Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Saiba como ar condicionado e ventilador podem desencadear doenças respiratórias

Saiba como ar condicionado e ventilador podem desencadear doenças respiratórias

21/01/2020 Da Redação

Equipamentos precisam de manutenção e limpeza adequadas para não causarem danos à saúde.

Saiba como ar condicionado e ventilador podem desencadear doenças respiratórias

Já virou tradição: basta as temperaturas lá fora subirem para que comecem as discussões dentro das empresas e, até mesmo dentro de casa. É que ao longo do verão, muita gente opta pelo uso de ventiladores e aparelhos de ar condicionado para ajudar a refrescar o ambiente. O problema é que, às vezes, esses eletrônicos prejudicam tanto a saúde que acabam não valendo a pena.

"Esses aparelhos podem causar o ressecamento das vias aéreas e, com isso, diminuem as defesas naturais do corpo. Fica mais fácil desenvolver resfriados e doenças respiratórias, como rinite, sinusite e até pneumonia", alerta a médica otorrinolaringologista da Universidade de São Paulo (USP) Dra. Maura Neves.

Com as vias aéreas ressecadas, as mucosas deixam de filtrar vírus e bactérias que acabam entrando no organismo. Manter a hidratação em dia é essencial ao longo de todo o ano, mas sob o risco de ressecamento das mucosas, é preciso redobrar a atenção com a quantidade de líquidos ingerida.

O choque térmico causado pela diferença de temperatura interna e externa também não faz bem. "O ideal é manter o ambiente a uma temperatura de 23°C. Nunca abaixo ou acima disso", diz Dra. Maura, que destaca que esta é uma indicação da própria Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e vale para o carro, casa e trabalho.

Para evitar que doenças sérias comprometam o verão, Dra. Maura sugere organização e planejamento. Dessa forma, é possível, semanas antes das grandes ondas de calor chegarem, realizar a higiene adequada tanto nos filtros do ar condicionado quanto nas hélices e grades do ventilador. "O ventilador, quando sujo, acumula poeira, ácaros, fungos, vírus e bactérias que podem ser nocivos à saúde. Usá-lo sem a correta higienização pode desencadear espirros e até crises mais sérias", diz.

Prevenção

Além de higienizar corretamente os aparelhos antes do uso e caprichar no consumo de água durante o verão, o uso de soro fisiológico 0,9% para lavar as narinas faz toda a diferença na hora de evitar o ressecamento das mucosas e a contaminação por micro-organismos.

"O soro pode ser nebulizado diretamente nas narinas, por meio de aplicador próprio da embalagem ou conta-gotas, ou ainda ser vaporizado no inalador por 15 minutos por dia - pela manhã e antes de dormir", orienta Dra. Maura.

Doenças associadas

Algumas enfermidades podem ser desencadeadas pelo mau uso do ventilador ou do ar condicionado:

Doença do Legendário: causado por bactéria, causa uma pneumonia bem grave.

Asma: é uma doença inflamatória crônica nas vias respiratórias. Causa falta de ar, cansaço, chiado, aperto no peito e grande mal-estar.

Rinite: quando alérgica, infecciona a mucosa nasal e causa sintomas parecidos com os da gripe, como espirros, coriza fluída, coceira nas vias aéreas, congestão nasal, irritação nos olhos etc.

Fonte: UPDATE Comunicação Inteligente



Violência “no touch”

O assédio moral pode trazer sequelas emocionais e físicas.


Esfoliação ideal para uma pele linda e renovada

Dicas para manter uma pele saudável e bem cuidada.

Esfoliação ideal para uma pele linda e renovada

Fevereiro é mês de conscientização do Lúpus, Fibromialgia e Alzheimer

Embora sejam doenças que não têm cura o diagnóstico precoce e correto pode garantir melhor qualidade de vida aos pacientes.

Fevereiro é mês de conscientização do Lúpus, Fibromialgia e Alzheimer

Exercícios físicos x uso de prótese nos seios

O implante de próteses nos seios é uma das cirurgias plásticas mais procuradas pelas brasileiras.

Exercícios físicos x uso de prótese nos seios

Campanha Nacional de Vacinação contra sarampo foca em crianças e jovens

Nesta primeira etapa serão enviadas 660 mil doses da tríplice viral, destinadas a crianças e jovens entre 5 e 19 anos.

Campanha Nacional de Vacinação contra sarampo foca em crianças e jovens

Como utilizar corretamente o protetor solar

Dicas simples que podem te ajudar de forma correta este produto indispensável para a saúde.

Como utilizar corretamente o protetor solar

Transtorno de conduta infantil

O Transtorno de conduta (TC) não é uma simples desobediência.


Volta às aulas: as vacinas estão em dia?

A Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) recomenda que as vacinas das crianças e dos adolescentes estejam em dia.

Volta às aulas: as vacinas estão em dia?

Artrose nas mãos é comum, mas pode ser evitada

Doença normalmente associada à idade avançada, pode se manifestar muito cedo, causando dores e limitações motoras, mas é possível atenuar seus efeitos.

Artrose nas mãos é comum, mas pode ser evitada

Dia Nacional da Mamografia: um alerta sobre a importância do exame

Prevenção pode detectar lesões assintomáticas e possibilita tratamento do câncer de mama em fase inicial.

Dia Nacional da Mamografia: um alerta sobre a importância do exame

Hanseníase: entenda a doença

Considerada uma das doenças mais antigas do mundo, a Hanseníase foi registrada pela primeira vez no século 6 a.C., sendo conhecida naquela época como lepra.


Brasil terá 625 mil novos casos de câncer por ano até 2022

Para a população infantojuvenil são esperados mais de 8 mil casos, diz Inca.

Brasil terá 625 mil novos casos de câncer por ano até 2022