Portal O Debate
Grupo WhatsApp

A energia eólica e o impacto dinâmico na economia brasileira

A energia eólica e o impacto dinâmico na economia brasileira

08/03/2024 Divulgação

Já são 1016 parques eólicos existentes com mais de 10.941 turbinas eólicas instaladas.

A energia eólica e o impacto dinâmico na economia brasileira

Desde a primeira instalação de uma turbina eólica no arquipélago Fernando de Noronha em 1992 até o momento, no ano de 2024, o Brasil mostra um desenvolvimento histórico impressionante do uso de energia eólica como energia renovável.  São 30 GW, de energia instalada atualmente. O Brasil é o terceiro país no mundo a desenvolver energia renovável eólica nos últimos anos, atrás apenas da China e EUA.

Dados publicados pela ABEEÓLICA mostram o impacto dinâmico que o desenvolvimento da energia eólica ONSHORE já exerce sobre a economia brasileira. São 1016 parques eólicos existentes com mais de 10.941 turbinas eólicas instaladas. 

É a existência real de uma infraestrutura importante de energia eólica sustentável, que deve ser continuada considerando que um sistema de geração eólica, equivalente a 5,0 GW, fomenta a existência de 67.700 empregos na cadeia produtiva e de 15.000 empregos em tarefas O&M. A expectativa é enorme ao prever um crescimento considerável da geração de energia eólica, que demanda uma produção nacional de equipamentos.   

A demanda de expansão da capacidade de geração de energia eólica no Brasil passa pela continuidade do desenvolvimento da cadeia de fabricantes deste setor. Essa expansão com base local traz maior dinamismo para a economia brasileira com impactos positivos no PIB do país.

Por outro lado, no que concerne à manutenção de equipamentos, a quantidade de 10.000 turbinas instaladas no Brasil com 10 a 15 anos de existência, aguardam prestação de serviços de manutenção, muitas vezes urgentíssimo, o que demanda a presença de instituições, de logística e de pessoal qualificado. A produção local de equipamentos e serviços de manutenção impactam significativamente no crescimento do PIB nacional.

Faz-se necessário então, que a cadeia produtiva e os membros envolvidos com energia eólica tenham conhecimento suficiente e entendam a estrutura tecnológica de uma turbina eólica, como componente importantíssimo na produção de energia renovável. 

Milhares de colaboradores e profissionais precisam ter uma visão, conhecimento geral, da estrutura mecânica dos equipamentos que produzem nas fábricas e que prestam serviços nos parques de geração eólica. A educação técnica é necessária, facilita a compreensão, eficiência e inovação gerando produtividade.

* Mario Larco -é Coordenador de normalização ABNT/ABEEÓLICA / CEE da ABIMAQ.

Para mais informações sobre Energia Eólica clique aqui...

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Entre para o nosso grupo de notícias no WhatsApp

Fonte: Vervi Assessoria



Minas atinge 8 GW em energia solar e garante liderança nacional

Cerca de um quinto de toda a energia solar produzida no Brasil está concentrada em Minas Gerais. É o que aponta o levantamento da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) em 2024. 

Autor: Divulgação

Minas atinge 8 GW em energia solar e garante liderança nacional

Crise energética a caminho: há saída?

No momento em que este artigo é escrito, os reservatórios das hidrelétricas do Brasil estão, em média, com 70% de sua capacidade.

Autor: Alysson Diógenes

Crise energética a caminho: há saída?

Hidrogênio sustentável, a eterna energia do universo

O Brasil detém características que o colocam em posição privilegiada para se inserir competitivamente na cadeia do hidrogênio sustentável.

Autor: Eustáquio Sirolli

Hidrogênio sustentável, a eterna energia do universo

Minas atrai R$4 bilhões em investimentos em fontes alternativas

Hidrogênio verde, biodiesel de macaúba e biogás de resíduos são alguns dos projetos em curso que podem colocar o estado na liderança mundial em tecnologia de produção de energias limpas e renováveis.

Autor: Divulgação

Minas atrai R$4 bilhões em investimentos em fontes alternativas

Saiba se proteger de um perigo que vem do céu

De cada 50 mortes por raios no mundo, uma ocorre em solo brasileiro.

Autor: Divulgação

Saiba se proteger de um perigo que vem do céu

UFMG recebe inscrições para Especialização em Energias Renováveis – EAD

As aulas remotas acontecerão às terças, quartas e quintas; inscrições estão abertas até 3 de março.

Autor: Divulgação


Parceria vai fornecer energia renovável para salões de beleza

Iniciativa deve beneficiar cerca de 80 salões do interior de São Paulo; economia nas contas de luz ultrapassará R$ 600 mil.

Autor: Luiz Pacheco e Joana Fleury

Parceria vai fornecer energia renovável para salões de beleza

Hidrelétricas de pequeno porte permitem o crescimento da energia solar

Para poder crescer no Brasil e ser ambientalmente vantajosa, a energia solar precisa deixar de depender de usinas termelétricas fósseis para à noite compensar a falta de novas hidrelétricas.

Autor: Ivo Pugnaloni

Hidrelétricas de pequeno porte permitem o crescimento da energia solar

Armazenamento de energia é fundamental para transição energética

Sistemas de armazenamento são capazes de permitir o uso combinado de várias fontes de energia limpa, garantindo mais eficácia e segurança.

Autor: Carlos Eduardo Ribas

Armazenamento de energia é fundamental para transição energética

Como as empresas podem reduzir custos de energia e emissões de carbono

Grandes empresas gastam diretamente muito dinheiro em energia a cada ano – e milhões indiretamente, na cadeia de suprimentos, terceirização e logística.

Autor: Pedro Okuhara

Como as empresas podem reduzir custos de energia e emissões de carbono

São Paulo está instalando a maior usina solar flutuante do país

Na última quarta-feira (17), o governador Tarcísio de Freitas entregou a primeira etapa de implantação da Usina Fotovoltaica Flutuante de Araucária, na Represa Billings.

Autor: Divulgação

São Paulo está instalando a maior usina solar flutuante do país

Tecnologia ajuda a reduzir riscos por quedas de energia durante ondas de calor

Especialista explica como empresas podem se preparar para prevenir prejuízos causados pela oscilação de energia e temperatura.

Autor: Davi Lopes

Tecnologia ajuda a reduzir riscos por quedas de energia durante ondas de calor