Portal O Debate
Grupo WhatsApp

O pedagogo e a qualidade do ensino

O pedagogo e a qualidade do ensino

17/05/2023 Marcos Aurélio Silva Soares

Sem dúvida, uma das profissões de maior importância para a organização do trabalho pedagógico nas unidades educacionais é a de pedagogo.

O pedagogo e a qualidade do ensino

A Lei nº 13.083/2015 instituiu o dia 20 de maio, como Dia Nacional do Pedagogo e comemorar o dia do pedagogo tem por objetivo reforçar a importância dos profissionais que planejam, executam e coordenam as atividades dos diversos profissionais que trabalham nas unidades educacionais.  Uma tarefa complexa e de extrema importância na educação, tendo em vista oferecer ensino de qualidade e obter sucesso no processo de aprendizagem. 

A alteração da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDBEN) n° 9.394/1996 por meio da Lei nº 13.415/2017 (institui a Base Nacional Comum Curricular - BNCC) promoveu modificação dos projetos políticos pedagógicos (propostas pedagógicas) nos anos seguintes à sua implementação e havia uma exigência para todos os entes federativos de que a legislação estivesse em prática em 2020. Contudo, com a Pandemia da Covid-19 (2020) ocorreu uma drástica mudança na organização do trabalho pedagógico das escolas e o trabalho remoto (educação à distância) se tornou realidade no atendimento aos estudantes da Educação Básica.  

Esta nova realidade forçou pedagogos e professores (profissionais da educação) a utilizarem ferramentas de tecnologia educacional, no entanto, isso ocorreu sem as condições necessárias, não só para os profissionais da educação, mas também aos estudantes e as suas famílias. Contudo, é inegável que a Pandemia deixou escancarada a falta de políticas públicas relacionadas à utilização de tecnologias: computador, notebook, celular e internet para inclusão digital, principalmente nas escolas públicas.  

Os dados do Censo da Educação Básica (INEP, 2020, pág. 55) indicam que apesar da rede municipal possuir o maior número de estudantes é a que menos dispõe de recursos tecnológicos, como lousa digital (9,9%), projetor multimídia (54,4%), computador de mesa (38,3%) ou portátil (23,8%) e internet disponível aos alunos (23,8%). Dos dez itens analisados na pesquisa, as escolas estaduais possuem mais recursos tecnológicos e superam a rede privada em cinco itens. 

A BNCC estimula a utilização de tecnologias digitais em todas as áreas do conhecimento e a Pandemia trouxe a necessidade de agilizar a implementação de políticas públicas educacionais que visem a inclusão digital e, em janeiro de 2023 é aprovada a Política Nacional de Educação Digital por meio de alteração no artigo 4º da LDBEN 9.394/1996, garantindo a conectividade em todas as instituições públicas de educação, voltando-se ao letramento digital, criação de conteúdos digitais, foco em segurança e resolução de problemas.  

Sabemos que a realidade de cada ente federativo é diferenciada e cabe a União equalizar as condições de acesso às tecnologias digitais para todos, mas isso não é tudo, a formação dos profissionais da educação é fundamental e destacamos aqui a importância do trabalho dos pedagogos (coordenadores pedagógicos) em busca de uma educação justa, inclusiva e de qualidade. 

* Marcos Aurélio Silva Soares é mestre em Educação e coordenador de Cursos de Pós-Graduação na área de Educação do Centro Universitário Internacional UNINTER.

Para mais informações sobre ensino clique aqui...

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Entre para o nosso grupo de notícias no WhatsApp

Fonte: NQM Comunicação



Os jovens e o trabalho

A responsabilidade de gerar filhos é algo muito sério porque pai e mãe possibilitam a encarnação de uma alma para evoluir no mundo material, o aquém.

Autor: Benedicto Ismael Camargo Dutra

Os jovens e o trabalho

O fim da geração nem-nem está na aprendizagem?

No labirinto complexo das políticas trabalhistas, há uma série de fatores que merecem nossa atenção.

Autor: Francisco de Assis Inocêncio

O fim da geração nem-nem está na aprendizagem?

A escola pública sob administração privada

O Estado do Paraná apresenta ao Brasil um novo formato de administração à rede escolar.

Autor: Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves


O compromisso das escolas privadas na educação antirracista

Alcançar o sucesso demanda comprometimento de faculdades e universidades com a formação inicial de professores.

Autor: Luana Tolentino

O compromisso das escolas privadas na educação antirracista

Inscrições abertas para os cursos de condutores de caminhões

A Fabet São Paulo está com inscrições abertas para três cursos avançados voltados a formação e aperfeiçoamento de condutores de caminhões.

Autor: Marcos Villela Hochreiter


Exercitando a empatia

No meu último ano de sala de aula, tive uma turma de quarto ano que se tornou muito querida.

Autor: Vanessa Nascimento

Exercitando a empatia

Conhecimento é combustível para a motivação

Não são incomuns as histórias de profissionais que, voluntariamente, trocam de emprego para ganhar menos do que em suas posições anteriores.

Autor: Yuri Trafane

Conhecimento é combustível para a motivação

Violência escolar: qual a causa e como solucionar

Comportamentos violentos nas escolas se intensificam cada dia mais, ou pelo menos a sua relevância tem ficado mais clara.

Autor: Felipe Lemos

Violência escolar: qual a causa e como solucionar

Todo dia é Dia da Educação

“A educação do homem começa no momento do seu nascimento; antes de falar, antes de entender, já se instrui.” Rousseau. “O homem não é nada além daquilo que a educação faz dele.” Immanuel Kant.

Autor: Benedicto Ismael Camargo Dutra

Todo dia é Dia da Educação

A integração entre crianças no espaço escolar

A escola, mais do que um simples espaço de ensino, desempenha um papel essencial na formação social das crianças.

Autor: Michelle Norberto

A integração entre crianças no espaço escolar

Como dizer “oi em inglês” tem quase 50 mil buscas mensais no Brasil, segundo pesquisa

De acordo com levantamento da plataforma de idiomas Preply, expressões básicas como “oi”, “bom dia” e “boa noite” são as mais buscadas pelos brasileiros na tradução para o inglês.

Autor: Divulgação

Como dizer “oi em inglês” tem quase 50 mil buscas mensais no Brasil, segundo pesquisa

Educação especial e inclusiva: para onde avançar?

É preciso destacar que o Brasil avançou de forma muito significativa nas últimas décadas no que concerne a políticas de acesso.

Autor: Lucelmo Lacerda e Flávia Marçal

Educação especial e inclusiva: para onde avançar?