Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Ouvir – uma conexão com a saúde?

Ouvir – uma conexão com a saúde?

16/10/2015 Wendy Margolese

Costuma-se dizer que temos dois ouvidos e apenas uma boca para ouvir mais do que falar.

Mas, em virtude da crescente conveniência da tecnologia, é cada vez mais difícil dar o tempo necessário para ouvir e, assim, criar e manter relacionamentos significativos – sejam entre médico e paciente, patrão e empregado, pai e filho ou marido e mulher. Apesar disso, relacionamentos são importantes. É da dinâmica de ouvir e ser ouvido que eles provêm.

Cada vez mais, a comunidade médica está atenta ao papel que o ouvir desempenha no tratamento de um paciente.

Há quem argumente que o sistema médico atual, ao seguir a lógica da redução de tempo, trocou a arte do ouvir – os dados qualitativos – pela ânsia pelos dados quantitativos que a tecnologia oferece.

O Dr. Ted Kaptchuk, diretor da Escola de Medicina de Harvard, alerta que “os medicamentos são reconhecidos como o próprio tratamento, ao passo que o relacionamento – a audição respeitosa e cuidadosa – virou o resto”. Sábios médicos e enfermeiros, assevera ele, sabem que “o resto” – respeito, atenção, empatia etc – costuma responder pela maior parte do cuidado médico.

Se, ao buscar saúde, não encontramos a conexão, há outra fonte à qual podemos nos dirigir. Para encontrá-la, precisamos aguçar nossa própria capacidade de ouvir.

Os Salmos dizem: “Aquietai-vos, e sabei que eu sou Deus”. Um sábio conselho para quem quer se tornar um melhor ouvinte!

Esse ouvir também tem um efeito sanador, conforme demonstrou Bob, que estava perdendo sua audição. Ele buscou na Bíblia referências a ouvir e audição. Enquanto buscava compreensão espiritual, percebeu que precisava ouvir mais a Deus.

Também percebeu que falava demais e ouvia pouco seus colegas de trabalho. Bob se esforçou para deixar de lado seu próprio ponto de vista e, humildemente, deixar as opiniões pessoais serem dissolvidas ao ouvir a fonte divina da inteligência. No trabalho, passou a ouvir as pessoas sem julgamento.

Aos poucos, sua audição voltou ao normal. Para ele, essa cura foi o resultado da confiança na inteligência divina e do compromisso em ouvir melhor.

É natural querer saber se alguém nos ouve e cuida da nossa saúde. A Mente infinita conhece nossas necessidades. Não é necessário falar muito; ouvir faz a conexão.

* Wendy Margolese escreve sobre espiritualidade e saúde. Ela é Comité de Publicação da Ciência Cristã em Ontário, Canadá.



Glaucoma atinge milhões de pessoas no país e pode causar a perda de visão

Campanha Maio Verde visa estimular a conscientização sobre o diagnóstico precoce da doença, que tem progressão lenta e assintomática.

Autor: Divulgação

Glaucoma atinge milhões de pessoas no país e pode causar a perda de visão

Desconforto no joelho sem causa aparente?

Problema pode estar no quadril, alerta especialista.

Autor: Divulgação

Desconforto no joelho sem causa aparente?

Transplante capilar: cada paciente é de um jeito

Realizar o transplante capilar é um sonho para muitas pessoas com calvície ou com outros problemas que resultam na queda de cabelo.

Autor: ‌Melina Oliveira

Transplante capilar: cada paciente é de um jeito

O que o seu “catarro” quer dizer?

Especialista explica as principais doenças que podem causar a secreção na garganta e como tratar.

Autor: Divulgação

O que o seu “catarro” quer dizer?

Prevenção cardiovascular: quanto mais cedo melhor!

Em artigo, cardiologista da Unimed Araxá explica a importância de modificar fatores que originam as doenças.

Autor: Dr. Flávio Paes

Prevenção cardiovascular: quanto mais cedo melhor!

O tempo seco e as alergias

Com uma nova onda de calor chegando aliada ao tempo seco, comum nesta época do ano, as alergias respiratórias ganham força.

Autor: Divulgação

O tempo seco e as alergias

Sono ruim aumenta risco de glaucoma em até 20%, diz estudo

Ronco e sonecas durante o dia também aumentam chance de ter um glaucoma.

Autor: Divulgação

Sono ruim aumenta risco de glaucoma em até 20%, diz estudo

O que você precisa saber sobre a doença do beijo

Dr. Ricardo Kores, médico infectologista do HC-UFU responde às principais dúvidas.

Autor: Divulgação

O que você precisa saber sobre a doença do beijo

Nascimento prematuro e autismo: Existe relação?

Neuropediatra e membro do Conselho Científico da ONG Prematuridade.com explica a questão.

Autor: Divulgação

Nascimento prematuro e autismo: Existe relação?

7 fatos que você precisa saber antes de cogitar uma plástica

49,5% dos profissionais processados por erros médicos não tinham certificados em cirurgia plástica.

Autor: Divulgação

7 fatos que você precisa saber antes de cogitar uma plástica

Frutose, álcool e café: qual relação com a gordura no fígado?

Endocrinologista responde a dez dúvidas sobre a esteatose hepática.

Autor: Dra. Marília Bortolotto

Frutose, álcool e café: qual relação com a gordura no fígado?

As causas da má saúde causa pressão sobre o setor

A incapacidade de tornar a saúde da população uma prioridade leva a pressões crescentes sobre o sistema de saúde.

Autor: Mara Machado

As causas da má saúde causa pressão sobre o setor