Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Os perigos a longo prazo do vape: como o cigarro eletrônico afeta a saúde da pele

Os perigos a longo prazo do vape: como o cigarro eletrônico afeta a saúde da pele

16/09/2023 Dra. Mayla Carbone

Dermatologista explica como o uso do cigarro eletrônico pode ser prejudicial e porque é hora de repensar o hábito.

Os perigos a longo prazo do vape: como o cigarro eletrônico afeta a saúde da pele

Nos últimos anos, o vape ou cigarro eletrônico, ganhou popularidade como uma alternativa aparentemente mais segura ao tabagismo tradicional. No entanto, à medida que as pesquisas avançam, cada vez mais surgem evidências alarmantes dos danos que o aparelho pode causar à saúde.

O vape contém uma série de substâncias químicas prejudiciais, incluindo nicotina, alcatrão, formaldeído e produtos químicos aromatizantes, sendo que alguns vendidos ilegalmente também contam com remédios fortes para tratamentos médicos. Essas substâncias não apenas afetam os pulmões, mas também têm impactos diretos na saúde da pele.

De acordo com a doutora Mayla Carbone, dermatologista membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), a nicotina presente no vape restringe os vasos sanguíneos, diminuindo seu fluxo para a superfície cutânea. “O resultado é uma diminuição da oxigenação e nutrientes fornecidos à epiderme, levando a um envelhecimento prematuro”, explica Mayla. “Linhas finas, rugas e uma aparência opaca são apenas alguns dos sinais visíveis desse dano”, diz.

A médica também ressalta que a exposição à nicotina pode aumentar a produção de sebo e inflamação na pele, favorecendo o surgimento da acne e dificultando sua cicatrização. “Os produtos químicos tóxicos liberados durante a vaporização podem irritar a pele, causando inflamações, vermelhidão e até mesmo eczema em alguns casos. As substâncias químicas nocivas podem também afetar as glândulas sebáceas, levando ao aparecimento de acne e agravando problemas dermatológicos existentes”, alerta.

Além disso, por conter milhares de produtos químicos nocivos ao organismo, o consumo pode acabar afetando a capacidade do corpo de se curar. Isso significa que cortes, arranhões e lesões no rosto e no corpo podem levar mais tempo para se recuperar, deixando cicatrizes mais visíveis. E para aqueles que já sofrem de condições de pele como psoríase e eczema, o vape pode piorar os sintomas e tornar o controle dessas condições mais desafiador.

Diante desses riscos, é fundamental repensar o uso do cigarro eletrônico e buscar alternativas mais saudáveis para lidar com o estresse e outros desafios. “A indicação para quem busca parar de usar o vape ou qualquer produto relacionado ao tabaco é consultar um profissional de saúde para obter apoio e orientação”, destaca Mayla. “É essencial lembrar de que a beleza da sua pele reflete a sua saúde interior, e proteger ambos deve ser uma prioridade constante”, finaliza.

* Dra. Mayla Carbone, dermatologista membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD).

Para mais informações sobre saúde da pele clique aqui...

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Entre para o nosso grupo de notícias no WhatsApp

Fonte: Máxima Assessoria



Dores nas costas lideram causas de afastamento do trabalho no Brasil

Para ter o benefício por incapacidade temporária, o primeiro passo é procurar um médico especialista.

Autor: Adriana Belintani

Dores nas costas lideram causas de afastamento do trabalho no Brasil

Projeto de Lei quer disponibilizar adrenalina autoinjetável pelo SUS

A proposta será analisada em caráter conclusivo pelas comissões de Saúde; de Finanças e Tributação, de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Autor: Divulgação

Projeto de Lei quer disponibilizar adrenalina autoinjetável pelo SUS

Gastrite: dicas para prevenir e tratar a doença

O Google Trends, um dos sites mais famosos de busca na internet, vem apontando “gastrite” como um dos temas mais pesquisados pelos usuários.

Autor: Divulgação

Gastrite: dicas para prevenir e tratar a doença

Especialistas alertam para cuidados com queimaduras de limão, sol e água-viva

Comuns no verão, essas lesões podem se tornar graves se não tiverem a atenção necessária.

Autor: Divulgação

Especialistas alertam para cuidados com queimaduras de limão, sol e água-viva

Dengue: hidratação com até 6 litros de água pode evitar o tipo hemorrágico

Especialista em Saúde Pública esclarece que uma pessoa pode adoecer quatro vezes com os quatro sorotipos da doença.

Autor: Divulgação

Dengue: hidratação com até 6 litros de água pode evitar o tipo hemorrágico

Menopausa: sintomas, tratamentos e dicas

Ginecologista Loreta Canivilo explica tudo sobre esse período da vida da mulher.

Autor: Divulgação

Menopausa: sintomas, tratamentos e dicas

Crianças e Dengue: como prevenir?

Número de casos é alto entre os pequenos e algumas faixas etárias não podem sequer usar repelentes contra insetos.

Autor: Divulgação

Crianças e Dengue: como prevenir?

Dengue, Chikungunya e Zika: conheça os sintomas de cada doença

“Os sintomas podem ser parecidos, por isso, é importante uma avaliação médica”.

Autor: Divulgação

Dengue, Chikungunya e Zika: conheça os sintomas de cada doença

Maioria dos adultos sofrem com dores ou inchaços após o dia de trabalho

Um estudo recente aponta que uma grande parcela da população adulta relata sentir dores e inchaços após um longo dia de trabalho.

Autor: Divulgação

Maioria dos adultos sofrem com dores ou inchaços após o dia de trabalho

Novo corpo, novo indivíduo, novo eu

A cirurgia desempenha um papel importante na vida dos pacientes pós-bariátrica.

Autor: Simone Barros

Novo corpo, novo indivíduo, novo eu

Queloide: o que é e como evitar?

Queloide é uma condição dermatológica caracterizada pelo crescimento anormal de tecido cicatricial.

Autor: Divulgação

Queloide: o que é e como evitar?

Dor no calcanhar afeta 1 em cada 10 pessoas depois dos 40 anos

A fascite plantar é uma doença caracterizada pela degeneração progressiva da fáscia plantar, tecido que se estende do osso do calcanhar até a planta do pé.

Autor: Divulgação

Dor no calcanhar afeta 1 em cada 10 pessoas depois dos 40 anos