Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Gravidez depois dos 35: o que você precisa saber

Gravidez depois dos 35: o que você precisa saber

19/11/2020 Divulgação

Especialista explica principais mitos e verdades para mulheres que querem engravidar depois dos 35 anos.

Gravidez depois dos 35: o que você precisa saber

Cada vez aumenta mais o número de mulheres que engravidam depois dos 35 anos. Levantamento do Núcleo de Inteligência da Folha de São Paulo, de 2019, revelou que o número de mulheres que deram à luz entre os 35 e os 39 anos aumentou 71% nos últimos 20 anos no Brasil.

“A gravidez após os 35 anos passa por algumas situações pontuais. Com o passar do tempo, a capacidade de ovulação da mulher vai diminuindo, e a partir desta idade existe uma redução progressiva mais acentuada na ovulação, o que acaba prejudicando um pouco mais a chance de engravidar”, explica o ginecologista obstetra e diretor da Maternidade Brasília, Evandro Oliveira.

O levantamento ainda demonstrou que os nascimentos de bebês de mães que tinham de 20 a 29 anos caíram 15%, entre 1998 e 2017. No mesmo período, as gestações de mulheres acima dos 30 anos até os 44 anos cresceram 65%. A ciência explica que, entre os principais motivos para atrasar a gravidez, está na emancipação da mulher do século XXI. Muitas delas, têm preferido focar em assuntos pessoais como carreira profissional à engravidarem. 

Assim, o ginecologista explica que a programação da gravidez após esta idade passa por critérios importantes e necessita de avaliação médica especializada em reprodução assistida. “Este especialista dará uma avaliação hormonal e física que permita a paciente engravidar com mais segurança e menos riscos. Além disso, ele também pode trazer o debate sobre a possibilidade de captação dos óvulos da paciente para uma gravidez posterior, porém com óvulos de uma idade anterior, cronológica menor (congelamento de óvulos)”, afirma.

Evandro ressalta que não há contraindicações de mulheres que já foram mães e querem ser de novo nessa idade. Segundo o ginecologista, este é, na verdade, um fator positivo. Outro ponto é com relação aos contraceptivos: “não atrapalha. A paciente que usa [anticoncepcional] há muito tempo, com menos de 35 anos, deve fazer periodicamente uma avaliação ginecológica, pelo menos uma vez por ano, para verificar efeitos adversos que possam prejudicar a gestação. Estes efeitos não estão necessariamente ligados ao uso do método contraceptivo”.

Fonte: Maternidade Brasília e Re9 Comunicação




Atividade física e saúde mental: mais é menos ou menos é mais?

Que a atividade física traz benefícios à saúde, não é novidade para quase ninguém, certo? No entanto, menos ênfase é dada à saúde mental.

Atividade física e saúde mental: mais é menos ou menos é mais?

Ministério da Saúde começa processo para distribuir vacina contra Covid-19 pelo país

Estados receberam segunda-feira (18) seis milhões de doses do imunizante, entregues hoje ao centro de logística do Governo Federal.

Ministério da Saúde começa processo para distribuir vacina contra Covid-19 pelo país

Covid-19: vacinação trará normalidade imediata à rotina das pessoas?

Um alerta para a importância de manter protocolos de segurança mesmo após imunização.

Covid-19: vacinação trará normalidade imediata à rotina das pessoas?

Estado deve fornecer medicamento para hepatite tipo C

Juiz considerou gravidade da doença e eficácia do remédio reconhecida pelo poder público.


Saiba escolher o melhor protetor solar para sua pele

Particularidades nos produtos fazem a diferença em cada tipo de pele.

Saiba escolher o melhor protetor solar para sua pele

Exposição excessiva a telas podem aumentar sintomas de cansaço na vista

Para qualquer sintoma relacionado a visão a recomendação é visitar um oftalmologista e encontrar a melhor solução para o problema.

Exposição excessiva a telas podem aumentar sintomas de cansaço na vista

Vai para a praia? Os principais cuidados para evitar a infeção urinária

O verão é um período em que as pessoas associam calor, férias, dias de sol, praia.

Vai para a praia? Os principais cuidados para evitar a infeção urinária

90% dos brasileiros gostariam de fazer mais pela saúde física e mental em 2021

Estudo da Hibou revela que 83% dos brasileiros se consideram saudáveis.

90% dos brasileiros gostariam de fazer mais pela saúde física e mental em 2021

Vacinação, a grande tarefa de 2021

Passadas as festas, voltamos à rotina.

Vacinação, a grande tarefa de 2021

Formigas podem transmitir mais fungos e bactérias que baratas

As formigas têm a capacidade de provocar doenças como intoxicações alimentares, diarreia, vômito, entre outras.

Formigas podem transmitir mais fungos e bactérias que baratas

Cuidado com álcool em gel no verão

Produto aumenta o risco de manchas em quem tem dermatites.

Cuidado com álcool em gel no verão

Faça o teste e descubra se você tem refluxo

Infelizmente, esse mal é mais comum do que deveria. Afeta cerca de 50 milhões de brasileiros - 30% da população adulta.

Faça o teste e descubra se você tem refluxo