Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Parceria entre Cemig e Sesi inaugura espaço dedicado à história da energia

Parceria entre Cemig e Sesi inaugura espaço dedicado à história da energia

03/03/2020 Divulgação

Sesi Museu de Artes e Ofícios reúne passado, presente e futuro da eletricidade.

Parceria entre Cemig e Sesi inaugura espaço dedicado à história da energia

Presentear e valorizar a capital dos mineiros é o objetivo da parceria firmada entre a Cemig e a Federação das Indústrias de Minas Gerais (Fiemg). Neste mês Belo Horizonte recebeu o Espaço Cemig Sesi de Eficiência Energética. Situado no Museu de Artes e Ofícios (Sesi MAO), os moradores e visitantes de Belo Horizonte terão a oportunidade de conhecer de perto a evolução da energia elétrica, desde os primórdios do desenvolvimento industrial, até as novas e sustentáveis fontes de energia renovável, que são a marca do futuro. .

O novo espaço é uma iniciativa do Programa Energia Inteligente da Cemig, regulado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), cujo objetivo é disseminar a cultura do uso eficiente da energia e da redução e eliminação do desperdício do recurso.

De acordo com o presidente da Fiemg, Flávio Roscoe, o Sesi MAO é o espaço mais adequado para abrigar o projeto. “No Museu, é possível saber como era a energia desde o início da industrialização. Lá é possível mostrar ao público como esse bem é fundamental para o desenvolvimento da nossa sociedade. É um presente da indústria mineira para a capital, para os mineiros e todos aqueles que passarem por Belo Horizonte”, comenta o líder industrial.

O projeto prevê que milhares de estudantes percorram essa trilha de conhecimento. Para formar uma nova geração de consumidores e incentivar a participação das escolas públicas, o convênio celebrado entre as entidades inclui o atendimento e transporte de alunos da Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH) até o Sesi MAO.

Segundo o presidente da Cemig, Reynaldo Passanezi, a empresa reconhece a importância dos espaços de arte e cultura para a educação e entende que o Museu tem o papel de permitir reflexões sobre temáticas atuais, principalmente quando se trata do consumo sustentável. “O Museu de Artes e Ofícios traz o histórico das profissões, da evolução, da técnica e tudo isso depende de energia. Com seu acesso democrático, no coração de Belo Horizonte, a Cemig acredita que o Espaço de Eficiência Energética cumprirá um importante papel na educação de estudantes e visitantes”, afirma Passanezi.

Espaço Cemig Sesi de Eficiência Energética

A sala temática de eficiência energética, no Sesi MAO, teve investimento de R$ 5 milhões e se propõe a narrar o histórico da energia e das fontes que serão usadas no futuro – as chamadas energias limpas – de modo interativo e lúdico. Além da sala temática principal, o convênio prevê a realização de quatro exposições temporárias de artistas que utilizam matrizes energéticas em seu trabalho, palestras, oficinas e seminários relacionados à eficiência energética e sustentabilidade.

Museu de Artes e Ofícios

Conta a história de dezenas de atividades profissionais que deram origem à indústria de transformação em Minas Gerais. São 2,5 mil peças originais dos séculos XVIII ao XX, entre instrumentos, utensílios, ferramentas, máquinas e equipamentos. Elas representam antigos ofícios em setores tradicionais como: mineração, lapidação e ourivesaria, alimentício, tecelagem, curtumes e energia – este último, setor destacado no novo espaço.

Visitação a partir de 16 de março

Foto: Cemig/Sanderson Pereira

Fonte: Cemig



Armazenamento solar: uma alternativa para acabar com o ‘susto’ da conta de energia

Estudo do Instituto Polis e da Ipec mostrou que quase metade das famílias brasileiras apontam a conta de luz como o item que mais impacta o orçamento familiar.

Autor: Simone Cesário

Armazenamento solar: uma alternativa para acabar com  o ‘susto’ da conta de energia

Pipas prejudicam mais de 100 mil clientes da Cemig nos quatro primeiros meses de 2024

Além do grande risco de acidentes fatais, linhas chilenas e cerol podem causar falta de energia em grandes circuitos do sistema elétrico.

Autor: Divulgação

Pipas prejudicam mais de 100 mil clientes da Cemig nos quatro primeiros meses de 2024

Sobre a alta eficiência energética das máquinas brasileiras

Em um cenário global onde a eficiência energética se torna cada vez mais um diferencial competitivo, a indústria brasileira de máquinas se destaca por sua capacidade de inovação e adaptação.

Autor: Gino Paulucci Jr.


Eficiência Energética da Cemig vai beneficiar mais de 1,5 milhão de pessoas

Previsão de investimento da empresa para o PEE é da ordem de R$ 102 milhões até o fim do ano.

Autor: Divulgação

Eficiência Energética da Cemig vai beneficiar mais de 1,5 milhão de pessoas

Cemig vai instalar mais de 3 mil religadores na rede de distribuição

Equipamentos são instalados nas redes elétricas urbanas e rurais e contribuem para o rápido restabelecimento do serviço em casos de defeitos transitórios.

Autor: Divulgação

Cemig vai instalar mais de 3 mil religadores na rede de distribuição

Se está sobrando energia porque conta de luz é tão cara?

Hidrelétricas ambientalmente sustentáveis seriam um exemplo que poderíamos ter dado ao mundo e não demos.

Autor: Divulgação

Se está sobrando energia porque conta de luz é tão cara?

Minas atinge 8 GW em energia solar e garante liderança nacional

Cerca de um quinto de toda a energia solar produzida no Brasil está concentrada em Minas Gerais. É o que aponta o levantamento da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) em 2024. 

Autor: Divulgação

Minas atinge 8 GW em energia solar e garante liderança nacional

Crise energética a caminho: há saída?

No momento em que este artigo é escrito, os reservatórios das hidrelétricas do Brasil estão, em média, com 70% de sua capacidade.

Autor: Alysson Diógenes

Crise energética a caminho: há saída?

Hidrogênio sustentável, a eterna energia do universo

O Brasil detém características que o colocam em posição privilegiada para se inserir competitivamente na cadeia do hidrogênio sustentável.

Autor: Eustáquio Sirolli

Hidrogênio sustentável, a eterna energia do universo

A energia eólica e o impacto dinâmico na economia brasileira

Já são 1016 parques eólicos existentes com mais de 10.941 turbinas eólicas instaladas.

Autor: Divulgação

A energia eólica e o impacto dinâmico na economia brasileira

Minas atrai R$4 bilhões em investimentos em fontes alternativas

Hidrogênio verde, biodiesel de macaúba e biogás de resíduos são alguns dos projetos em curso que podem colocar o estado na liderança mundial em tecnologia de produção de energias limpas e renováveis.

Autor: Divulgação

Minas atrai R$4 bilhões em investimentos em fontes alternativas

Saiba se proteger de um perigo que vem do céu

De cada 50 mortes por raios no mundo, uma ocorre em solo brasileiro.

Autor: Divulgação

Saiba se proteger de um perigo que vem do céu