Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Fifa quer usar Inteligência Artificial para marcação de impedimentos

Fifa quer usar Inteligência Artificial para marcação de impedimentos

11/02/2020 Divulgação

Sistema de monitoramento cria uma linha de impedimento virtual que pode acelerar a tomada de decisões do VAR.

Fifa quer usar Inteligência Artificial para marcação de impedimentos

O árbitro assistente de vídeo (VAR, do inglês Video Assistant Referee) veio para ajudar na tomada de decisão dos árbitros, especialmente em lances capitais. Mas na final da Copa do Mundo de Clubes de 2019, entre Flamengo e Liverpool, no Qatar, a Fifa realizou seus primeiros testes off-line de uma nova tecnologia que visa melhorar a capacidade do VAR de tomar decisões em impedimentos.

A ferramenta é um sistema de impedimento semi-automatizado que combina rastreamento de jogadores com inteligência artificial. O rastreamento é comum para análise de desempenho, que geram mapas de calor do campo. Mas com base nesses dados, a Fifa espera usar algoritmos para determinar qual jogador está mais próximo da linha de gol a qualquer momento e, em seguida, criar uma linha de impedimento virtual em tempo real.

O sistema consegue detectar o momento do passe e colocar a linha de impedimento na posição correta. Atualmente, são os árbitros que ficam no VAR que decidem qual ângulo de imagem usar para traçar a linha e detectar o impedimento da jogada. Usar inteligência artificial para fazer essa tarefa obviamente aceleraria todo o processo.

O próximo passo é testar os sistemas e melhorar a tecnologia até que esteja em um nível em que possa ser usada em partidas de futebol reais.

Fonte: Olhar Digital



O hidrogênio verde é a chave para unir progresso econômico e sustentabilidade

O Brasil é o quarto país que mais consome fertilizantes globalmente, porém, a produção nacional é insuficiente para atender à demanda.


Microsoft se compromete a atingir metas de ‘zero desperdício’ até 2030

Iniciativa é parte de grande compromisso da empresa em ser Carbono Negativa no mesmo período.

Microsoft se compromete a atingir metas de ‘zero desperdício’ até 2030

Startup mira o descarte da construção civil

Empresa vencedora do Creathon 2019 começa a operar em Porto Alegre-RS.

Startup mira o descarte da construção civil

Foz do Iguaçu terá o primeiro bairro inteligente do país

Projeto envolve tecnologias em segurança pública e mobilidade urbana.

Foz do Iguaçu terá o primeiro bairro inteligente do país

Como a tecnologia pode impulsionar os negócios durante e depois da pandemia

O que já era uma tendência antes da pandemia, agora parece absolutamente imprescindível.

Como a tecnologia pode impulsionar  os negócios durante e depois da pandemia

Robô utiliza inteligência artificial para identificar lesões pulmonares

Robô batizado de “Vics” ajuda a melhorar a precisão do diagnóstico do novo coronavírus.

Robô utiliza inteligência artificial para identificar lesões pulmonares

Cientistas da USP criam lente mil vezes mais fina que um fio de cabelo

Tecnologia inédita poderá ser aplicada em câmeras de celular para torná-las mais baratas.

Cientistas da USP criam lente mil vezes mais fina que um fio de cabelo

O que você precisa saber sobre extintores de incêndio em empresas

Venha descobrir neste post sobre todos os detalhes da utilização dos extintores de incêndio nos ambientes corporativos!

O que você precisa saber sobre extintores de incêndio em empresas

Como escolher a melhor opção de aquecedor a gás

Venha descobrir neste post sobre como escolher o seu aquecedor a gás ideal!

Como escolher a melhor opção de aquecedor a gás

Twitter silencia algumas contas verificadas após ataque de hackers

Falha de segurança que permitiu ataques ainda não foi identificada.

Twitter silencia algumas contas verificadas após ataque de hackers

Operadoras passam a oferecer visão mais detalhada de aglomerações

Ferramenta é um aprimoramento da plataforma Mapas de Calor que fornece a governadores e prefeitos dados para medir isolamento social durante a pandemia da Covid-19.

Operadoras passam a oferecer visão mais detalhada de aglomerações

Sobreviveríamos à pandemia atual no século passado?

A situação atual de emergência mundial causada pela Covid-19 impactou diretamente a Saúde e a Economia dos países e fez com que as empresas buscassem maneiras de se reinventar para sobreviver em todos os sentidos.