia, Brasil sofre retrocesso e volta a ter o mesmo nível de evasão escolar de 20 anos atrás.

Volta às aulas X evasão escolar. O que esperar do mês de agosto?

Vende-se Gamificação, mas esquece do ensino

Os estudos sobre gamificação não surgiram no campo da educação, e sim no mundo coorporativo.

Vende-se Gamificação, mas esquece do ensino

Ensino básico presencial: importância do espaço escolar para a construção das oportunidades

A importância da educação para o desenvolvimento socioeconômico de um país é matéria de amplo conhecimento da sociedade.

Ensino básico presencial: importância do espaço escolar para a construção das oportunidades

O que o novo Ensino Médio tem a ensinar ao Enem?

A lição mais valiosa do Novo Ensino Médio para o Novo Enem envolve o protagonismo juvenil.

O que o novo Ensino Médio tem a ensinar ao Enem?

MEC autoriza desconto de 12% para dívidas sem atraso do Fies

Para ter o abatimento, é preciso fazer o pagamento à vista.

MEC autoriza desconto de 12% para dívidas sem atraso do Fies

40% do potencial das crianças é desperdiçado no ensino tradicional brasileiro

Modelo nórdico pode aprimorar resultados da educação formando pessoas e profissionais mais felizes e capazes.

40% do potencial das crianças é desperdiçado no ensino tradicional brasileiro

Oportunidade: mais de 100 vagas abertas para capacitação gratuita em programação e administração

Gerdau e Instituto Ser + oferecem o curso em Rio de Janeiro, Minas Gerais e Rio Grande do Sul. Entre os benefícios estão inclusos kit pedagógico e plano odontológico.