Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Uberlândia começa a trocar ônibus a diesel por elétrico

Uberlândia começa a trocar ônibus a diesel por elétrico

31/08/2018 Marcos Villela (Transporte Mundial)

O uso de ônibus elétricos no transporte público é o que tem maior possibilidade de crescer.

Uberlândia começa a trocar ônibus a diesel por elétrico

Primeiro, pelos benefícios imediatos como a redução de ruídos e emissões de gases poluentes. Segundo pela maior facilidade de transferir a conta para os usuários, seja por meio da tarifa, seja por meio dos impostos quando o serviço é subsidiado pelo poder público.

E como é crescente o interesse por mobilidade mais limpa nas cidades, essa é uma tendência em todo o mundo. No Brasil, a cidade mais recente a participar dessa onda é Uberlândia, cidade mais rica do Triângulo Mineiro.

A empresa São Miguel, que atua no Sistema Integrado de Transportes (SIT) de Uberlândia acaba de encomendar oito ônibus 100% elétricos à chinesa BYD. Serão do modelo D9A com carroceria Caio Millenium que serão produzidos na fábrica de Campinas (SP). A entrega está prevista para o final de novembro deste ano.

Os valores da operação não foram revelados, mas a própria indústria comenta nos bastidores que um ônibus elétrico custa de 200% a 300% mais caro que versão similar a diesel. Porém, dizem que, devido ao menor custo operacional, o maior investimento inicial é pago em até sete anos. Também há o benefício para a saúde público devido à redução de poluentes caso os elétricos não rodem dividindo espaço a frota antiga de caminhões, automóveis e motocicletas.

Potência e autonomia

O chassi D9A foi desenvolvido para aplicação urbana e rodoviária com carrocerias de até 13,2 metros modelo piso alto. Ele possui suspensão pneumática dianteira e traseira e freios a disco regenerativos com sistema ABS nas rodas dianteiras e traseiras.

Os dois motores elétricos são acoplados às rodas. Cada um tem potência de 150 kW (equivalente a 203,9 cv), que nos dois eixos somam 300 kW (407,8 cv).

O vice-presidente de vendas da BYD, Vagner Rigon, afirma que “o tempo de recarga completa na garagem é de aproximadamente quatro horas e, em média, dependendo das condições operacionais, a autonomia das baterias é em torno de 300 quilômetros.”

A inclusão de veículos elétricos no rol daqueles utilizados pela São Miguel em Uberlândia, explica o diretor operacional, André Duarte, marca o início de um projeto da empresa para substituir gradativamente a frota abastecida por combustível fóssil.

Cumprindo um ciclo totalmente sustentável, os ônibus utilizarão energia 100% limpa e renovável. Isso porque a São Miguel irá construir, em parceria com a BYD, uma planta de painéis fotovoltaicos para garantir o abastecimento dos ônibus.

* Marcos Villela - Editor da revista e site Transporte Mundial desde fevereiro de 2002.

Fonte: Transporte Mundial  



Alta dos combustíveis? Conheça outras opções para aliviar o bolso

Apostar nos recursos tecnológicos é também uma alternativa para garantir praticidade durante o trajeto até o destino.

Alta dos combustíveis? Conheça outras opções para aliviar o bolso

Volkswagen antecipa novos NFTs após primeira coleção esgotar em poucas horas

Projeto desenvolvido pela startup brasileira OnePercent vende primeira coleção logo após o lançamento e anuncia novas coleções e funcionalidades.

Volkswagen antecipa novos NFTs após primeira coleção esgotar em poucas horas

Somente metade dos brasileiros usam cinto de segurança no banco de trás do carro

O uso do cinto impede que o passageiro seja arremessado, diz especialista.

Somente metade dos brasileiros usam cinto de segurança no banco de trás do carro

Produção de veículos aumenta 11,4% em março, diz Anfavea

Na comparação com março do ano passado, produção foi 7,8% inferior.

Produção de veículos aumenta 11,4% em março, diz Anfavea

Governo Federal cria programa para renovação de frota de caminhões

Entre os objetivos do programa está a retirada de circulação da frota com mais de 30 anos de fabricação.

Governo Federal cria programa para renovação de frota de caminhões

Aeroporto Internacional de Belo Horizonte inaugura Passarela Mineira

Espaço de convivência faz parte do projeto de modernização do Terminal de Passageiros 1.

Aeroporto Internacional de Belo Horizonte inaugura Passarela Mineira

Projeto de mobilidade elétrica é lançado em Fernando de Noronha

Serão inseridos 14 carros elétricos e uma rede de eletropostos com 12 pontos de recarga interligados na ilha.

Projeto de mobilidade elétrica é lançado em Fernando de Noronha

Reciclagem de baterias de veículos elétricos pode ser realidade no país em poucos anos

Ação visa o desenvolvimento de processo de reciclagem de células de baterias de íon-lítio dos veículos da BMW.

Reciclagem de baterias de veículos elétricos pode ser realidade no país em poucos anos

Mesmo caminhando a passos lentos, carros elétricos dominarão o transporte público

O setor de mobilidade urbana ainda precisa cumprir algumas tarefas para ser um exemplo de eficiência no Brasil.

Mesmo caminhando a passos lentos, carros elétricos dominarão o transporte público

Mercedes-Benz reduz dependência da Cemig na fábrica de Juiz de Fora (MG)

A área dispõe de placas de energia fotovoltaica capazes de produzir uma potência de 10.000 kwh/mês.

Mercedes-Benz reduz dependência da Cemig na fábrica de Juiz de Fora (MG)

Será que ainda vale a pena ter carro?

Essa é uma pergunta que toda pessoa que quer ou tem um carro se faz, ainda mais nos dias de hoje em que temos facilidades adicionais com os aplicativos.

Será que ainda vale a pena ter carro?

Aeroportos da Infraero são destaques no Programa “Aeroportos Sustentáveis” da Anac 

Programa busca incentivar a adoção de boas práticas de gestão ambiental nos aeroportos do Brasil. 

Aeroportos da Infraero são destaques no Programa “Aeroportos Sustentáveis” da Anac