Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Resultado da busca: Cultura Afro-Brasileira


Museu da História e Cultura Afro-Brasileira é inaugurado no Rio de Janeiro

Espaço funcionará de quinta a sábado, com entrada franca.


Brasil terá Museu da História e Cultura Afro-brasileira

Museu será construído próximo ao Cais do Valongo no Rio de Janeiro.


PBH lança vídeo-catálogo de exposição sobre influências afro-brasileiras

Mostra 'NDÊ! Trajetórias Afro- Brasileiras em Belo Horizonte' foi exibida no Museu Histórico Abílio Barreto.



Rio de Janeiro vai ganhar Centro Cultural da Herança Africana

No local vai funcionar o Centro de Interpretação do Cais do Valongo e o centro cultural dedicado à herança africana.


Belo Horizonte lança projeto de valorização das culturas tradicionais

Projeto apoia os saberes ancestrais dos povos tradicionais na utilização cultural das plantas


Capoeira agora é Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade

A capoeira se tornou a quinta manifestação cultural brasileira reconhecida pela Unesco como Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade.



Edital para Apoio a Projetos de Promoção da Cultura Negra

Confira o edital para Apoio a Projetos de Promoção da Cultura Negra da Fundação Cultural Palmares que  disponibilizará cerca de  R$ 400 mil reais aos projetos vencedores.


O que propõem os presidenciáveis para educação

A maioria promete revogar o congelamento dos gastos e alguns pretendem recriar ministério.


Lei obriga escolas a exibirem filmes nacionais mensalmente

Pelo menos uma vez por mês, as escolas deverão exibir filmes brasileiros para seus alunos.



A importância de conhecer a nossa história

Para um país como o Brasil, em que a diversidade cultural é imensa, pode parecer estranho quando se fala na história dos nossos antepassados.


Penteados de negros em homenagem ao Dia da Consciência Negra

A ditadura dos cabelos lisos está com os dias contados. Pelo menos, na Escola Estadual Benedito Tolosa, na Casa Verde.


Ouro Preto celebra a coroação de Chico Rei

Ouro Preto promove até o dia oito de janeiro, a folclórica manifestação popular mineira de coroação de Chico Rei, personagem considerado o primeiro rei dos escravos em Minas Gerais e fundador da Irmandade de Santa Efigênia. A novidade deste ano é que, pela primeira vez, o evento é organizado pela prefeitura e conta com o suporte financeiro do Ministério da Cultura.