Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Alerta Masculino: a Campanha Novembro Azul

Alerta Masculino: a Campanha Novembro Azul

25/10/2014 Daniel Xavier Lima

A campanha Novembro Azul faz alerta sobre o câncer de próstata, segunda causa mais frequente de mortes em homens no Brasil.

O mês de novembro tem sido um período de alerta para o câncer de próstata em todo o mundo, havendo campanhas de conscientização apoiadas e propagadas por instituições médicas, marcas de produtos esportivos e até cervejarias.

A cor escolhida para a fita de alerta contra o câncer de próstata é o azul claro, assim como o branco refere-se ao câncer de pulmão, o amarelo ao osteossarcoma (tumor maligno nos ossos), o rosa ao câncer de mama, dentre outros.

O câncer de próstata é a segunda causa mais frequente de mortes em homens no Brasil. Em todo o mundo é o sexto mais comum, correspondendo a 10% de todos os tumores malignos.

A próstata é uma glândula presente apenas nos homens, localizada à frente do reto e logo abaixo da bexiga. Sua função está relacionada com a fertilidade masculina, pois produz uma substância que compõe o sêmen. A doença que mais afeta a próstata não é o câncer, mas sim, a hiperplasia, que é o seu crescimento exagerado com consequências relativas à micção.

O paciente com hiperplasia prostática pode manifestar dificuldade para urinar ou micções muito frequentes e essas manifestações são vistas principalmente a partir dos 50 anos de idade. Coincidentemente, essa também é a idade na qual o câncer da próstata comumente é diagnosticado.

Ao contrário da hiperplasia, o câncer não causa sintoma algum na fase inicial. Para que o diagnóstico seja suspeitado nessa fase ainda curável da doença, é fundamental que seja feita a avaliação urológica anual, com a dosagem do exame PSA no sangue e a realização do exame da próstata pelo toque retal.

Nos casos em que o urologista detecta alterações significativas em algum desses exames, a biopsia prostática pode então confirmar ou não a presença do tumor. O conceito equivocado de que o rastreamento do câncer de próstata deve ser feito apenas nos pacientes com sintomas é um dos principais focos da campanha Novembro Azul. Quando os sintomas são devidos ao câncer, possivelmente esse homem já apresenta doença avançada, com remotas possibilidades de cura.

Existem casos em que o câncer de próstata se desenvolve muito lentamente, podendo levar muitos anos para poder causar algum dano ao indivíduo. Por outro lado, alguns tumores têm um comportamento mais agressivo e podem levar à morte se não tratados.

O urologista deve avaliar o caso à procura de sinais de agressividade do tumor e discutir abertamente com o paciente as opções de tratamento, que podem inclusive incluir um acompanhamento temporário da doença. O tratamento evoluiu de forma significativa nos últimos anos, com menor agressividade do tratamento cirúrgico e da radioterapia, que são as alternativas de tratamento curativo.

Os possíveis efeitos colaterais, que são principalmente a impotência sexual e a incontinência urinária, são menos frequentes do que no passado e são passíveis de tratamento, quando necessário. O que não se pode ignorar é que o rastreamento do câncer de próstata levou à redução de 40% na mortalidade desse tumor em todo o mundo nos últimos anos, além de ter evitado muito sofrimento. Assim, o que se espera da campanha Novembro Azul é uma conscientização ainda maior e que os homens contem cada vez mais com seus urologistas para gerar saúde e qualidade de vida.

* Daniel Xavier Lima - mestre e doutor em Cirurgia pela UFMG e médico Urologista do Biocor Instituto.



Verão requer atenção redobrada com picadas de insetos

Com a chegada do verão, as pessoas deixam a pele mais exposta e, consequentemente, as picadas de insetos também se tornam frequentes.

Verão requer atenção redobrada com picadas de insetos

Consumo de cigarros ilegais cai no Brasil pelo segundo ano consecutivo

Estudo foi divulgado pelo Instituto Nacional de Câncer.

Consumo de cigarros ilegais cai no Brasil pelo segundo ano consecutivo

Viajar de avião com conjuntivite exige cuidados

Médico explica que muitas vezes o paciente adquire a doença ainda durante o voo.

Viajar de avião com conjuntivite exige cuidados

Anvisa libera venda de maconha para uso medicinal

Manipulação da substância não será permitida, e compra poderá ser feita apenas com prescrição médica.

Anvisa libera venda de maconha para uso medicinal

A dieta do limão provoca erosão dentária e aumento de cáries entre as mulheres

Acidez do limão provoca microporosidades na superfície do esmalte dos dentes.

A dieta do limão provoca erosão dentária e aumento de cáries entre as mulheres

Cáries não tratadas podem causar inflamação no coração

Todo mundo sabe que a falta de higiene bucal e a não visitação periódica ao dentista podem causar muitos danos aos dentes e à boca em geral.


Brasil tem 135 mil pessoas convivendo com HIV que não sabem

Somente em 2018, foram notificados 43,9 mil novos casos no país

Brasil tem 135 mil pessoas convivendo com HIV que não sabem

Homens precisam fazer reposição hormonal?

Especialista do Hospital São Camilo fala sobre problemas que podem afetar a saúde masculina.

Homens precisam fazer reposição hormonal?

A importância do Exame de Toque da Próstata

O câncer de próstata é a neoplasia sólida mais comum, após o melanoma, e a segunda maior causa de óbito oncológico no sexo masculino no Brasil.


Brasileiro consome quase o dobro de sal recomendado pela OMS

Pesquisa nacional que usou dados biológicos de brasileiros

Brasileiro consome quase o dobro de sal recomendado pela OMS

Especialista lista os principais cuidados que os pais devem ter com as crianças na praia

Com a chegada do verão, das festas de fim de ano e das temperaturas mais elevadas, as praias são o destino preferido de muitas famílias brasileiras por proporcionarem lazer e diversão.

Especialista lista os principais cuidados que os pais devem ter com as crianças na praia

Expectativa de vida de brasileiros com sobrepeso é 3,3 anos menor que a média geral

De acordo com o Ministério da Saúde, 55,7% da população brasileira está acima do peso.

Expectativa de vida de brasileiros com sobrepeso é 3,3 anos menor que a média geral